Novo decreto libera passe para todos os estudantes em Teresina

Um novo decreto, publicado nesta terça-feira (17) pela Prefeitura de Teresina, liberou os passes para todos os estudantes da capital que utilizam o transporte público. O desbloqueio será feito automaticamente pelo Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Teresina (Setut) e todos os cartões estarão liberados até a próxima quinta-feira,  19. Os créditos bloqueados durante o período de suspensão serão revalidados automaticamente pelos próximos dois meses.

“O transporte público vem seguindo as flexibilizações feitas pela Prefeitura e, dessa vez, o passe será liberado a todos os estudantes que necessitam do serviço de transporte público. Porém, alertamos que a pandemia não acabou e que os deslocamentos sejam feitos apenas em casos de atividades essenciais, seguindo todos os protocolos de segurança”, explicou o gestor da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), Weldon Bandeira.

Com a estabilização dos casos da Covid-19 na capital, a Prefeitura de Teresina vem flexibilizando o funcionamento de setores como lazer, saúde e transporte público. Anteriormente, o desbloqueio era permitido somente aos alunos do terceiro ano do Ensino Médio/Pré-Enem e oitavo período em diante, que realizavam estágios em diversas áreas ou atividades complementares de saúde.

Decreto libera passe estudantil aos estudantes que retornaram às aulas presenciais em Teresina

A Prefeitura de Teresina publicou o decreto nº 20.156, que libera o passe estudantil aos estudantes que retornaram às aulas presenciais. Neste primeiro momento, o desbloqueio será permitido somente aos alunos do terceiro ano do Ensino Médio/Pré-Enem e oitavo período em diante que estejam realizando estágios em diversas áreas ou atividades complementares de saúde. As atualizações de cadastro devem ser feitas na sede do Setut, mediante agendamento pelo telefone (86) 3214-5610, de segunda à sexta, das 8h às 17h.

O gestor da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), Weldon Bandeira, informa que a liberação dos passes será dada de forma gradual, conforme for retomado o funcionamento das instituições de ensino. “O passe estudantil havia sido suspenso em abril deste ano, como forma de inibir a proliferação da Covid-19 durante o uso do transporte público. Estamos nos adequando ao retorno gradual das atividades e estaremos sempre atentos aos próximos passos dados pelo setor da educação”, ressalta.

A logística para liberação dos passes estudantis deve ser divulgada pelo Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Teresina (Setut). Durante a atualização do cadastro e liberação do passe junto ao Setut, os estudantes do terceiro ano do Ensino Médio e Pré-Enem devem apresentar: declaração da instituição de ensino informando que o estudante está assistindo aula presencial; RG; CPF; comprovante de endereço e carteira de estudante. Já os estagiários a partir do oitavo período devem apresentar: declaração da empresa pela qual o estagiário é contrato; declaração da instituição de ensino declarando qual o período o estudante está cursando; RG; CPF; comprovante de endereço e carteira de estudante.

Ao passar o cartão, o estudante terá o crédito revalidado automaticamente pelos dois meses subsequentes.

Guarda Municipal fecha oito estabelecimentos funcionando após o horário permitido neste domingo (20)

A Guarda Municipal de Teresina manteve, neste final de semana, a fiscalização do cumprimento do decreto referente ao horário de funcionamento das atividades comerciais na cidade. Apenas no domingo (20), foram registrados oito estabelecimentos abertos após o horário permitido.

“Esses estabelecimentos extrapolaram o horário de funcionamento no período noturno. Eles foram orientados e as atividades foram cessadas. Nossa fiscalização será mantida para que, enquanto durar o decreto, o comércio, especialmente bares e restaurantes, possa funcionar dentro do horário permitido na legislação”, explicou o comandante da Guarda Municipal, Coronel John Feitosa.

Desde o último domingo (20), houve a flexibilização das restrições para as atividades econômicas e sociais. A medida já tinha sido iniciada aos sábados e agora se estende por todo o final de semana, respeitando os protocolos de prevenção da disseminação do novo coronavírus, como a determinação de horários específicos de funcionamento.

Para denunciar aglomerações ou funcionamento irregular de estabelecimentos comerciais, a população pode entrar em contato com a Guarda Municipal através dos números 193, em ligação gratuita, ou pelo Whatsapp (86) 99438-0254 e ainda pelo (86) 3215-9317.

Prefeitura amplia horário dos serviços de saúde e de número de pessoas em eventos religiosos

A Prefeitura de Teresina ampliou, através de decreto, os horários para o funcionamento dos serviços de saúde na capital e o número de pessoas nas celebrações presenciais em templos religiosos. Todas as atividades devem manter os protocolos de higiene e segurança para evitar a disseminação da Covid-19.

De acordo com o decreto, os atendimentos eletivos dos serviços de saúde humana ambulatoriais passam a funcionar, de segunda-feira a sábado, de acordo com a administração de cada estabelecimento, nos horários de 7h às 18h, no setor público, e de 8h as 18h, no setor privado.

“As pesquisas sorológicas mais recentes indicam uma estabilização e queda nos casos de coronavírus em Teresina, inclusive com a redução das internações hospitalares. Por isso, estamos dando seguimento ao nosso processo de reabertura gradual e segura”, destaca o secretário municipal de governo, Fernando Said.

O documento trata ainda sobre a flexibilização das medidas de suspensão das atividades religiosas, ampliando a participação nas celebrações presenciais para 50% da capacidade física da igreja ou templo religioso, considerando pessoas sentadas. As atividades religiosas também devem respeitar o distanciamento de 2 metros entre os participantes da celebração. A administração destes locais pode realizar agendamento prévio para que se garanta o cumprimento desta norma.

As igrejas católicas devem continuar realizando gravações e transmissão de missas online. Se a gravação e/ou transmissão ocorrer de forma conjunta com a celebração, o número de pessoas envolvidas na gravação deve ser computado para o cálculo de 50% da capacidade da igreja.

A lotação máxima de 50% da capacidade do espaço também se estende às atividades das religiões de Matrizes Africanas, igrejas Evangélicas, Centro Espirita e demais Organizações Religiosas. A medida busca garantir distanciamento social adequado entre as pessoas nestes ambientes. Caso os estabelecimentos descumpram o decreto, estarão sujeitos a interdição total

Ônibus circulam até às 22h após ampliação do horário comercial em Teresina

Os ônibus de Teresina terão seus horários estendidos a partir deste sábado (12) e passarão a circular das 6h às 22h. A nova operação se adequa ao Decreto Nº 20.078, que amplia o horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais da cidade. Neste fim de semana, o serviço opera com 70% da frota do dia útil no sábado e, no domingo (13), a circulação dos ônibus continua suspensa.

“O transporte público da cidade vem se adequando às flexibilizações determinadas pela Prefeitura de Teresina. Nesta nova fase, alguns setores comerciais da zona Leste e Shoppings Centers passarão a funcionar até às 22h. Portanto, ampliaremos os horários da operação para atender esse público no turno da noite”, destaca o gestor da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (Strans), Weldon Bandeira.

Pela nova determinação, os comércios de serviços e varejistas localizados no Centro e Shopping da Cidade estão autorizados a abrir às 9h, devendo fechar às 18h. Já os localizados na zona Leste e nos Shoppings Centers estão liberados para o funcionamento no horário de 10h às 22h. Restaurantes, lanchonetes, cafés, bares e similares estão autorizados a funcionar 8h por dia, devendo fechar às 00h.

O setor da construção civil poderá iniciar as atividades às 8h e fechar às 17h. As empresas que atuam em serviços relativos à saúde animal, como clínicas veterinárias, Pet Shops e similares poderão funcionar de 9h às 18h. Já as academias, clubes sociais e esportivos para atividades físicas de recreação em áreas abertas continuam funcionando conforme o que já foi estabelecido pelo Decreto 20018/2020. As empresas e estabelecimentos industriais, inclusive dos setores extrativistas, estão liberadas para funcionar de 7h as 18h.

O cumprimento das medidas restritivas é fiscalizado pela Guarda Civil Municipal, Vigilância Sanitária Municipal com o apoio da Strans, Polícias Militar e Civil e da Secretaria de Transportes (Setrans/PI).

 

 

 

 

 

 

Vigilância Sanitária fiscaliza locais para realização de eventos drive-in

Ascom/FMS

Com a assinatura do decreto que autoriza a reabertura de casas de espetáculos, teatros e cinemas, a Vigilância Sanitária de Teresina iniciou o trabalho de fiscalização dos estabelecimentos do setor. Eles estiveram ontem (10) em locais com proposta de realização de eventos drive-in, em que as pessoas assistem às apresentações de dentro de seus carros.

“Estivemos verificando a possibilidade de realização de eventos em cada local, orientando os proprietários sobre o que precisa para viabilizar uma abertura dentro do protocolo higiênico sanitário para a contenção da Covid-19”, informa a gerente de Vigilância Sanitária da FMS, Jeanyne Seba.

Segundo o protocolo, os eventos drive-in deverão ser realizados em locais descobertos e cercados, possibilitando a restrição da quantidade de veículos estacionados. “O protocolo orienta um limite máximo de 250 carros, respeitando a métrica de distanciamento de 2 metros entre eles, delimitados por marcações no chão”, diz a gerente. Eles são restritos a carros fechados, sendo vedada a entrada de motocicletas, bicicletas, veículos conversíveis com a capota aberta, vans e similares e pessoas sem carros.

Cada veículo deve ter no máximo quatro ocupantes, que devem permanecer no interior e sair apenas em necessidade de usar o banheiro. “Não é permitida a interação entre pessoas de carros diferentes, a abertura das portas durante os eventos nem a permanência de pessoas nas carrocerias de veículos”, ressalta Jeanyne Seba.

Para os banheiros, é orientada a organização da fila de acesso por meio virtual, e a demarcação do piso para manter o distanciamento mínimo de dois metros nos halls de entrada. Devem ser instaladas barreiras físicas entre pias e mictórios, além de álcool 70% ou produto aprovado pela Anvisa para higienização dos assentos sanitários antes de cada uso. “Devemos considerar que banheiros são áreas de risco, portanto, a limpeza desses espaços deverá ser realizada constantemente e os vasos sanitários devem ser lavados e desinfetados a cada uso”, disse a gerente. O local deve ainda manter cartazes com orientações sobre o uso.

Quando à comercialização de alimentos e bebidas, ela deve ser feita em sistema drive-thru, e os pontos devem seguir todos os protocolos estabelecidos para serviços de alimentação. “Lembramos ainda que é vedado ao motorista o consumo de bebida alcoólica”, alerta a gerente. Já a venda de ingressos deve ser antecipada e feita por meio virtual, bem como sua validação para a entrada.

Aos trabalhadores dos eventos é obrigatório o uso de máscara e aferição de temperatura com termômetro sem contato. Devem ser mantidos dispensadores de álcool 70% ou lavatórios para o seu uso e utilização de EPI completo para profissionais da limpeza. Mesmo no palco deve ser respeitado o distanciamento, onde deve permanecer apenas os artistas e equipe estritamente necessária.

Teresina continua com restrição de funcionamento das atividades econômicas aos domingos

As restrições de funcionamento das atividades em Teresina, com medidas mais rígidas, continuam neste domingo, 13 de setembro. Assim, poderão funcionar apenas farmácias e drogarias; serviços de saúde; serviços de segurança e vigilância; serviços de delivery exclusivamente para alimentação pronta, gás de cozinha e água; órgãos e profissionais de comunicação; serviços e rituais religiosos; e situações comprovadas de urgência e emergência.

A determinação consta no Decreto 20.077, publicado pela Prefeitura de Teresina, e faz parte do processo gradual de flexibilização e retomada das atividades econômicas na cidade. Assim, no domingo poderão funcionar também serviços públicos como energia elétrica, saneamento básico, funerários, segurança pública, telecomunicações e radiodifusão, bem como como os estabelecimentos que funcionem operando fornos em turnos ininterruptos de 24 horas.

“Continuamos apresentando queda no número de óbitos pela Covid-19 na nossa cidade, bem como no número dos atendimentos de pessoas com sintomas gripais. Na última semana não aplicamos medidas restritivas aos sábados, apenas no domingo, e nosso Comitê Emergencial está avaliando o impacto dessa medida. Neste domingo, mais uma vez estaremos com restrições no funcionamento das atividades”, disse o prefeito Firmino Filho.

O prefeito acrescenta que a capital tem permanecido com a tendência de queda no índices da Covid-19, mas que o momento ainda exige cuidados. “Mesmo com a continuidade do processo de retomada da economia, nossos índices em relação ao vírus tem mantido uma estabilidade. Isso nos certifica de que estamos avançando dentro da estratégia de retorno gradual. Mas, reforço que a pandemia ainda existe, o vírus continua entre nós e, mesmo com uma eventual queda, precisamos manter todos os cuidados de higiene e distanciamento, daí a necessidade ainda de implantarmos essas medidas mais rígidas aos domingos”, explicou o prefeito Firmino Filho.

Os estabelecimentos que descumprirem o decreto estão sujeitos às penalidades de multas, interdição total das atividades e cassação do alvará de localização e funcionamento.

Prefeito assina decreto denominando Ponte da UFPI de Empresário João Claudino Fernandes

O prefeito Firmino Filho assinou decreto, nesta terça-feira (08), nomeando a ponte da Universidade Federal do Piauí, como Ponte Empresário João Claudino Fernandes, que faleceu em abril deste ano. A construção vai ligar a zona Leste (bairro Ininga) à zona Norte (bairro Água Mineral) de Teresina.

O empresário João Claudino Fernandes morreu aos 89 anos de idade. Desde 1968 ele morava em Teresina, onde foi co-fundador do Grupo Claudino, conglomerado com 13 empresas que empregam milhares de funcionários em todo o Piauí. Com isso, contribuiu para o desenvolvimento do parque industrial de todo o Estado, em especial de Teresina. “João Claudino foi um grande empresário e um homem de visão à frente de seu tempo, ele merece esta homenagem”, disse o prefeito Firmino Filho.

A ponte, localizada sobre o Rio Poti, terá 240 metros de cumprimento; 20,20 metros de largura; quatro faixas de rolamento, cada uma com 3,5 metros de largura, duas faixas por sentido e uma faixa exclusiva de ônibus, por sentido.

Decreto autoriza atividades aos sábados após queda de casos de Covid-19

Dando continuidade ao processo gradual de flexibilização das atividades econômicas de Teresina, a Prefeitura baixou decreto que autoriza o funcionamento aos sábados das atividades que já haviam sido liberadas pelo Plano de Retomada. As medidas mais rígidas e com restrições, de acordo com o Decreto 20.061, seguem apenas aos domingos.

Dessa forma, no domingo, continuam as restrições de funcionamento das atividades na cidade e poderão funcionar apenas farmácias e drogarias; serviços de saúde; serviços de segurança e vigilância; serviços de delivery exclusivamente para alimentação pronta, gás de cozinha e água; órgãos e profissionais de comunicação; serviços e rituais religiosos; e situações comprovadas de urgência e emergência.

“Esta flexibilização está sendo possível em virtude da queda dos números referentes à Covid-19 na nossa cidade. Anteriormente tínhamos assinado decreto com medidas mais rígidas de funcionamento das atividades econômicas aos sábados e domingos. Mas, com o decréscimo nos números e após análise do Centro de Operações em Emergências (COE), da Fundação Municipal de Saúde, que confirmou tendência de queda ao analisar os dados do Painel Covid-19, tivemos segurança para flexibilizar esse funcionamento”, informou o prefeito Firmino Filho.

O gestor ressalta também a necessidade de se manter os cuidados básicos. “Todos precisam ter a consciência de que os cuidados de higiene e distanciamento devem ser mantidos para que não tenhamos que regredir nessa abertura e também para que possamos manter essa estabilidade quanto à doença, pois apesar de estarmos avançando, ainda não vencemos a batalha contra o vírus, que ainda é real e permanece entre nós”, disse o prefeito.

Decreto amplia horários do comércio varejista após queda nos índices da Covid-19

Com a queda nos índices da Covid-19, a Prefeitura ampliou os horários do funcionamento das empresas e estabelecimentos do comércio varejista, inclusive os localizados nos Shopping Centers, além dos comércios atacadistas e varejistas de materiais de construção que não estejam localizados no Centro de Teresina. O decreto foi assinado nesta sexta-feira. A mudança faz parte da continuidade do processo gradual de flexibilização das atividades econômicas de Teresina.

De acordo com o Decreto Nº 2.052, as empresas e estabelecimentos dos comércios varejistas, inclusive os existentes no Shopping da Cidade, poderão funcionar de 9h às 18h. No caso dos localizados na zona Leste da cidade, estes estão autorizados a funcionar de 10h às 20h. Já os comércios varejistas localizados nos Shopping Centers, o horário de funcionamento será de 12hàs 20h.

A flexibilização dos horários de funcionamento de alguns setores se tornou possível graças a estabilização e queda nos casos de infecção do Coronavírus na capital. “A última pesquisa sorológica realizada na cidade mostrou uma queda no número de positivados na nossa cidade, uma queda do número de atendimentos por síndromes gripais e também da taxa de ocupação dos leitos de Unidades de Terapia Intensivas (UTIs) para a Covid-19, o que nos deu segurança para abrir um pouco mais no que diz respeito às normas e horário de funcionamentos de alguns estabelecimentos”, informou o prefeito.

O documento autoriza também que as empresas e estabelecimentos dos comércios varejistas e atacadistas de materiais de construção, que não estão localizados no Centro de Teresina, funcionem das 8h30 às 17h30.

O prefeito destaca ainda a necessidade da população continuar com os cuidados, para não ter uma falsa sensação de segurança. “A pandemia ainda existe, os riscos são reais. Diminuíram os índices relacionados à doença, o que permitiu essa flexibilização no funcionamento de alguns setores, mas isso não exclui a necessidade de respeitarmos todos os protocolos de segurança para que não tenhamos um rebote da doença e nem um retrocesso no nosso processo de retomada das atividades econômicas”, lembrou o prefeito.

Em caso de descumprimento do Decreto, os estabelecimentos ficarão sujeitos à interdição total das atividades e cassação do alvará de localização e funcionamento.