Dose de reforço reduziu em 99,8% a chance de morte por COVID-19 no pico da variante Ômicron em Teresina

O Comitê de Operações Emergenciais (COE) da Fundação Municipal de Saúde de Teresina (FMS) atualizou os números relativos à proteção vacinal contra a COVID-19 na capital. Entre janeiro e fevereiro de 2022, foram registrados 178 mortes por COVID-19 confirmadas laboratorialmente na cidade. Os dados foram coletados de todos os hospitais da cidade – públicos ou privados.

O pico de casos e internações causados pela variante Ômicron em Teresina ocorreu entre a última semana de janeiro e primeira semana de fevereiro.

Ao se comparar os percentuais de mortes entre os grupos de (1) não vacinados, (2) vacinados com apenas uma dose de esquema duplo, (3) vacinados com duas doses ou dose única eficaz e (4) vacinados com dose de reforço dentre os óbitos notificados e dentre a população de Teresina, verificou-se que aqueles vacinados com dose de reforço tiveram risco de morte 99,8% menor que pacientes não vacinados e 65% menor que pacientes que receberam duas doses de esquema duplo (AstraZeneca, Coronavac e Pfizer) ou uma dose do esquema de aplicação única (Janssen). O estudo foi coordenado pelo neurologista e virologista do COE, Marcelo Adriano.

“Estes dados reforçam a necessidade da população procurar sua dose de reforço e, nas situações já indicadas, a sua quarta dose, para que a programação de flexibilização das medidas excepcionais de contenção da COVID-19 possa ser mantida ou até mesmo avançar”, avalia o infectologista do COE, Kelsen Eulálio.

O presidente da FMS, Gilberto Alburquerque, afirma que embora Teresina já apresente 95% da população imunizada com esquema duplo ou de dose única, o percentual da população com dose de reforço ainda está baixo, em 45,25%. “Motivo pelo qual fazemos o apelo para que todos procurem os postos de vacinação para atualizarem o seu calendário”.

Foto: Divulgação (FMS)

FMS inicia agendamento para segunda dose da Janssen na segunda (13)

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) abre, na próxima segunda-feira (13), agendamento para dose de reforço (segunda dose) da vacina da Janssen. Ele faz parte da programação de vacinação planejada pela FMS para a próxima semana, que inclui ainda agendamento para primeira e segunda dose e drive thru para todos os públicos e etapas.

“Esta nova dose é destinada às pessoas que tomaram o imunizante Janssen em um intervalo mínimo de 2 meses, podendo esse intervalo ser de até 6 meses”, informa a coordenadora da campanha de vacinação contra a Covid em Teresina, Emanuelle Dias. Ela chama a atenção das mulheres que tomaram a Janssen previamente e, no momento atual, estão gestantes ou puérperas. “Neste caso, elas deverão utilizar como dose de reforço o imunizante da Pfizer”, alerta.

O agendamento para vacina da Janssen será iniciado às 20h, no site http://vacinaja.fms.pmt.pi.gov.br/. Para evitar congestionamento do sistema, o agendamento acontece em três horários distintos. Às 16h, o sistema abre para repescagem da primeira dose para o público em geral de 18 anos e mais; às 18h, serão abertas vagas para segunda dose da vacina da Pfizer, voltada para pessoas com data marcada no cartão até 16 de janeiro – respeitando o intervalo mínimo de três semanas entre primeira e segunda dose.

Na próxima semana (13 a 17 de dezembro – segunda a sexta-feira), acontece ainda vacinação drive thru para os seguintes públicos: primeira dose para pessoas de 12 anos e mais, dose de reforço para público em geral com cinco meses da última dose e 28 dias para imunossuprimidos) e segunda dose das vacinas da Pfizer (respeitando intervalo mínimo entre as doses de 3 semanas), Astrazeneca e Coronavac (respeitando intervalo mínimo de 4 semanas).

Para receber a vacina contra a covid-19, é preciso apresentar um documento de identificação com foto e CPF ou cartão do SUS. Pessoas que vão receber a segunda dose ou dose de reforço devem levar ainda o cartão de vacinação com registro das doses anteriores. Além disso, os adolescentes devem estar acompanhados dos pais ou um responsável.

Pontos de Drive Thru

Dias: 13 a 17 de dezembro

9h às 17h

Público-alvo:

1ª dose adolescentes (12 a 17 anos)

1ª dose adultos (18 anos ou mais)

Dose de reforço (respeitando intervalo mínimo de 5 meses da última dose para público em geral e 28 dias para imunossuprimidos)

2ª dose de Pfizer (respeitando intervalo mínimo entre as doses de 3 semanas)

2ª dose de Astrazeneca (respeitando intervalo mínimo de 4 semanas entre as doses)

2ª dose de Coronavac (respeitando intervalo mínimo de 4 semanas entre as doses)

Locais:

Terminal Zoobotânico

Terminal Buenos Aires

Terminal Livramento

Terminal Parque Piauí

Foto: Divulgação (FMS)

Teresina tem drives de dose de reforço amanhã (10) e quinta (11)

Acontece amanhã (10) e quinta-feira (11) aplicação da dose de reforço para idosos de 65 anos e mais em seis postos drive thru espalhados pela cidade. Além deste grupo, serão contemplados também as pessoas consideradas imunossuprimidas de qualquer idade.

Desses pontos, quatro funcionarão das 9h às 12h e dois deles terão horário estendido, fechando apenas às 17h. A lista é a seguinte:

Locais (Funcionamento: 9h às 12h)

Terminal Parque Piauí

Terminal Itararé

Terminal Zoobotânico

Terminal Buenos Aires

Locais (Funcionamento: 9h às 17h)

Teresina Shopping

CEU Norte

A coordenadora da campanha de vacinação contra a Covid-19 em Teresina, Emanuelle Dias, ressalta que só têm direito à dose de reforço idosos que tenham tomado a segunda dose de qualquer imunizante há no mínimo seis meses. Para os imunossuprimidos, o prazo é de 28 dias da segunda dose.

No momento da vacina eles devem apresentar documento de identificação com foto, CPF ou cartão do SUS e o cartão de vacina com o registro das doses anteriores. Imunossuprimidos devem apresentar, além desses documentos, um laudo ou prescrição médica comprovando sua inclusão nesse grupo.

Foto: Divulgação (FMS)

Prefeito doutor Pessoa recebe dose de reforço da vacina contra o coronavírus

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, tomou na tarde desta quarta-feira (27) a dose de reforço da vacina contra o coronavírus. O chefe do executivo municipal recebeu a dose do imunizante da Pfizer no Hospital Universitário (HU) da Universidade Federal do Piauí, na zona Leste da capital.

Foto: Lucas Dias / Semcom

Dr. Pessoa reforçou a importância de tomar a dose do imunizante, como forma de prevenção contra a covid-19.

“Como prefeito e médico eu recomendo que não deixem de tomar a vacina. Não caiam em fake news! As vacinas são seguras e certificadas pelas agências de saúde, portanto, são capazes de garantir maior proteção contra a covid-19”, enfatizou o prefeito.

O gestor de 76 anos tomou a primeira dose no dia 24 de março e a segunda dose no dia 20 de abril.

Neste mês de outubro, Teresina ultrapassou a marca de mais de um milhão de doses aplicadas da vacina contra a Covid-19 desde o início da campanha com as duas doses ou dose única.

Idosos de 77 anos podem tomar dose de reforço em quatro pontos de drive thru a partir de amanhã (19)

Teresina reduz mais uma vez a faixa etária contemplada para recebimento da dose de reforço contra a Covid-19. Agora, os idosos de 77 anos e mais podem se dirigir a um dos quatro pontos drive thru que estarão abertos amanhã (19) e quarta-feira (20) para este público.

Além dos idosos, estão sendo contemplados também as pessoas imunossuprimidas de qualquer idade. Os locais e horários serão os seguintes:

Dose de reforço – Idosos de 80 anos e mais; pessoas imunossuprimidas de qualquer idade

Dias: 19 e 20 de outubro

Horário: MANHÃ (9h às 13h)

Locais drive thru:

Terminal do Buenos Aires

Terminal do Parque Piauí

Terminal do Zoobotânico

Terminal do Livramento

Para ter direito à dose de reforço, os idosos devem ter no mínimo seis meses da segunda dose ou dose única de qualquer um dos imunizantes. Para os imunossuprimidos, o prazo é de 28 dias da segunda dose ou dose única. No momento da vacina eles devem apresentar documento de identificação com foto, CPF ou cartão do SUS e o cartão de vacina com o registro das doses anteriores. Imunossuprimidos devem apresentar, além desses documentos, um laudo ou prescrição médica comprovando sua inclusão nesse grupo.

Além desses grupos, a FMS está mantendo outros quatro pontos de drive thru para aplicação de segunda dose das vacinas Astrazeneca e Coronavac, para pessoas com data marcada no cartão até o dia 24 de outubro. A lista dos pontos é a seguinte:

Segunda dose – Astrazeneca e Coronavac até o dia 24/10

Dias: 19 e 20 de outubro

Horário: TARDE (13 às 17h)

Locais drive thru:

CEU Norte

Terminal do Bela Vista

Terminal do Zoobotânico

Terminal do Itararé.

A coordenadora pede aos usuários atenção ao horário dos drives: dose de reforço pela manhã e segunda dose pela tarde. “Lembramos também que vacinação drive thru não precisa de agendamento”, reforça Emanuelle Dias.

FMS inicia aplicação de doses de reforço no Dia Nacional do Idoso

No Dia Nacional do Idoso, comemorado hoje (27), Teresina iniciou a aplicação da dose de reforço da vacina contra a covid-19 em pessoas de 70 anos e mais. Hoje pela manhã, a equipe da Fundação Municipal de Saúde (FMS) iniciou os trabalhos no Abrigo São Lucas, e continua durante a semana visitando Instituições de Longa Permanência da cidade.

(Foto: Ascom/FMS)

A previsão é que cerca de 506 idosos acima dos 70 anos recebam a dose de reforço – conforme as determinações do Ministério da Saúde – em oito instituições da cidade. Eles estão recebendo a vacina da Pfizer, também em acordo com as orientações do órgão.

A coordenadora da campanha de vacinação contra a covid-19 em Teresina, Emanuelle Dias, informa que os demais idosos da capital também serão contemplados a partir da próxima semana, com estratégias específicas que serão anunciadas em breve pela FMS. “Faremos a vacinação em ordem decrescente de idade, de acordo com a quantidade de doses que forem recebidas do Ministério da Saúde”, conta.

Teresina inicia a dose de reforço dos idosos com vacinação em abrigos

Teresina inicia na próxima segunda-feira (27) a aplicação da dose de reforço da vacina contra a covid-19 em pessoas de 70 anos e mais. Neste primeiro momento, serão imunizados os idosos que vivem em Instituições de Longa Permanência (abrigos) da capital.

A ação se inicia pela manhã no Abrigo São Lucas, zona Leste da capital, e durante a semana visitará também a Casa Frederico Ozanan, Lar das Flores de Maria, Vila do Ancião, Lar de Santana, Casa São José, Casa de Manain e Nosso Lar. Os idosos serão imunizados com a vacina da Pfizer, conforme orientação do Ministério da Saúde.

(Foto: Ascom/FMS)

A coordenadora da campanha de vacinação contra a covid-19 em Teresina, Emanuelle Dias, informa que os demais idosos da capital também serão contemplados a partir da próxima semana, com estratégias específicas que serão anunciadas em breve pela FMS. “Faremos a vacinação em ordem decrescente de idade, de acordo com a quantidade de doses que forem recebidas do Ministério da Saúde”, conta.