Florescer Sul iniciou atividades com as crianças atendidas pelo serviço

O Florescer Sul, localizado na Vila Santa Rita, bairro Promorar, zona Sul, iniciou, nesta segunda-feira (09) suas atividades com as crianças atendidas pelo serviço. Foram ofertados nesse primeiro momento, atividades lúdicas, contação de histórias e acolhimento aos pequenos.

“O sentimento é de muita gratidão e grandes expectativas”, pontua Iara Carvalho, coordenadora do Florescer Sul. São acolhidas crianças de um a dois anos e 11 meses nos serviços, ao todo são quatro unidades em Teresina. Na sede é desenvolvido projetos que contribuem para a qualificação profissional das mulheres em vulnerabilidade social e estimulam o desenvolvimento psicossocial das crianças.

Fotos: Ascom SMPM

Atualmente são inscritas 46 crianças no Florescer Sul, com capacidade de até 100 crianças. As inscrições podem ser feitas através da própria sede ou através do Centro de Referência da Assistência Social (Cras).

“A ideia de incluir crianças nos serviços é uma estratégia de acolher não só as mulheres, mas também seus filhos, o que provoca maior sensibilidade e interesse na comunidade”, afirma a secretária Gabriela Rodrigues.

O Florescer Sul conta com uma infraestrutura pensada nas crianças e nas mulheres, como banheiros, playground, uma praça, cozinha, amplas salas. O espaço voltado para as mulheres também oferece informação, assistência jurídica, psicológica, integração social e lazer.

A Prefeitura de Teresina mantém o Serviço Florescer que atende mulheres em situação de vulnerabilidade e seus filhos entre 1 ano a 2 anos e onze meses de idade em Teresina. Ao todo são quatro unidades em Teresina, confira abaixo:

Unidades

Florescer Norte: Rua Antonio Pedro, 629 – Matadouro

Florescer Sudeste: Rua Santa Luzia, S/N – Alto da Ressurreição

Florescer Zona Rural: Povoado Salobro

Florescer Sul: Rua Mucuripe, S/N, Vila Santa Rita – Promorar

Sobre o Serviço Florescer

Fundado em 2021, o Florescer inicialmente foi pensado para mulheres e crianças de um a dois anos e onze meses, com 100 vagas em cada unidade. “Antigamente o serviço funcionava apenas para mães. No entanto, após uma série de estudos e pesquisas, percebemos a necessidade de fazer o serviço ser voltado para vez mais para mulher”, explica a secretária de Políticas Públicas para Mulheres, Karla Berger. “Por conta disso, após a reformulação na atual gestão da Prefeitura de Teresina, através do Doutor Pessoa, o serviço funciona de portas abertas para toda e qualquer mulher de Teresina em situação de vulnerabilidade”, ressalta a secretária.

Ao completarem três anos, as crianças são encaminhadas para as CMEIs (Centros Municipais de Educação Infantil). Hoje, o Florescer funciona de portas abertas para todas as mulheres dos bairros que estão em situação de vulnerabilidade. “Foi um passo muito positivo no serviço, ele se tornou verdadeiramente mais acolhedor para a mulher teresinense que mora em comunidade, que vive vulnerabilidades econômicas, sociais, psicológicas e outras violências”, ressalta Nathalie Ciarlini, psicóloga da SMPM.

Nathalie ainda explica que o local não configura como creche. Enquanto a mãe está em atividades do serviço ou indo ao trabalho, a criança fica no local realizando atividades educativas e socioemocionais. Ainda assim, quando completa três anos, a criança possui uma vaga garantida em uma escola do município. “É outra vantagem do programa, uma vez que garante a inserção educacional das crianças”, pontua a psicóloga.

Florescer Sul abre serviço com ações integrativas para mulheres em situação de vulnerabilidade

Mulheres atendidas pela nova unidade e moradoras da região participaram da atividade Fotos(Ascom/SMPM)

A recém-inaugurada sede do Florescer Sul, na Vila Santa Rita, bairro Promorar, zona Sul de Teresina, realizou, nesta quinta-feira (24), atividade de abertura do serviço com ação integrada com o Centro de Referência Esperança Garcia (CREG). Foram executadas rodas de conversas sobre os serviços jurídicos, assistência social e direitos da mulher para as assistidas do local.

Cerca de 40 mulheres atendidas pela nova unidade e moradoras da região participaram da atividade com a psicóloga do CREG, Tanandra Calaça, que abordou o tema “Violência psicológica e direitos das mulheres”. O encontro também levou informações sobre como as mulheres podem pedir ajuda nos mecanismos de atendimento do CREG.

“Há menos de um mês que inauguramos o Florescer Sul e estamos com várias mulheres sendo atendidas e inscritas aqui”, destaca a secretária municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM), Karla Berger, presente na abertura. “Não é fácil conviver com violência, queremos, por meio dos serviços da secretaria da Mulher, fortalecer a nossa união e, ao mesmo tempo, acolher mulheres para transformar Teresina numa capital mais segura”, reforça a secretária.

Na ocasião, algumas mulheres relataram sobre suas experiências pessoais. É o caso da moradora da Vila Santa Rita, Karla Denny. Para ela, muitas mulheres na região passam por diversas violências – psicológica, moral e patrimonial.

“É uma ação essencial do serviço para informar as mulheres como elas podem ser ajudadas, além disso, a comunidade estava necessitando do Florescer”, conta.

Conforme ressalta a coordenadora do Florescer Sul, Iara Carvalho, um dos objetivos é o enfoque no gênero feminino. “Hoje marca nosso primeiro encontro e nosso objetivo é trazer essas mulheres para dentro do serviço fazendo com que elas se sintam empoderadas e elevem sua autoestima”, reforça Iara Carvalho

O Florescer Sul conta com todos os equipamentos necessários pensados para crianças e as mulheres, com banheiros, playground, uma praça, cozinha, amplas salas. O espaço voltado para elas também oferece informação, assistência jurídica, psicológica, integração social e lazer.

Dentro do serviço, estão sendo elaborados cursos profissionalizantes para que as mulheres possam ser inseridas no mercado de trabalho. As inscrições continuam abertas e seguem até o preenchimento das vagas para mulheres e seus filhos, de um a dois anos e 11 meses.

As ações integrativas já ocorreram nas outras três sedes do Florescer, no dia 15 de março, no bairro Matadouro, no Salobro (zona Rural), no dia 17 e no dia 22, na sede do bairro Alto da Ressurreição.

Rede de atendimento

A Prefeitura de Teresina mantém o Serviço Florescer que atende mulheres em situação de vulnerabilidade e seus filhos entre 1 ano a 2 anos e onze meses de idade em Teresina. Ao todo são quatro unidades em Teresina. Na sede são desenvolvidas ações que promovem a qualificação profissional, empoderamento feminino, além de estimular o desenvolvimento psicossocial para crianças.

O CREG atende mulheres de 18 a 59 anos em situação de violência doméstica, familiar e de gênero com uma equipe multiprofissional. O Centro está localizado na Rua Benjamin Constant, 2170 – Centro Norte e funciona de Segunda a Sexta, das 8h às 17h ou através dos telefones: (86) 3233-3798 / 99416-9451, que também é WhatsApp.

Dr. Pessoa inaugura Serviço de Atendimento Integral às Mulheres e suas Crianças na zona Sul

Dr. Pessoa inaugura o serviço Florescer, na zona Sul de Teresina Fotos: Rômulo Piauilino / SEMCOM

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa inaugurou, na manhã desta terça-feira (8), Dia Internacional da Mulher, um novo Serviço de Atendimento Integral às Mulheres e suas Crianças, o Florescer, desta vez, na Vila Santa Rita, bairro Promorar, na zona Sul da capital. O evento contou com a presença de diversas autoridades, membros de associações, e moradoras da região.

Dr. Pessoa reafirmou o compromisso de realizar mais investimentos que favoreçam o acolhimento e empoderamento das mulheres. “Este já é o quarto serviço que entregamos em menos de dois anos. Isso porque temos uma visão de combate aos males que o machismo provoca contra a população feminina. Estamos muito felizes com essa inauguração”.

O serviço Florescer acolhe mulheres e seus filhos, na faixa de um a dois anos e onze meses em situação de vulnerabilidade social em Teresina. A nova unidade disponibilizará um total de 120 vagas para crianças, mediante inscrições e será administrado pela Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM).

De acordo com a secretária da SMPM, Karla Berger, existem outras três unidades em Teresina. Segundo ela o serviço já atendeu mais de 400 mulheres em 2021.

“Nesse dia tão importante, Dia Internacional das Mulheres, podemos dizer que agora o Florescer Sul proporcionará a ampliação da oferta de serviços garantindo acesso aos direitos básicos, justiça e assistência social, em especial, para atender mais mulheres teresinenses. Sou muito grata por nosso prefeito nos apoiar e contribuir conosco. Nosso próximo passo agora é inaugurar mais um serviço Florescer, na Santa Maria da Codipi, na zona Norte da capital”, disse Karla Berger.

A SMPM informa que vagas para as mulheres estão abertas o ano todo e que as inscrições poderão ser realizadas na própria sede mediante apresentação do CAD – Cadastro Único. A obra ficou a cargo a SAAD Sul em um investimento de R$ 500 mil, com recursos próprios da Prefeitura. O prédio conta com rampa de acessibilidade, cozinha, salas de recreação, banheiros, praça, academia e um playground.

Prefeitura de Teresina entrega reforma do prédio para a implantação do Florescer Sul

A Prefeitura Municipal de Teresina, através da Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul, inaugura, às 9h, desta terça-feira (08), a reforma do prédio para a implantação do Serviço Florescer Sul. A obra orçada em R$449.117,76, com recursos próprios do município, fica localizada no bairro Promorar, zona Sul de Teresina.

O Prédio conta com rampa de acessibilidade, cozinha, salas de recreação, banheiros, praça, academia e um playground.

O superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, falou sobre a entrega do espaço. “É extremamente gratificante participar da execução estrutural de um espaço que já é palco de um projeto tão importante como o serviço de assistência social às mulheres: ‘Florescer Sul’. Entregá-lo nesta data especial, que é o Dia Internacional da Mulher, é uma honra e um presente da Prefeitura Municipal de Teresina para todas as mulheres da Zona Sul”, disse o superintendente.

Foto: Ascom Saad Sul

No Dia Internacional da Mulher, Prefeitura de Teresina inaugura Serviço Florescer na zona Sul

 

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM), vai inaugurar, às 9h, desta terça-feira, 8, Dia Internacional da Mulher, o prédio do Novo Florescer Sul, localizado no bairro Promorar, zona Sul de Teresina. O serviço atende integralmente às mulheres em situação de vulnerabilidade social, residentes em Teresina, e suas crianças na faixa de um a dois anos e onze meses.

Ações sociais que assegurem o bem-estar das mulheres é uma determinação do prefeito Dr. Pessoa. “Este é mais um compromisso assumido pela nossa gestão que se realiza. Estamos entregando uma obra que acolhe e protege mulheres e crianças em vulnerabilidade”, disse o prefeito.

De acordo com a secretária Karla Berger, desde o início do ano está sendo realizada uma busca ativa na região para poder localizar e atender as mulheres. O Florescer Sul disponibilizará um total de 120 vagas na unidade para crianças, mediante inscrições. O serviço não tem limite de vagas para mulheres e podem ser realizadas durante todo o ano.

“Com a pandemia da Covid-19, muitas mulheres ficaram expostas às vulnerabilidades sociais”, observa Karla. “Com a obra, poderemos atingir mais mulheres, por meio da Prefeitura de Teresina, oferecendo os serviços de cidadania, assistência social e justiça para elas e suas crianças”, pontua a secretária.

A zona Sul é a segunda região da capital que mais possui mulheres. A nova sede do Florescer visa a implementar serviços que levem acolhimento e proteção às mulheres em situações de vulnerabilidade e que passam por várias situações de violência em Teresina.

A nova unidade será a quarta sede do serviço na capital beneficiando cerca de 120 crianças e vai mudar a realidade da comunidade e de regiões como Vila Santa Rita, Vila Paraíso, Vila Bom Jesus, Residencial Betinho e o Grande Promorar. O espaço voltado para elas oferece informação, integração social, apoios psicológico e jurídico, capacitação profissional, empreendedorismo, lazer e cultura.

De acordo com a superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sul, responsável pela obra, foram investidos mais de 500 mil reais, por meio dos recursos próprios da PMT. A construção foi pensada para garantir acessibilidade e segurança à região.

“Temos um grande contingente de mulheres que serão atingidas, provenientes da vila Santa Rita, Vila Paraíso, Vila Bom Jesus e do Grande Promorar”, detalha Juca. “Todos os equipamentos necessários foram pensados para crianças e as mulheres, contando banheiros, playground, uma praça, cozinha e academia”, acrescenta o superintendente Juca Alves.

O Florescer Sul é mais um compromisso assumido pela gestão da Prefeitura Municipal para dar cumprimento em 2022 a um maior número de atividades integrativas para mulheres. Em funcionamento, ao todo, estão o Florescer Norte, Florescer Sudeste, Florescer Salobro, na zona Rural de Teresina e, agora, o Florescer Sul.

Onde nos encontrar?

Florescer Norte
Rua Antonio Pedro, 629 – Matadouro

Florescer Sudeste
Rua Santa Luzia, S/N – Alto da Ressurreição

Florescer Zona Rural
Povoado Salobro

Florescer Sul
Rua Mucuripe, S/N, Vila Santa Rita – Promorar

Mais 500 mulheres do serviço Florescer receberão atendimento odontológico

Mais de 500 mulheres acolhidas pelo serviço Florescer, da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM), receberão atendimento odontológico em março. Os serviços clínicos serão disponibilizados em parceria com a rede de clínicas odontológicas Coife Odonto Teresina e a SMPM.

O Florescer atende mulheres em situação de vulnerabilidade social e suas crianças na faixa de 1 a 2 anos e onze meses. Apenas em 2021, mais de 400 mulheres foram atendidas pelas unidades do serviço, localizadas na zona Sudeste, zona Norte e zona Rural de Teresina. Com a inauguração do novo Florescer Sul, no bairro Promorar, a capacidade de atendimento chegará a mais de 500 mulheres.

Foto: Divulgação (SPMP)

A secretária da Mulher, Karla Berger reforça que os atendimentos “são voltados para a promoção da saúde, com ações para prevenir doenças, inicialmente com as mulheres”, afirma. “Será mais um dos atendimentos que levamos para nossas assistidas nas sedes dos serviços”, acrescenta.

“Essa parceria é gratificante e prazerosa para contribuir para a sociedade e para a mulher, a Coife Odonto está de portas abertas”, relatou o coordenador da rede clínicas em Teresina, Marcos Cavalcante.

O cronograma dos atendimento odontológicos indicam em março e será divulgado semanalmente. A coordenadora dos Florescer, Caroline Leal explica que a rede de clínicas disponibilizará dois profissionais para realizarem os atendimentos de avaliação inicial, aplicação de flúor e higienização nos nossos serviços.

Além disso, os filhos das atendidas no serviço também receberão os atendimentos. “Os atendimentos de aplicação de flúor serão estendidos também para todas as crianças. O que queremos é que caso a mulher necessite fazer procedimentos após essa avaliação, a empresa irá fornecer um valor diferenciado para esta mulher que está em situação de vulnerabilidade social ou enfrentando alguma situação de violência”, observa Caroline Leal.

A coordenadora do Florescer Salobro, na zona Rural, Francisca Araújo, que atende 100 mulheres na sede, avalia que a ação é necessária para as beneficiárias. “Esses atendimentos vão ser muito positivos porque as mulheres não têm tanta condição de irem ao dentista, e tendo essa parceria, teremos uma aceitação de 100% delas em procura, sendo mais um serviço de atendimentos voltado para as assistidas”, conclui.

Foto: Divulgação (SPMP)

Prefeito visita obra em etapa de conclusão do novo Florescer Sul

Prefeito Dr. Pessoa e secretários visitam as obras do Florescer Sul Fotos: Rômulo Piauilino / SEMCOM

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, a secretária municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM), Karla Berger e o superintendente das Ações Administrativas Descentralizadas (Saad-Sul), Juca Alves, visitaram, na manhã desta quarta-feira (2), a etapa de conclusão da obra do novo Florescer Sul, no bairro Promorar, zona Sul de Teresina. O serviço atende mulheres em situação de vulnerabilidade social e suas crianças na faixa de 1 a 2 anos e onze meses.

Equipes de engenharia finalizam os últimos ajustes na parte elétrica, pintura, limpeza e acessibilidade do espaço. Com a finalização da obra, o serviço deve entrar em funcionamento em março.

“As mulheres serão bem acolhidos no nosso quarto Florescer”, destaca o prefeito. “O serviço é feito com recurso próprio da Prefeitura de Teresina. Vamos mudar o cenário de vulnerabilidade das mulheres e crianças da nossa capital”, finaliza Dr. Pessoa.

A secretária da Mulher reforça que o Florescer Sul é mais um compromisso assumido pela Prefeitura de Teresina com as mulheres da capital. Em 2021, mais de 400 mulheres foram atendidas pelas outras unidades do serviço, localizadas na zona Sudeste, zona Norte e zona Rural de Teresina.

“Com a pandemia da Covid-19, muitas mulheres ficaram expostas às vulnerabilidades sociais”, observa Karla. “Com a obra, poderemos atingir mais mulheres, por meio da Prefeitura de Teresina, oferecendo os serviços de cidadania, assistência social e justiça para elas e suas crianças”, pontua a secretária.

Ainda na zona Sul, será realizada uma busca ativa na região para poder localizar e atender as mulheres. O Florescer Sul disponibilizará um total de 120 vagas na unidade para crianças, mediante inscrições. O serviço não tem limite de vagas para mulheres e pode ser realizado durante todo o ano.

Um dos objetivos é o enfoque no gênero feminino, explica Iara Carvalho, coordenadora do Florescer Sul. Dentro do espaço, estão sendo elaborados cursos profissionalizantes para que possam ser inseridas no mercado de trabalho, como também empoderá-las. “A zona Sul é a 2° região da capital que mais possuem mulheres que, em sua maioria, dividem duplas jornadas entre trabalho e maternidade”, frisa Iara. “O serviço vem para somar com a realidade das nossas teresinenses”.

O superintendente da Saad Sul, Juca Alves, detalha que a obra foi avaliada em mais de 500 mil reais, através dos recursos próprios da Prefeitura Municipal. A construção foi pensada para garantir acessibilidade e segurança à região.

“Temos um grande contingente de mulheres que serão atingidas, provenientes da vila Santa Rita, Vila Paraíso, Vila Bom Jesus e do Grande Promorar”, detalha Juca. “Todos os equipamentos necessários foram pensados para crianças e as mulheres, contando banheiros, playground, uma praça, cozinha e academia”, acrescenta o superintendente.

O Florescer Sul disponibilizará um total de 100 vagas na unidade. O serviço não tem limite de vagas para mulheres e podem ser realizadas durante todo o ano.
Unidades:

Florescer Norte
Rua Antonio Pedro, 629 – Matadouro

Florescer Sudeste
Rua Santa Luzia, S/N – Alto da Ressurreição

Florescer Zona Rural
Povoado Salobro

Florescer Sul
Rua Mucuripe, S/N, Vila Santa Rita – Promorar