Testes rápidos disponíveis em 26 UBS detectam a Covid-19 na fase inicial

Foto: Ascom FMS

A partir de agora, as 26 Unidades Básicas de Saúde que atendem síndrome gripal contam com teste rápido de antígeno, que pode ser utilizado pela população mediante recomendação médica. Esse novo tipo de testagem, que foi adquirido pela Prefeitura de Teresina, permite detectar o vírus ainda na fase inicial da doença, período de maior transmissão do Coronavírus.

“A testagem em grande escala é a melhor alternativa para conter a disseminação da Covid-19 porque permite identificar e isolar quem está infectado, além de rastrear seus contatos. Essa é uma das medidas essenciais, segundo a Organização Mundial de Saúde, para a retomada das atividades econômicas e queremos avançar cada vez mais”, afirma o prefeito Firmino Filho.

O diretor de Atenção Básica da FMS, Kledson Batista, explica que o teste rápido de antígeno será aplicado na população apenas se houver indicação médica, após avaliação do caso de saúde. “O teste rápido de antígeno detecta a doença já entre o segundo e o sétimo dia do surgimento dos sintomas. É então coletada a secreção do nariz do paciente e o resultado sai em até meia hora”.

Ele explica ainda que se o paciente realizar o teste rápido de antígeno sem ser no início do surgimento dos sintomas, o resultado pode apresentar um falso negativo. “É preciso esclarecer que esse teste verifica se o vírus está agindo no organismo e não é indicado para saber se a pessoa já teve Covid-19 ou mesmo se está curada da doença.”

Já o teste rápido de anticorpos também está disponível nas 26 Unidades Básicas de Saúde e é recomendado após o oitavo dia do surgimento dos primeiros sintomas. Essa testagem é utilizada para detectar a presença de anticorpos criados pelo organismo contra o vírus. Se for feito em paciente sintomático antes desse período de 8 dias, o resultado pode apresentar falso negativo.

A rede de saúde possui ainda o exame RT-PCR, que coleta secreção do nariz e da garganta e está disponível nos hospitais e UPAS para pacientes internados, com quadro de saúde moderado ou grave. O exame pode ser coletado entre o 2° e  7° dia de sintomas e o resultado sai em até 48 horas. Os hospitais e UPAS da Prefeitura também possuem os testes rápidos de antígeno e de anticorpo.

 

Dados mostram mais de 430 novos casos de Covid-19 em Teresina

Dados divulgados nesta quarta-feira (08), pelo Comitê de Operações Emergenciais em Saúde Pública (COE) da Fundação Municipal de Saúde (FMS), mostram que Teresina tem 437 novos casos da COVID – 19,  contabilizando 10.883 pessoas infectadas. Os dados revelam ainda que na cidade existem 2.180 pessoas recuperadas e 493 óbitos causados pelo novo Coronavírus.

Dentre os óbitos registrados no último boletim, um aconteceu dia 30 de junho, três foram dia 6 de julho, sete foram dia 7 de julho e três no dia 8 de julho. Os pacientes tinham entre 34 e 88 anos, sendo seis homens e oito mulheres. Entre eles, apenas dois pacientes não apresentavam comorbidades.

Teresina conta com 26 Unidade Básicas de Saúde que atendem pacientes com suspeita de COVID-19. As equipes de saúde avaliam cada caso e adotam a conduta adequada, que pode envolver prescrição de medicamentos, indicação de isolamento domiciliar ou mesmo encaminhamento para hospitais ou UPAs, em casos mais graves.

 

Prefeitura convoca 63 aprovados em processo seletivo para hospitais de Teresina

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) está convocando hoje (07) mais 63 aprovados no edital 1/2020 do Processo Seletivo Emergencial da instituição. O objetivo é reforçar a linha de frente do combate ao novo coronavírus, por meio da contratação temporária de profissionais de saúde.

Desta vez, estão sendo convocados 30 técnicos em enfermagem, um técnico em radiologia, quatro psicólogos, um assistente social, cinco técnicos em patologia clínica, dois nutricionistas, cinco enfermeiros plantonistas, nove médicos plantonistas e seis fisioterapeutas. Eles serão lotados no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), Hospital do Buenos Aires, Hospital do Satélite e Hospital do Parque Piauí, nos setores dedicados ao acompanhamento de pacientes com síndromes gripais.

Os convocados devem se apresentar amanhã (08), entre as 8h e as 14h, no Núcleo de Planejamento, Recrutamento e Seleção de Pessoas da FMS, que fica na Rua Governador Artur de Vasconcelos, 3015 – Aeroporto. “Informamos que o candidato convocado que não comparecer na forma ora estabelecida será considerado desistente”, ressalta João Luciano de Castro e Sousa, chefe do Núcleo de Planejamento, Recrutamento e Seleção de Pessoas da FMS.

Ao se apresentarem os candidatos deverão entregar os seguintes documentos (originais acompanhados de cópias legíveis) para comprovação e autenticação: Certidão de nascimento ou Casamento (quando for o caso); Título de Eleitor, com certidão de quitação eleitoral; Certidão de Reservista ou dispensa de incorporação (somente para homem); RG; CPF; Autodeclaração do candidato conforme anexo II do edital; Documentação que comprove os títulos indicados no currículo, conforme item 2.11 do edital; Comprovante de escolaridade exigida no Quadro I do Edital; Registro do Conselho competente; Conta Corrente Banco do Brasil; uma foto 3×4 recente; Comprovante de endereço atualizado; comprovante de inscrição no PIS/PASEP/NIT.

O Processo Seletivo Emergencial terá validade de seis meses, prorrogável por até igual período, a contar da homologação do resultado. Até o momento, 866 convocações já foram realizadas. “Novas convocações serão feitas de acordo com as necessidades de ampliação do serviço de assistência para pacientes com Covid-19”, disse João Luciano.

Confira a lista de convocados.

FMS divulga link para hospitais, farmácias e laboratórios informarem resultados de testes para a Covid-19

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) divulgou o link para hospitais, farmácias e laboratórios informarem resultados de testes para a Covid-19. Os responsáveis pelo preenchimento dos formulários devem inserir os dados sobre os testes realizados e seus resultados acessando: http://ntsgc.fms.pmt.pi.gov.br/home.php. A medida consta no Decreto Nº 19.790.

Os estabelecimentos devem também se cadastrar no site da Prefeitura de Teresina e preencher formulário próprio, indicando a quantidade de testes diagnósticos realizados e, à medida que forem saindo os resultados, complementar as informações apresentadas. A determinação leva em consideração a necessidade de acompanhamento dos índices de testagem na capital e os dados deverão ser fornecidos diariamente.

“A testagem para o combate do novo coronavírus é importante para que se possa oferecer um tratamento adequado ao paciente e para que os gestores em saúde possam adotar ações de combate ao novo coronavírus. Após a testagem os profissionais de saúde irão adotar medidas terapêuticas para tratar os sintomas que o indivíduo apresenta. É preciso confiar na conduta dos profissionais de saúde e seguir as recomendações médicas”, explica Amparo Salmito, gerente de epidemiologia da FMS.

A Prefeitura de Teresina, por meio da FMS, garantirá o sigilo das informações fornecidas. Em caso de descumprimento, os estabelecimentos ficarão sujeitos à multa, interdição total das atividades e cassação de alvará de localização e funcionamento.

35 profissionais da rede municipal de saúde de Teresina testam positivo para a Covid- 19

Levantamento feito pela Fundação Municipal de Saúde (FMS) apontou que 35 profissionais de saúde de Teresina testaram positivo para o novo coronavírus e, por isso, foram afastados das suas atividades. A Prefeitura de Teresina tem feito o monitoramento frequente dos profissionais para garantir que eles possam receber o tratamento necessário para a doença.

A maioria dos casos foi confirmada no Hospital de Urgências de Teresina (HUT), onde 16 profissionais foram diagnosticados com a Covid-19, sendo cinco médicos, três enfermeiros, cinco técnicos de enfermagem e três fisioterapeutas. Do total, apenas dois estão internados, mas com quadro de saúde estável. Também há profissionais com confirmações para a doença nos hospitais do Buenos Aires, Satélite, Promorar, Parque Piauí, Dirceu e na Maternidade Wall Ferraz.

Segundo a diretora de Assistência Hospitalar da FMS, Jesus Mousinho, a Prefeitura de Teresina adquiriu 15 mil testes rápidos para serem aplicados em todos os profissionais da rede de saúde municipal. “São pessoas que estão na linha de frente do combate à doença e precisamos ter esse mapeamento para ter um melhor controle da situação. Iniciamos os trabalhos pelos profissionais das três Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), localizadas no Renascença, Promorar e Satélite, e ainda na Maternidade Wall Ferraz”, comentou.

Até agora, 538 testes rápidos foram feitos nesses profissionais. Serão atendidos em todos os trabalhadores da saúde, incluindo os que atuam na rede de atenção básica.

 

 

Hospitais públicos e privados deverão informar diariamente sobre pacientes com síndrome gripal

Os hospitais da rede pública municipal, estadual, federal e privada de Teresina deverão, a partir de agora, apresentar diariamente informações dos pacientes com síndromes gripal e respiratória aguda grave ao Centro de Operações de Emergência em Saúde, sob a coordenação da Fundação Municipal de Saúde (FMS). A obrigatoriedade consta em decreto assinado pelo prefeito Firmino Filho e tem como objetivo garantir informações atualizadas sobre atendimentos e sobre a disponibilidade de leitos, permitindo uma melhor gestão dos serviços de saúde durante a pandemia do Novo Coronavírus.

“Nossa intenção é melhor orientar os gestores, a fim de que se evite o colapso dos serviços de saúde na nossa cidade”, explica o prefeito. O decreto determina que os hospitais preencham o censo hospitalar diário, informando o quantitativo de atendimento das últimas 24h de pacientes atendidos com síndrome gripal (SG) e síndrome respiratória aguda grave (SRAG), além do número de leitos de observação, estabilização, internação e Unidade de Terapia Intensiva e Semi-Intesiva. A determinação também deve ser cumprida por clínicas privadas.

As informações deverão, de forma obrigatória, ser fornecidas diariamente às 13h. “A situação ainda demanda o emprego urgente de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública. Portanto, esse decreto é mais um esforço da administração municipal no enfrentamento à crise sanitária causada por esta pandemia”, ressalta o prefeito Firmino Filho.

As informações devem ser lançadas na plataforma online disponibilizada pela Prefeitura de Teresina, denominada “Sistema de Controle e Notificações Virais”, por meio do site http://conv.fms.pmt.pi.gov.br, observadas as especificações do formulário próprio.

Profissionais das UBS e Hospitais são capacitados para o uso correto de EPIs

O uso correto dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e outras normas de segurança são pauta de uma capacitação que está acontecendo com os profissionais de saúde das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e hospitais do município que estejam na linha de frente do combate à COVID-19.

O treinamento está sendo realizado em parceria entre a Fundação Municipal de Saúde (FMS) e a Residência Multiprofissional em Saúde da Família e Comunidade da Universidade Estadual do Piauí (Uespi). “Já foram capacitados todos os hospitais e as UBS das zonas Leste e Sudeste. Até a próxima semana, será concluído o trabalho com as UBS das zonas Norte e Sul”, informa o diretor de Atenção Básica da FMS, Kledson Batista.

Segundo o coordenador da Residência da UESPI, Vinícius Oliveira, os pontos principais dos treinamentos são os cuidados no momento da paramentação e desparamentação (uso e remoção dos EPIs), higienização, medidas de garantia da segurança do paciente e do profissional. “A ideia é que esses profissionais, ao estarem recebendo pessoas com sintomatologia respiratória ou não, saibam que tipo de EPI devem usar e que procedimento devem ter”, esclarece o coordenador.

Vinícius Oliveira conta que as orientações são baseadas nos protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde, Anvisa e FMS. “Ainda existe muita desinformação e fake news circulando na internet, e isso é um dos grandes problemas no diz respeito à definição de normas e práticas de trabalho, o acesso à informação de qualidade. Por isso, este momento está tendo uma aceitação muito positiva, pois além das orientações, os técnicos e funcionários estão aproveitando para tirar dúvidas”, finaliza o coordenador.

Padre Nilton visita hospitais da Prefeitura para levar palavra de fé aos trabalhadores de saúde

Neste domingo (19) o padre Nilton Pereira, que lidera a Missa da Misericórdia, realizou visita aos hospitais e Unidades de Pronto Atendimento (UPAS) da Prefeitura de Teresina. Da calçada em frente a esses estabelecimentos, ele levou uma palavra de fé e esperança aos profissionais de saúde que estão trabalhando na linha de frente contra o coronavírus.

A peregrinação durou mais de seis horas e foi transmitida por meio de live nas redes sociais do padre. “Infelizmente, esse vírus tem nos causado muita dor, mas Deus sabe transformar o que é ruim em algo bom. Eu agradeço muito a Deus por estar em Teresina, porque em nenhum lugar do Brasil eu vi gestos de tanta afeição e tanto amor”, afirmou.

De acordo com Ana Cléia, diretora do Hospital Mariano Castelo Branco, localizado no bairro Santa Maria da Codipi, a visita comoveu toda a equipe de colaboradores. “Ficamos todos emocionados e após esse ato de fé nos renovamos 100%. Ele nos mostrou que Deus está no comando de tudo, reavivou nos nossos corações a esperança da cura e de que dias melhores virão”, pontuou a gestora.