Hospital da Criança aumenta leitos de internação

O Hospital Municipal da Criança Dr. Noé de Cerqueira Fortes, localizado no Parque Piauí, aumentou o número de leitos para internação. Antes contava com 41 leitos de internação e agora conta com 49. Além do aumento de leitos, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina, também aumentou o número de médicos pediatras de plantão na unidade, que passaram de dois para três profissionais 24 horas juntamente com uma equipe multiprofissional.

O hospital é referência para atendimentos de urgência e emergência infantil e conta com, além dos leitos de internação exclusivos para pediatria, ambulatório especializado com consultas agendadas nas áreas de endocrinologia, psiquiatria, psicologia, neurologia, cardiologia e nutrição. As instalações oferecem ambulatório especializado para atender consultas agendadas via gestor de saúde, além de serviços de exames laboratoriais, ultrassonografia, eletrocardiograma e raio-x para pacientes internados.

Para conseguir atendimento ambulatorial na unidade, o responsável deve se dirigir até uma Unidade Básica de Saúde (UBS), e lá será feito o encaminhamento para o hospital, que pretende centralizar o atendimento pediátrico da cidade.

Hospital da Criança amplia capacidade de internação e cria ala exclusiva para síndrome gripal

Devido à grande demanda de casos de gripe, o Hospital da Criança aumenta o número de leitos de internação e destina mais 13 específicos para internação por síndrome gripal, a partir de hoje (04). O Hospital Municipal da Criança, funciona no antigo Hospital do Parque Piauí, Zona Sul de Teresina.

Na última semana, de 27/12/2021 a 02/01/2022, a unidade realizou 818 atendimentos pediátricos, deste total 589 foram para casos de síndromes gripais, ou seja, 72% dos atendimentos. A partir de hoje (04),terça -feira, além dos 36 leitos para internação pediátrica mais 13 passam a funcionar exclusivos para síndrome gripal.

A Prefeitura de Teresina inaugurou em setembro do ano passado o primeiro hospital municipal com atendimento exclusivo em pediatria, com funcionamento 24 horas em urgência, emergência e internação. “O hospital conta com leitos de internação exclusivos para pediatria, ambulatório especializado com consultas agendadas nas áreas de endocrinologia, psiquiatria, psicologia, neurologia, cardiologia e nutrição”, explica Robert Alves, diretor clínico.

As instalações oferecem ambulatório especializado para atender consultas agendadas via gestor de saúde, além de serviços de exames laboratoriais, ultrassonografia, eletrocardiograma e raio-x para pacientes internados. São dois pediatras de plantão 24 horas juntamente com uma equipe multiprofissional.

Foto: Divulgação (PMT)

 

Prefeitura de Teresina entrega hoje (01) Hospital da Criança com atendimento 24 horas

Teresina terá seu primeiro hospital municipal com atendimento exclusivo em pediatria com funcionamento 24 horas em urgência, emergência e internação. O novo Hospital Municipal da Criança fica no antigo Hospital do Parque Piauí, zona Sul da capital, será entregue hoje (01), às 16h, pelo prefeito Doutor Pessoa.

O hospital dispõe de 36 leitos de internação exclusivos para pediatria (pacientes recém-nascidos e com idade até 15 anos), tem ambulatório especializado com consultas agendadas (via gestor saúde) nas áreas de endocrinologia, psiquiatria, psicologia, neurologia, cardiologia e nutrição. Em breve será implantado também o serviço de atendimento em odontologia.

Fachada do Hospital Municipal da Criança. (Foto: Ascom/FMS)

O hospital da Criança tem ambiência voltada para o público infantil com uma brinquedoteca para os pacientes internados e aqueles que aguardam para consultas especializada no ambulatório. O local teve readequação de espaços e oferece os serviços de exames laboratoriais, raio X 24 horas, ultrassonografia e eletrocardiograma para os pacientes internados. São dois pediatras de plantão 24 horas com equipe multiprofissional para melhor definição e agilidade no tratamento.

Recepção do Hospital Municipal da Criança. (Foto: Ascom/FMS)

A diretora de Atenção Especializada (DAE) da FMS, Fátima Garcêz, destaca que o planejamento do corpo técnico visa atender a todas as necessidades de atendimento. “Foram feitos estudos de como adequar esse hospital com profissionais específicos e serviços que sejam essenciais no atendimento ao público infantil”, diz. O novo Hospital Pediátrico de Teresina conta ainda com uma ala exclusiva para crianças com síndrome gripal, separando os fluxos, dando mais segurança aos pacientes que procuram atendimento”, explica Garcêz.

O presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Gilberto Albuquerque, destaca que há muito tempo havia a necessidade de um hospital municipal de referência para as crianças. “Reunimos um corpo técnico de excelência para prestar o melhor atendimento as crianças de nossa cidade que necessitarem de atendimento de urgência, emergência, exames, internação e consultas especializadas”, diz.

Hospital Municipal da Criança – Painel (Foto: Ascom/FMS)

 

Paciente Hospital Municipal da Criança (Foto: Ascom/FMS)