Prefeitura vai monitorar 150 pontos de descarte irregular de lixo por câmeras de segurança

A SEMDUH está listando os pontos mais críticos para programar a instalação dos equipamentos de vigilância. Foto (Asc0o

A Prefeitura de Teresina irá monitorar pontos de descarte irregular de lixo por meio de câmeras de segurança do Centro de Controle Operacional (CCO), que será inaugurado nesta quinta-feira (19).

O CCO terá uma central com todos os recursos integrados para o gerenciamento, controle e monitoramento dos sistemas de vídeo, rede semafórica, comunicação e gestão da cidade de Teresina.

“O descarte irregular é um problema crônico em Teresina e o prefeito Doutor Pessoa determinou que façamos o monitoramento dos pontos críticos por câmeras. Dessa forma, será mais fácil identificar os autores da infração e aplicar a multa. Estamos elencando 150 pontos críticos para iniciar esse monitoramento”, afirma o secretário da SEMDUH, Edmilson Ferreira.

O gestor acrescenta ainda que a fiscalização das equipes do Programa Lixo Zero também será reforçada e ressaltou o valor das multas. “Nossa intenção não é sair aplicando multas, mas conscientizar a população. Porém, apesar de todo nosso trabalho de educação ambiental, o problema do lixo nas ruas persiste e não há outra forma de resolver a não ser multando os infratores. Agora, com o reajuste deste ano, o valor da multa subiu para R$ 437,54, na forma mais leve, e R$ 4.315,34 na forma gravíssima”, alerta.

Centro de Controle Operacional de Teresina (CCO)

A inauguração do CCO acontecerá amanhã (19), às 9h, na sede da Superintendência Municipal de Trânsito (STRANS).

A Prefeitura investiu cerca de R$ 26 milhões e pretende colocar Teresina como uma das cidades mais modernas no que diz respeito à mobilidade e segurança no trânsito do Brasil.

O CCO de Teresina contará com 485 câmeras espalhadas por toda a cidade, em 200 pontos, com um aumento na segurança, por meio do controle de câmeras de alta resolução, que serão capazes de realizar o reconhecimento facial, leitura de placas e demais serviços de fiscalização.

Mutirão de limpeza passará por 58 bairros; população deve aproveitar para se desfazer de materiais que iriam para o lixo

Mutirão de limpeza segue até o mês de fevereiro . Foto (Ascom/Semduh)

O mutirão de limpeza da Prefeitura de Teresina começa a adentrar os bairros da capital de forma mais enfática a partir desta segunda-feira (16), para eliminar o acúmulo de mato e lixo nas ruas. Ao todo, 58 bairros terão esse reforço na limpeza até o final de fevereiro e a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH) solicita que a população aproveite o momento para retirar de casa móveis, caixas, e demais materiais que não servem mais.

Veja o calendário dos próximos dias:

– Bairro Noivos: de 16 a 20 de janeiro

– Parque Brasil III: de 16 a 22 de janeiro

– Vermelha: de 19 a 23 de janeiro

– Real Copagre: de 20 a 22 de janeiro

– Aeroporto: de 20 a 23 de janeiro

– Novo Horizonte: de 20 a 30 de janeiro

– Redonda: de 20 a 27 de janeiro

– São João: de 21 a 25 de janeiro

“Nós vamos colocar um carro de som passando nos bairros para informar os dias em que a limpeza será feita. Pedimos que os moradores aproveitem o momento para descartar objetos que não queiram mais. Muitas vezes, as pessoas querem jogar fora um sofá velho, por exemplo, e deixa por meses no quintal, transformando o móvel em um criadouro da dengue ou esconderijo de roedores. Então, este é o momento! Se você tem móveis velhos para descartar ou outro tipo de material, faça a faxina na sua casa que nós vamos recolher”, explica o secretário da SEMDUH, Edmilson Ferreira.

O gestor alerta, entretanto, que a população deve aguardar o dia que as equipes farão a limpeza no bairro ou fazer o descarte no Ponto de Recolhimento de Resíduo (PRR) mais próximo.

O mutirão de limpeza se iniciou dia 2 de janeiro e seguirá até o final de fevereiro, em todas as zonas da cidade. Nos primeiros dias, a limpeza aconteceu principalmente em grandes avenidas, praças e canteiros centrais, mas agora já começou a expansão para as ruas secundárias, dentro dos bairros. Veja abaixo a relação de bairros a serem limpos:

CENTRO (9 bairros):

Real Copagre

Aeroporto

Primavera

Vila Operária

Pirajá

Mafuá

Matinha

Cabral

Porenquanto

ZONA LESTE (10 bairros):

Noivos

São João

Vila Mandacarú

Recanto das Palmeiras

Fátima

Jockey

Morada do Sol

Planalto Uruguai

Pedra mole

São Cristóvão

ZONA SUDESTE (12 bairros):

Bairro Novo Horizonte

Bairro Redonda

Bairro Todos os Santos

Bairro São Raimundo

Bairro Extrema

Bairro Comprida

Bairro Renascença

Bairro Tancredo Neves

Conjunto Dom Helder

Loteamento Vila Verde

Conjunto Pedro Balzi

Bairro Dirceu II

ZONA SUL (18 bairros):

Bairro Vermelha

Bairro São Pedro

Bairro Saci

Bairro Parque Piauí

Bairro Macaúba

Bairro Cidade Nova

Bairro Três Andares

Bairro Vila da Paz

Bairro Hugo Prado

Bairro Vermelha

Bairro São Pedro

Bairro Saci

Bairro Parque Piauí

Bairro Macaúba

Bairro Cidade Nova

Bairro Três Andares

Bairro Vila da Paz

Bairro Hugo Prado

ZONA NORTE ( 9 bairros):

Parque Brasil III

Monte Alegre

Leonel Brizola

Res. Vila Nova

Res. Hugo Prado

Res. Maria da Inglaterra

Res. Nova Teresina

Conjunto Mocambinho

SEMDUH alerta sobre alagamento provocado por descarte irregular no São Cristóvão

A Prefeitura de Teresina tem enfrentado um grave problema de descarte irregular de lixo em todas as zonas da cidade. E, durante o período chuvoso, o problema se agrava, provocando o entupimento de galerias e bueiros e causando inundações em várias áreas da capital.

Um exemplo disso é a situação no entorno do Ponto de Recolhimento de Resíduo (PRR) 26, localizado no Bairro São Cristóvão, zona Leste de Teresina, próximo à Praça do Prefeito. Moradores e construtoras têm despejado lixo em um terreno de esquina. Quando chove, o lixo se espalha e acaba causando alagamentos em algumas ruas, como a Rua Professor Mário Batista.

Por causa do acúmulo de lixo, rua fica alagada quando chove. Foto (Ascom/Semdu)

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH) faz um alerta sobre os riscos do acúmulo de lixo no local para a saúde dos próprios moradores.

“É uma situação preocupante. A Prefeitura já fez a limpeza, mas a população continuou jogando lixo e agora, com as chuvas, o lixo se espalhou e alagou algumas ruas próximas. É uma questão que gera transtornos e é prejudicial à saúde da própria população”, alerta o secretário da SEMDUH, Edmilson Ferreira.

A última limpeza foi feita na terça-feira (3), mas horas depois, houve novo descarte irregular mesmo existindo um PRR bem próximo. O secretário pede que as pessoas denunciem ao Lixo Zero se flagrarem alguém jogando lixo no local.

“Temos vários pontos da cidade nessa situação. A gente limpa e a população volta a jogar lixo. Estamos investigando essa conduta. Nesse ponto do São Cristóvão, temos um PRR a alguns metros e mesmo assim fazem descarte irregular. Temos informações que até construtoras estão descarregando lixo lá. Precisamos barrar esse comportamento e vamos multar os infratores”, destaca Edmilson Ferreira.

Equipes realizaram a limpeza nesta semana, mas horas depois o local foi sujo novamente. Foto (Ascom/Semduh)

A multa para quem pratica descarte irregular de lixo varia de R$ 407 a R$ 4.070, dependendo da gravidade, da quantidade e da frequência. Os flagrantes devem ser enviados para o whatsapp do Programa Lixo Zero: 86 9.9402-3074. A denúncia é anônima.

“A cidade mais limpa não é a que mais se limpa. É a que menos se suja!”, enfatiza o gestor.

Projeto adote uma praça inicia e vai trabalhar junto a comunidade o tema reciclagem de lixo

A Prefeitura de Teresina, por meio da Superintendência de Ações Administrativas (SAAD) Leste, está executando o projeto “Adote uma Praça”, onde empresários poderão adotar uma praça, fazer reformas, com a intenção de que a população volte a utilizar esse espaço público.

No próximo dia 3 de dezembro, haverá a inauguração da primeira etapa da praça que foi adotada nesse projeto. A empresa KAZOLY adotou a praça Dom Avelar, localizada na avenida Nossa Senhora de Fátima. O local foi reformado e agora orienta sobre a problemática do lixo. Por lá, haverá um ecoponto onde a população poderá depositar o lixo.

Segundo Francisco Brandão, gerente de Controle e Fiscalização da SAAD Leste, esse é um projeto social que visa trazer de volta a visita da população às praças da cidade, onde serão ofertados atrativos e benefícios.

“Nessa primeira praça, o tema escolhido pela empresa foi lixo. Vão trabalhar a questão da reciclagem no local, que vai ter um ecoponto para recolhimento do lixo. Quando as pessoas forem até a praça fazerem a entrega do lixo será gerado, através de um aplicativo, um crédito onde as pessoas poderão comprar numa loja existente no fundo da praça e também nas que ficam no entorno como padarias, chaveiros, ou seja, vai jogar o lixo e gerar um crédito que poderá ser consumido na praça”, explica o gerente.

A praça contará ainda com uma programação semanal com eventos para deficientes auditivos, idosos, feirinhas, contação de histórias e palhaços para contemplar o público infantil. “Será feito um trabalho cultural nessa praça que já foi reformada”, ressalta Francisco.

Outra ação desse projeto nesta primeira praça é a existência de carros elétricos que vão circular pelo bairro de Fátima, recolhendo lixo de porta em porta. “O carro passará na porta das casas e recolherá o lixo e isso gerará também crédito para que os moradores possam consumir na praça. Poderão ser entregues lixos como plástico, vidro e papelão e a equipe que receber fará a divisão do material. Só não podem entregar lixo orgânico. A prefeitura prestará todo apoio ajudando na limpeza, iluminação, disponibilização da guarda municipal nos espaços para ajudar na segurança”, disse Francisco Brandão.

Prefeitura de Teresina pede a conscientização da população em relação ao descarte do lixo na capital

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH) tem realizado ações de conscientização da população referente ao descarte correto do lixo na cidade, mas infelizmente em alguns pontos da capital a população insiste em praticar o descarte irregular do lixo, como é o caso da rua Professora Tonhão, no bairro São Cristóvão, zona Leste da capital, onde a prefeitura limpa o espaço e a população insiste em despejar os resíduos incorretamente.

A Prefeitura de Teresina já realizou várias intervenções no local, incluindo o recolhimento destes resíduos, tendo em vista que no espaço possui um container para o recebimento desses materiais descartados pela população, mas infelizmente, as pessoas continuam despejando o lixo no entorno do container, de forma irregular.

A Prefeitura de Teresina pede a conscientização da população para que realize o descarte de seus resíduos de forma correta, sem causar transtornos a sociedade como proliferação de doenças e enchentes, devido ao acúmulo de lixo em locais inapropriados, assim, promovendo uma cidade mais limpa, sem impactos ambientais e de saúde pública.

O coordenador de Limpeza Pública da Semduh, Fabricio Amaral, chama a atenção das pessoas que vivem no entorno da rua Professora Tonhão e pede a conscientização/colaboração dessas pessoas, em manter o local limpo, sem ocasionar problemas à cidade.

“Na rua Professora Tonhão, a Prefeitura de Teresina tem realizado a limpeza diariamente do local, no qual também é feito um trabalho de conscientização com as pessoas que fazem parte daquela região, mas infelizmente a população insiste em despejar seus resíduos no local de forma incorreta. Com o acúmulo do lixo as pessoas estão submissas a proliferação de doenças, entupimento de galerias e bueiros que provocam inundações pela cidade. Pedimos que a população descarte seu lixo corretamente, tendo em vista, que a Prefeitura disponibiliza coleta domiciliar, coleta seletiva e pontos estratégicos na cidade, para o recolhimento desses resíduos”, esclarece.

Em Teresina, fiscais do programa Lixo Zero, monitoram vários pontos de descarte irregular do lixo na capital, onde presenciam pessoas jogando lixo em locais proibidos: terrenos abandonados, ruas, calçadas, praças e bueiros. Esse tipo de ação é passível de multa que variam entre R $407 e R $4.074, de acordo com a gravidade da infração (leve, grave, muito grave e gravíssima).

Foto: Divulgação (Semduh)

Prefeitura de Teresina alerta a população sobre o descarte irregular do lixo no período chuvoso

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH) alerta a população em geral que não descarte seu lixo em terrenos abandonados, ruas e nem acumulem lixo em calçadas, principalmente neste período chuvoso, para não ocasionar inundações, proliferação de doenças e outros danos à sociedade.

A Prefeitura também chama a atenção dos carroceiros que fazem o transbordo de resíduos e o despejo nos Pontos de Recolhimento de Resíduos (PRRs), no qual é importante os mesmos fazerem o despejo correto nos containers e não despejar em suas proximidades, pois podem ocasionar doenças e outros problemas à população.

Com o descarte irregular do lixo, a cidade sofre com problemas ambientais, econômicos, sociais e de saúde pública. A poluição das vias públicas atrai roedores e insetos, causa proliferação de várias doenças, entope galerias, provoca inundações no período chuvoso, acarretando prejuízos na vida das pessoas.

A Prefeitura realiza, diariamente, limpezas na cidade, a exemplo das capinas, varrição e transbordo em pontos “viciados” (costumeiramente usados de forma irregular) de descarte de resíduos. Para cada tipo de material, a SEMDUH dispõe de serviços que a população pode procurar para se desfazer desses materiais, sejam eles recicláveis ou não.

Segundo o coordenador de limpeza pública da Semduh, Fabricio Amaral, são flagrados, diariamente, inúmeros casos de carroceiros que chegam com seu veículo perto do container e despejam o lixo do lado de fora. Isso também configura descarte irregular e é passível de multa.

“Na capital, são monitorados mais de 60 pontos de descarte irregular de lixo, serviço realizado pelos fiscais do Programa Lixo Zero. Geralmente, são locais onde a população joga lixo, diariamente, apesar do intenso trabalho de conscientização e limpeza realizados nesses locais pelas equipes da Prefeitura. A multa para quem descarta lixo incorretamente varia de R$ 407 a R $ 4.070, dependendo da quantidade de material despejado, da frequência, do tipo e do impacto ambiental causado “, explica.

A cidade de Teresina possui, atualmente, 55 PRRs em operação, distribuídos em todas as zonas da capital. Os PRRs são os containers com capacidade de 40 metros cúbicos, posicionados em pontos estratégicos da cidade para o descarte de material de construção, podas de árvores e móveis usados. Porém, em boa parte das vezes, o depósito de resíduos nesses locais acontece de forma irregular.

Nos PRRs é proibido a colocação de lixo orgânico, seja domiciliar ou comercial; animais mortos, penas e vísceras, resíduo industrial, entulhos, resíduo hospitalar, pilhas, baterias e aparelhos eletrônicos.

Para realizar denúncias, as pessoas podem utilizar o WhatsApp do Programa Lixo Zero (86 9.9402-3074). Todas as denúncias são anônimas e podem ser enviados vídeos, fotos e informações sobre locais onde são feitos os descartes irregulares.

Para reforçar as maneiras corretas de descartar os resíduos sólidos, a SEMDUH mantém atualizadas, no Instagram: @semduh_teresina, as localizações dos containers de PRRs (Ponto de Recolhimento de Resíduos) e PEVs (Posto de Entrega Voluntária).

Como descartar o lixo corretamente

1) Lixo doméstico: a coleta ocorre nos dias e horários programados, três vezes na semana;
2) Podas de árvores, restos de material de construção e móveis usados, oriundos de residências (não de empresas):  o destino correto são os Pontos de Recolhimento de Resíduos (PRRs), que são os containers colocados em pontos estratégicos dos bairros.
3) Material reciclável: até 50 quilos devem ser colocados nos Pontos de Entrega Voluntária (PEVs), presentes nas praças da cidade. Acima desse peso, fazemos o recolhimento gratuitamente, em dia e horário agendado, por meio do Disk Coleta: 86 98104-6786 (zonas Sul e Sudeste) e 86 98130-7739 (zonas Norte, Leste e Centro).

SEMDUH realiza a primeira sessão pública com as entidades de reciclagem

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH) realizou nesta terça-feira (18) o recebimento e abertura das propostas do chamamento público das cooperativas, entidades e organizações que trabalham com reciclagem na capital. Ao todo, foram cadastradas cinco entidades recicladoras que agora aguardam a segunda Sessão Pública, a ser realizada no dia 04 de novembro.

Na segunda sessão, será divulgado o julgamento das propostas e se procederá com o recebimento e análise da documentação das entidades que tiveram suas propostas aprovadas. O processo será finalizado com a classificação e cadastramento das instituições habilitadas pela SEMDUH, após a entrega dos documentos.

De acordo com o Breno Leite, técnico da Semduh,  com a realização do cadastro dessas cooperativas e entidades de reciclagem, a Prefeitura de Teresina aperfeiçoará o serviço de coleta seletiva e a destinação final dos resíduos coletados.

“É uma iniciativa importante para a SEMDUH, tendo em vista que vai permitir um melhor gerenciamento dos resíduos no município, onde teremos mais opções de entidades que possam trabalhar com esses materiais recicláveis, assim ajudando na preservação e proteção do meio ambiente”, ressalta Breno Leite.

As cincos cooperativas que estão participando do processo são: Cooperativa de Trabalho Empreendedor e Catadores de Materiais Recicláveis do Estado do Piauí (COOTERMAPI); cooperativa de Trabalho Reciclável Codipi (RECICLA CODIPI); Movimento Emaús Trapeiros de Teresina; Ciclo Piauí Consultoria e Valorização de Resíduos LTDA e Associação de Mulheres Agentes de Valorização de Reciclagem (AMAVARE).

O representante da Recicla Codipi, Antônio Paz, destaca a importância da realização do Chamamento Público para cidade de Teresina. “A Prefeitura de Teresina, por meio do chamamento público está agregando o terceiro setor no processo da coleta seletiva na capital, onde precisa ser realizado mais projetos e investimentos em trabalhos de reciclagem, por ser uma atividade rentável que gera novos empregos e contribui com a limpeza da cidade”, afirma Antônio Paz.

A coleta seletiva é realizada pelo Consórcio Teresina Ambiental (CTA), que colhe o material em todas as zonas da cidade, além da coleta seletiva em condomínios e grandes geradores, no qual todo esse material coletado será destinado para as entidades de reciclagem que tiverem suas propostas aprovadas e com as documentações regulares, assim cumprindo os requisitos necessários para a execução do serviço.

Foto: Divulgação (Semduh)

Bairro Aroeiras é beneficiado com ação de limpeza nesta quarta-feira (28)

A Prefeitura de Teresina, por meio da Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Norte, segue intensificando a limpeza em vários pontos da Capital. Desta vez, as equipes estão atuando no bairro Aroeiras.

Conforme informações repassadas pela SAAD Norte, todas as ruas, avenidas e praças do bairro receberão os serviços de capina, poda de árvores e recolhimento de entulhos. Vale ressaltar que a superintendência possui uma programação e todo mês cerca de dois bairros de Teresina estão sendo atendidos com serviço de limpeza.

O superintendente Daniel Carvalho, responsável pela SAAD Norte, ressaltou a importância da ação de limpeza nos bairros e pediu a ajuda da população para manter os locais limpos e preservados.

“A ação de limpeza está contemplando cada vez mais bairros da zona Norte e isso me deixa muito feliz, a população agradece muito, já que todo mundo gosta de andar em ruas e praças limpas. Estamos fazendo nossa parte e espero contar com os moradores de seus respectivos bairros para manter essa limpeza”, destacou o superintendente Daniel Carvalho.

SAAD Sul divulga cronograma de limpeza para a região, nesta segunda-feira (26)

A Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), através da gerência de Serviços Urbanos, divulga as ações de limpeza, capina e manutenção nas principais regiões da zona Sul no decorrer desta semana, incluindo limpeza de galerias, praças, vias e logradouros públicos.

As ações de limpeza incluem os bairros Vermelha, Torquato Neto, Santa Luzia, Promorar e Porto Alegre. Além disso, o cronograma inclui limpeza do parque da Houston, no Promorar e da praça Fernando César, no Saci.

Islanilton Gomes, gerente de Serviços Urbanos da SAAD Sul, explica mais sobre a limpeza realizada na região.

“A GSU, junto à SAAD e à prefeitura, está focada em administrar e entregar os serviços de limpeza e manutenção nas principais áreas da zona sul de Teresina, com a limpeza de praças e manutenção de áreas verdes”, comenta o gerente da GSU.

A SAAD Sul priorizou a melhora do saneamento dos ambientes públicos na zona sul e segue cumprindo com o cronograma de ações administrativas.

CRONOGRAMA DE LIMPEZA

26/09/22

Equipe A – (06:00 às 14:20) Av. Barão De Gurguéia, Vermelha
Equipe B – (06:00 às 14:20) Av Henry Wall de Carvalho, Areias
Equipe C – (06:00 às 14:20) rua Treze de Maio, Vermelha
Equipe D – (06:00 às 14:20) rua 01 residencial Manoel Damásio, Angelim
Equipe E – (08:00 às s 16:20) rua Cruzeiro do Sul, Vila Tiradentes
Equipe F – (08:00 às 16:20) rua São Gabriel, Vila Tiradentes
Equipe G – (06:00 às 14:20) rua 02 residencial Manoel Damásio, Angelim
Equipe H – (06:00 às 14:20) rua 03 residencial Manoel Damásio, Angelim
Equipe I – (06:00 às 14:20) rua 04 residencial Manoel Damásio, Angelim
Equipe J – (08:00 às 16:20) rua Projetada, vila Tiradentes
Equipe K – (07:00 às 15:20) rua Lindenberg Leite, Torquato Neto
Equipe L – (07:00 às 15:20) rua José da Costa Araújo, Torquato Neto
Equipe M – (07:00 às 15:20) quadra X,Torquato Neto
Equipe Extra – (07:00 às 15:20) Av. Maranhão, Santa Luzia
Equipe Colab-(06:00 as 14:20) Av. Maranhão, Santa Luzia

PRAÇAS E ÁREAS VERDES

Equipe A1 – (07:00 às 15:20) área verde da rua Barcarena, Porto Alegre
Equipe B1 – (07:00 às 15:20) parque da Houston, Promorar
Equipe C1 – (07:00 às 15:20) praça Fernando César, Saci
Equipe Campo Futebol – (07:00 às 15:20) praça da Feira, Promorar
Equipe Poda Baixa – (07:00 às 15:20) Av dr. Luís Pires Chaves, Saci
Equipe Poda Alta – (07:00 às 15:20) Av dr.Luís Pires Chaves, Saci
Equipe Transbordo – (07:00 às 15:20) Monte Castelo
Equipe Trator Roçadeira – (07:00 às 15:20) Manutenção
Equipe Galerias – (07:00 às 15:20) rua dos Teclados, Irmã Dulce

Região do Dirceu recebe a 5ª edição do Drive-Thru da Coleta Seletiva neste sábado (24)

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação ( SEMDUH), realizou neste sábado (24), a 5ª edição do Drive-Thru da Coleta Seletiva, no estacionamento do Teatro Municipal João Paulo II, no grande Dirceu, zona Sudeste da capital. O evento tem como objetivo a conscientização da população sobre a importância da reciclagem na cidade .

O secretário da SEMDUH, Edmilson Ferreira, fala sobre a importância da realização do evento para as comunidades de toda a região.

“Essa é a 5ª edição do Drive-Thru da Coleta Seletiva que acontece aqui na região do Dirceu que tem como objetivo orientar e conscientizar a população sobre a importância da reciclagem para diminuição dos impactos ambientais na sociedade, além de ensinar a população a separar seus resíduos de forma correta”, ressalta o secretário.

Durante o evento, as pessoas trocaram seus materiais recicláveis (plástico, metal, vidro e papel), por objetos confeccionados de materiais recicláveis, além de trocarem também por mudas plantas. A população se fez presente , apoiando a ação e levando também dos suas crianças para participarem das brincadeiras educativas .

Dona Maria Inês, moradora do bairro, destaca que ações como esta, devem acontecer diariamente na cidade, tendo em vista, sua importância para sociedade e o meio ambiente.

“Essa ação deve acontecer mais vezes na cidade, no qual é de suma importância para nós. Aqui estamos contribuindo com o meio ambiente, além de prevenir doenças que podem ser causadas por lixos acumulados em nossas casas. Estou feliz em ver uma ação linda dessa acontecendo, na qual também ajuda a transformar o lixo em grandes obras de artes. A prefeitura de Teresina está de parabéns”, destaca Maria Inês.

Como separar seus resíduos recicláveis?

  • Plástico: Lave-os para que não sobrem restos do produto, principalmente no caso de detergentes e shampoos, que podem dificultar a triagem e o aproveitamento do material. No caso de embalagens com tampas, retire-as;
  • Vidros: Lave-os e retire as tampas ou rolhas. Não são aceitos vidros quebrados na coleta seletiva;
  • Metais: Latinhas de refrigerantes, cervejas e enlatados devem ser amassados ou prensados para facilitar o armazenamento;
  • Papéis: Podem ser guardados diretamente em sacos plásticos.

Como separar o lixo doméstico?

  • Não misture recicláveis com orgânicos – sobras de alimentos, cascas de frutas e legumes. Coloque plásticos, vidros, metais e papéis em sacos separados;
  • Lave as embalagens do tipo longa vida, latas, garrafas e frascos de vidro e plástico. Seque-os antes de depositar nos coletores. Os papéis devem estar secos. Podem ser dobrados, mas não amassados.

*Clique para aumentar a foto