Prefeitura de Teresina irá pavimentar mais um quilômetro da Marginal Poti Sul

A Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), através da Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), atua com diversas frentes de serviços em todo o trecho da Estrada da Alegria, na Marginal Poti Sul, e até a próxima semana, será entregue mais um quilômetro de pavimentação asfáltica. O valor total da obra está orçado em R$27.521.499,08 com fonte de recursos municipais e possui um prazo de 8 meses para a sua conclusão.

Superintendente da Saad Sul, Juca Alves e equipe no local da obra / Fotos: Ascom Saad Sul

De acordo com o engenheiro da PMT, Ayrton Mendes, o cronograma está de acordo com o planejado e no momento existem máquinas em todo o perímetro que corresponde a Estrada da Alegria, na via Sul.

“Estamos trabalhando a todo vapor e com diversas frentes de serviços como a terraplanagem, serviço de compactação em vários pontos e o serviço de aterro. E na próxima semana já estamos com a programação de entregarmos mais um quilômetro de pavimentação asfáltica para a população da zona Sul“, informou o engenheiro.

O Superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, esteve em vistoria pela obra ainda na manhã desta quarta-feira(13), e comentou sobre a importância da via para os teresinenses.

“Estamos atuando para além das máquinas na pista, nossas equipes técnicas estão empenhadas para que não haja entraves e assim a obra siga seu fluxo normal programado, esse foi um pedido feito pelo prefeito Dr. Pessoa”, pontuou Juca Alves;

A Marginal Sul é atualmente uma das maiores obras de mobilidade urbana da Capital. O novo logradouro irá ligar a zona sul à zona leste da capital, desafogando e melhorando significativamente o trânsito de Teresina.

Em toda a sua extensão, a nova via irá interligar as importantes avenidas: Av. Gil Martins, Av. Dep. Milton Brandão, Av. Mestre Dezinho, Rua Elesbão Veloso, Av. São Raimundo, Av. Manoel Ayres Neto, Av. Higino Cunha, Av. Marechal Castelo Branco. O novo corredor irá passar pelos Bairros: Ilhotas, Cristo Rei, Três Andares, Catarina, Bela Vista, São Lourenço e Parque Sul.

Obras da avenida Marginal Poti Sul retornam nesta sexta-feira (27)

Após uma paralisação formal devido ao período chuvoso, a Prefeitura de Teresina, através da Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul),  irá retomar as obras na Av. Marginal Poti Sul ainda nesta sexta-feira (27).  A obra está orçada em R$27.521.499,08 com fonte de recursos do banco CAF  (Banco de Desenvolvimento da América Latina). O prazo de conclusão da obra é de nove meses.

Atualmente a obra possui 20% de execução, faltando ainda a conclusão do sistema de drenagem, pavimentação, iluminação, acessibilidade, ciclovia e sinalização.

Em toda a sua extensão, a Marginal Poti Sul irá interligar as importantes avenidas: Av. Gil Martins, Av. Dep. Milton Brandão, Av. Mestre Dezinho, Rua Elesbão Veloso, Av. São Raimundo, Av. Manoel Ayres Neto, Av. Higino Cunha, Av. Marechal Castelo Branco. O novo corredor irá passar pelos Bairros: Ilhotas, Cristo Rei, Três Andares, Catarina, Bela Vista, São Lourenço e Parque Sul.

O Superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, informou que as equipes técnicas estão trabalhando para resolver os possíveis entraves na execução da obra, para que tudo seja feito no prazo estabelecido, e comentou ainda sobre a importância da obra.

“Estamos resolvendo todos os impedimentos para que esta obra importante obra de mobilidade urbana seja entregue dentro do prazo estabelecido. Este novo corredor vai ligar a zona sul à zona leste de Teresina, e irá melhorar significativamente o trânsito da nossa capital”, apontou Juca Alves.

SAAD Sul e Semplan realizam visita técnica à Marginal Poti Sul

As equipes técnicas da Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul) e da Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação (Semplan), estiveram visitando na manhã desta quinta-feira (03) a execução das obras na Marginal Poti Sul. O novo corredor que ligará a zona sul à zona leste de Teresina está dividido em três etapas, e está orçado em R$65 milhões com recursos do município, bem como de um convênio com a Caixa, do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF).

Atualmente, com diversas frentes de serviços, a etapa que compreende a Estrada da Alegria iniciou a pavimentação asfáltica em alguns trechos. “Estamos trabalhando diariamente para que esse importante componente de mobilidade urbana seja entregue o quanto antes. Hoje iniciamos a execução de mais uma frente de serviço importante, que é a pavimentação asfáltica de alguns trechos da Estrada da Alegria. Estamos acompanhando de perto e traçando soluções mais eficientes para a conclusão dessa grande obra”, destacou o superintendente da SAAD Sul, Juca Alves.

O secretário da Semplan, João Henrique Sousa, também esteve visitando a via e pontuou sobre a obra “Nós realizamos algumas reuniões para tratar do andamento dessa obra importantíssima para a cidade, mas entendemos que uma visita in loco é mais produtiva e conseguimos compreender melhor o andamento e os pontos de atenção. A Marginal Poti Sul, que compreende a Estrada da Alegria, possui recursos do município, bem como de um convênio com a Caixa, do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). A pedido do nosso prefeito Dr. Pessoa, estamos acompanhando a aplicação desse recurso junto à SAAD Sul. O nosso desejo e do nosso prefeito é que possamos ver essa obra concluída o mais breve possível e entregá-la a população”, concluiu.

Zona Sul recebe investimentos de cerca de R$ 400 milhões em 2020

A zona sul de Teresina já recebeu investimentos de aproximadamente R$ 400 milhões em obras executadas pela Prefeitura de Teresina. A região recebeu o viaduto de ligação das avenidas Barão de Gurgueia e Henry Wall de Carvalho, a Marginal Poti Sul, a urbanização da Vila da Paz, a construção de um ginásio poliesportivo com capacidade de mais 700 lugares no Lourival Parente, além de construção e reforma de praças e pavimentação em vários bairros da região.

“A zona Sul é uma das maiores regiões da cidade. Essas obras, sem dúvida, vão proporcionar melhor qualidade de vida a todos os moradores. Esses investimentos estão gerando também melhor mobilidade urbana, mais saúde, com obras ligadas a prática esportiva e ao lazer, e muito mais”, lembrou o superintendente da SDU Sul, Paulo Roberto.

Além das obras que estão sendo executadas, Paulo Roberto ressaltou que existem várias outras em processo de licitação, ou mesmo já licitadas, aguardando apenas o cumprimento dos trâmites burocráticos para serem iniciadas. Uma das mais esperadas é a galeria que será construída na região do bairro Torquato Neto. A perspectiva é que a realidade do local seja completamente transformada após a conclusão dessa obra. A Prefeitura vai investir cerca de R$ 70 milhões na construção dessa galeria. Vale ressaltar que parte deste recurso será utilizado na recuperação de ruas.

A obra do Viaduto da Tabuleta entrou na sua última etapa. Atualmente a empresa Equatorial, em parceria com a Prefeitura, está realizando o remanejamento da rede de energia que passa pelo local. Isso vai permitir a implantação da parte central do elevado. Segundo o superintendente, as peças de ligação já estão montadas, faltando apenas serem soldadas no local. “Enquanto a Equatorial trabalha na mudança da rede vamos trabalhar paralelamente na melhoria das galerias do local e na construção da rotatória que ficará embaixo do elevado”, explicou.

Na área de pavimentação, os recursos aplicados são superiores a R$ 5 milhões. A Vila Tiradentes, por exemplo, está recebendo calçamento em 12 ruas. Também fazem parte desta relação de bairros beneficiados: Vila Irmã Dulce, o Planalto Bela Vista, Angelim, Santo Antonio e o Parque Vitória. No total, entre as que já estão sendo pavimentadas no momento, e as que estão licitadas e devem iniciar em breve, são 87 ruas.