Obras de esgotamento sanitário são vistoriadas em oito bairros da cidade

Técnicos da ARSETE realizaram serviços de vistoria em oito bairros da capital nesta segunda (04). O roteiro incluiu a fiscalização de obras acabadas e em andamento no sistema de esgotamento sanitário. O objetivo foi verificar conformidades ou possíveis desconformidades na conclusão dos serviços prestados pela concessionária, assim como a correção de irregularidades anteriormente notificadas em diversos locais.

Através de imagens e dados coletados, um relatório técnico é elaborado, abordando fatores como a qualidade na finalização dos serviços, a presença de buracos e o acabamento deixado nas ruas por onde os tubos de captação da rede de tratamento de esgoto são instalados. A ação obedece a prerrogativas contratuais que preveem o acompanhamento e a prestação de contas do andamento das atividades realizadas no município.

Aliada à atuação regulatória, a prefeitura é responsável por cuidar da segurança das vias públicas, a fim de evitar acidentes, intercorrências no abastecimento de água e paralisação do trânsito. Os bairros visitados foram: Aeroporto, Matinha, Monte Castelo, Primavera, São João, Fátima, Cabral e São Cristóvão.

Foto: Divulgação (Arsete)

SAAD Sul realiza revitalização de locais de ponto de descarte de lixo irregulares na zona sul de Teresina

A Gerência de Serviços Urbanos (GSU) por meio da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), vem cumprindo uma agenda de ações de revitalização de espaços de descarte irregular de lixo. O calendário contemplou o bairro Monte Castelo e agora segue para a av. 11 de julho no distrito industrial.

A revitalização conta com a limpeza do local, utilização de areia vegetal e plantio de mudas para a urbanização do espaço. Também é distribuído através da Prefeitura de Teresina um panfleto para conscientizar a população sobre os espaços públicos e manutenção de limpeza destes.

(Foto: Ascom/SAAD Sul)

O Superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, ressaltou a importância de se preservar os espaços revitalizados, “Estamos estabelecendo ações de conscientização da população, para que se possa haver acordos coletivos na manutenção destes espaços. A SAAD Sul vem trabalhando para que mais espaços da nossa zona sul sejam revitalizados, sendo importante lembrar que existe fiscalização do descarte irregular de lixo gerando multas que variam de 360,00 reais a 3600,00 reais, ” concluiu Juca Alves.

(Foto: Ascom/SAAD Sul)

O Gerente da GSU, Islanilton Gomes, destaca que as ações são alinhadas à melhorias para a população da zona sul, “As equipes de limpeza e transbordo estão diariamente nas ruas da Zona Sul realizando as manutenções e ações como esta, para garantir a urbanização dos espaços públicos, assim alinhando nosso trabalho com o bem estar da população e garantindo melhorias para a população ” concluiu Islanilton Gomes.

(Foto: Ascom/SAAD Sul)

(Foto: Ascom/SAAD Sul)

Dr. Pessoa participa de comemoração de 43 anos do Hospital do Monte Castelo e entrega obras no Centro de Teresina

O prefeito de Teresina, Doutor Pessoa, participou na manhã deste sábado (28) da comemoração de 43 anos de funcionamento do Hospital Dr. Miguel Couto, do bairro Monte Castelo, zona Sul de Teresina.

O Hospital desde 23 de março de 2020 é exclusivo para pacientes Covid e referência na rede municipal para tratamento dessa doença. Funciona com 49 leitos, sendo 30 leitos clínicos Covid e 10 leitos de UTI Covid.

Dados estatísticos do hospital apontam que este ano de janeiro a julho foram 1.007 admissões, 47 altas de pacientes curados e 629 pacientes de alta melhorado quando o paciente pode ter continuidade no tratamento da covid fora do hospital. Em 2020 de março a dezembro foram 1.354 admissões e 953 pacientes tiveram alta melhorado.

Foto: Lucas Dias

Para celebrar a data, houve uma celebração de uma missa no hospital com a participação de todos os funcionários do local. Na ocasião, o prefeito ressaltou o empenho de todos que trabalham no local para que o hospital seja uma referência na capital.

“É um hospital de referência de médio porte, que teve o preparo, amor e carinho de todos para cuidar. Todos preparados, focados e com cobertura divina as coisas acontecem. Ano que vem vamos olhar mais para vocês com mais carinho e mais objetividade para que todos sejam beneficiados”, ressaltou Dr. Pessoa

Foto: Lucas Dias

Foto: Lucas Dias

E dando continuidade à programação, o prefeito realizou uma série de inaugurações e entregas de obras, reformas e revitalização de locais que antes estavam ociosos na região central de Teresina, e que foram executadas pela Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD Centro). O cronograma de inaugurações teve início neste sábado (28) no novo Mirante da Ponte Estaiada e seguirá na próxima terça-feira (31) com a entrega da Guarda Ambiental do Parque da Cidade.

De acordo com o superintendente da SAAD Centro, Roncalli Filho, pelo menos cinco pontos da Teresina ganharam melhorias, que vão desde reformas gerais, focadas em impulsionar o turismo da capital e o fluxo do comércio no Centro, até a instalação de estandes para Guarda Municipal, o que auxiliará diretamente na melhoria da segurança da população.

Foto: Lucas Dias

No total, as novas obras contam com a revitalização do Mirante da Cúpula da Ponte Estaiada, que foi feita no período de 60 dias, a instalação de estande e praça pública na Avenida Marechal, as reformas da Rua climatizada, da Rádio FM Cultura e a instalação da Guarda Ambiental no Parque da Cidade. A agenda ainda seguiu com a assinatura da Ordem de Serviço para reforma do Mercado Central, no valor de 2.2 milhões, com recursos destinados pelo senador Elmano Férrer. Os permissionários foram ouvidos e durante a obra serão realocados para rua Paissandu.

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, ressaltou o ritmo de cronogramas de obras que tem sido entregue pela SAAD Centro, mesmo em um período em que a capital ainda sofre com os efeitos da pandemia de COVID-19.

“Quero ressaltar as obras que serão feitas na minha gestão, principalmente agora no mês de agosto. As obras estão acontecendo até de maneira acelerada. Estamos vivendo em um período de declínio econômico e ainda na pandemia e as obras continuam acontecendo”, frisou o prefeito.

O superintendente da SAAD Centro, Roncalli Filho, frisou sobre as obras de revitalização que serão realizadas. “Vamos assinar a Ordem de Serviço para o Mercado Central e para entrega da Rua Climatizada. Isso mostra o compromisso e cuidado da gestão do Dr. Pessoa com o turismo e comércio na capital. Foi um pedido dele que revitalizássemos os principais pontos históricos da capital”, declarou Roncalli Filho.

Foto: Lucas Dias

GUARDA MUNICIPAL E ACADEMIA

A revitalização do espaço próximo à Avenida Marechal, que era um pedido antigo da população, deu uma nova função para um espaço que antes estava sem uso. A obra contou com a implantação de um posto para Guarda Municipal, semelhante ao que existe na Ponte Estaiada, além da instalação de uma praça, com bancos iluminação e academia popular.

Foto: Lucas Dias

RUA CLIMATIZADA

A reforma da Rua Climatizada foi um pedido de Dr. Pessoa que solicitou a revitalização de pontos históricos da cidade. A obra permitiu a substituição do piso cerâmico, restauração dos bancos de madeira, instalação elétrica e hidráulica, de refletores de iluminação em LED. Também a recuperação e limpeza do forro em PVC, instalação de ventiladores novos e pintura geral.

Foto: Lucas Dias

RÁDIO FM CULTURA

Já as melhorias no prédio da Rádio FM Cultura foram demandas repassadas para SAAD Centro pelo vice-prefeito, Robert Rios, e pelo coordenador de Comunicação, Lucas Pereira. A reforma levou para a nova sede estúdios proteção acústica, sistema de som, iluminação, instalações elétricas e hidráulicas, salas admirativas, instalações de rede de internet, instalação de ar-condicionado, sistema de câmeras, forro, comunicação visual, pintura e móveis novos.

GUARDA AMBIENTAL

A reforma do prédio da Guarda, localizado no Parque da Cidade, foi feita com recurso próprio e contou com a recuperação da cobertura do telhado, novas instalações hidráulicas e elétricas, implantação de sala de armas, dormitórios com banheiros, implantação de refeitório, reforço na segurança com implantação de grades nas portas e janelas, iluminação, instalação de rede de internet, substituição de esquadrias, portas e janelas, forro, piso cerâmico e pintura personalizada.

 

Foto: Lucas Dias

Foto: Lucas Dias

Foto: Lucas Dias

Foto: Lucas Dias

Foto: Lucas Dias

 

Hospital do Monte Castelo completa 43 anos atendendo população de Teresina

O Hospital Dr. Miguel Couto, do bairro Monte Castelo, zona Sul, completa neste sábado (28) 43 anos de funcionamento e desde 23 de março de 2020 é exclusivo para pacientes Covid e referência na rede municipal para tratamento dessa doença. Funciona com 49 leitos, sendo 30 leitos clínicos Covid e 10 leitos de UTI Covid.

Dados estatísticos do hospital apontam que este ano de janeiro a julho foram 1.007 admissões, 47 altas de pacientes curados e 629 pacientes de alta melhorado quando o paciente pode ter continuidade no tratamento da covid fora do hospital. Em 2020 de março a dezembro foram 1.354 admissões e 953 pacientes tiveram alta melhorado.

A equipe multiprofissional do Hospital do Monte Castelo tem inovado no acolhimento para pacientes Covid utilizando recursos como vídeo chamadas para agilizar a comunicação entre os pacientes e familiares. Além disso, a unidade foi o primeiro hospital público de Teresina a utilizar a tecnologia de ventilação mecânica não invasiva, que é menos agressiva que a intubação. Para Martina Costa, diretora geral do Monte Castelo, o acolhimento é muito importante na área hospitalar e mais ainda quando se trata de uma doença como a Covid.

O diretor clínico do hospital, Cícero de Sousa Neto, explica que a equipe de profissionais é capacitada para o atendimento aos pacientes. “Trabalhamos com todos os parâmetros e orientações sobre as medidas de precauções no que se refere a Covid-19, dispomos de medicação, temos os equipamentos de proteção individual em quantidade suficiente para todos, em conformidade com as normativas vigentes e o adequado dimensionamento dos profissionais para o funcionamento 24 horas”, diz.

O hospital teve reforma e ampliação concluída em 2015 e passou a atender a população de Teresina com estrutura moderna. O presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Gilberto Albuquerque, fala da capacidade de atendimento. “ É um hospital dotado de equipamentos, equipes de profissionais com muita capacidade técnica, medicamentos e toda a estrutura necessária para atender nesse momento de pandemia da Covid-19. Antes o hospital já tinha a sua importância no atendimento à população de Teresina com urgência 24 horas e internação”, cita.

Foto: Divulgação (FMS)

Tecnologia facilita atendimento de pacientes com Covid-19 no Hospital do Monte Castelo

A tecnologia na área da comunicação tem sido uma aliada para melhorar o atendimento aos pacientes com Covid-19 no Hospital do Monte Castelo. Na unidade, foi implantado sistema que permite o contato, por vídeo, entre equipes da ala Covid e de outras da unidade de saúde, evitando possível contaminação. O recurso também é disponibilizado para que pacientes tenham contato com seus familiares. Nesta sexta-feira (24), o prefeito Firmino Filho esteve no hospital para acompanhar de perto a utilização desse sistema e também a rotina dos profissionais de saúde.

Postos da unidade de saúde foram aparelhados com o sistema de comunicação, permitindo que os profissionais se sintam mais seguros na prática diária com os pacientes infectados. “Essas adequações que foram feitas para melhorar a comunicação, com o uso da tecnologia, têm sido bastante positivas, segundo me relataram os profissionais”, ressaltou o prefeito.

Ele destacou também o papel importante que o Hospital do Monte Castelo tem dentro da rede de assistência à Covid-19. “Aqui os pacientes de média gravidade são acolhidos. Tem uma equipe de trabalho completamente comprometida, são guerreiros da saúde, que tratam os pacientes com respeito e carinho. E o comprometimento da equipe, sem dúvidas, tem feito todo o diferencial nessa batalha contra o Coronavírus. Nada é mais importante que a vida e somos eternamente gratos pelo serviço prestado pelos profissionais de saúde da capital”, destacou Firmino.

O Hospital Dr. Miguel Couto, no bairro Monte Castelo, zona sul de Teresina, atende somente os casos de internação clínica de pacientes com suspeita da Covid-19. A Unidade dispõe de 50 leitos, sendo 43 clínicos e sete de UTI. De acordo com a diretora clínica, Ana Tecla, o hospital oferta um apoio multiprofissional aos seus pacientes.

“Aqui nós oferecemos todo o apoio necessário às pessoas que sofrem com essa doença. Por meio do nosso sistema de comunicação nós fazemos o acolhimento social, com visitas virtuais do paciente com os seus familiares, informando diariamente à família o boletim com o estado de saúde do paciente. Também estamos sempre interligados com todos os setores, o que nos permite nos atualizar sobre as informações de cada pessoa que está internada, tanto quando estamos no hospital, como em casa. É uma dedicação diária para que todos possamos superar esse momento de uma forma não muito traumática”, afirmou a diretora.

No momento da visita do prefeito Firmino, o jovem Pedro Ricardo de Oliveira, de 32 anos, recebeu alta. Ele informou que teve febre, dor de garganta e que foi muito bem acolhido ao receber o resultado positivo e ser encaminhado para internação na rede pública de saúde. “Apesar do sofrimento da doença, por ficar isolado, longe da família, desconectado do mundo, o atendimento e a atenção recebidos pela equipe médica nos fazem mais forte para superar a doença. É uma bênção agora voltar para casa. Só posso agradecer o cuidado recebido aqui no Hospital Monte Castelo”, comemorou.

 

 

Promorar, Angelim e Monte Castelo recebem equipes de limpeza

Cerca de 10 bairros da zona Sul recebem equipes de limpeza da Prefeitura de Teresina nesta quinta-feira (09), entre eles o Promorar, Monte Castelo e Angelim. Cada local terá pelo menos duas equipes de capina executando os serviços.

Ruas de bairros como Cidade Nova e Vila da Paz também terão serviço de capina. Já a equipe de galeria estará atuando na Rua 13 de Maio, na Tabuleta. Cada uma dessas equipes é composta por cerca de 15 pessoas.

A gerência de Serviços Urbanos da Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU) Sul é responsável pelo serviço e realiza também manutenção de praças e áreas verdes, limpeza de áreas de transbordo, manutenção de estações de ônibus, entre outras.

“A limpeza dos bairros acontece através de uma programação montada pela gerência, mas também atendemos solicitações das comunidades, priorizando as situações mais urgentes”, lembrou Marcelo Mourão, gerente de Serviços Urbanos da SDU Sul.

As áreas verdes que estão na programação desta semana estão localizadas na Vermelha (praça), Teresina Sul, próximo a UBS do bairro, Bela Vista 1 e o campo de futebol do Parque Piauí. “Estamos trabalhando ainda com uma roçadeira mecanizada. O resultado é muito bom. Com equipamento dá para fazer capina em grandes áreas em um espaço de tempo bem mais curto”, explica Marcelo. Esta semana, a roçadeira estará na área da Estrada da Alegria.

Polo de academia recebe visita de pesquisadoras de Santa Catarina

Ascom/FMS

Teresina está recebendo hoje (11) a visita das pesquisadoras Paula Fabricio Sandreschi e Sofia Wolker Manta, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Elas estão conhecendo o Polo Academia de Saúde do bairro Monte Castelo e conferindo as práticas exitosas desenvolvidas no local. A academia foi selecionada entre mais de 1700 inscrições para participar da pesquisa “Saúde a Partir de Atividades Físicas Exitosas” (SAFE), desenvolvida pela UFSC em parceria com o Ministério da Saúde.

“A nossa pesquisa tem o intuito de criar recomendações para a prática de educação física na Atenção Básica em Saúde. Estamos buscando na prática o que está acontecendo atualmente e os elementos positivos locais para criar as recomendações e espalhar pelo resto do Brasil”, explica a pesquisadora Paula Sandreschi. Inicialmente, foi criado um questionário online, que permitiu a seleção de 88 municípios com as práticas consideradas mais exitosas. “Alguns exemplos de indicadores que utilizamos foram: melhor planejamento, um alcance grande da população, atendimento de um número grande de pessoas, continuidade ao longo das mudanças de gestão, entre outros”, esclarece a pesquisadora.

O passo seguinte foi a seleção de 10 municípios que receberiam a visita in loco da equipe, entre eles Teresina. As pesquisadoras fizeram entrevistas com os atores envolvidos no trabalho do Polo de Academia do Monte Castelo, incluindo a facilitadora da prática – a educadora física Francisca Islândia -, a equipe de profissionais de saúde que participam de seu planejamento e execução, a gestão e usuários da prática.

“No caso do Monte Castelo, a gente entendeu que a equipe multiprofissional é muito articulada e isso seria um grande ponto forte dessa prática, porque um ajuda o outro e estão todos engajados em promover atividade física pra população. O apoio da gestão também é muito importante, e a profissional que está a frente é muito engajada e competente, e isso também é muito importante para que a prática tenha sucesso”, avalia a Paula Sandreschi.

“Para nós, essa visita representa o reconhecimento das atividades desenvolvidas no polo, que incluem a prática de atividades físicas orientadas, práticas integrativas e complementares, como a auriculoterapia, e atividades de educação em saúde”, afirma a educadora física Franscisca Islândia, facilitadora e responsável pelo trabalho no Polo de Academia do Monte Castelo.

Ainda segundo as pesquisadoras, o próximo passo é reunir os pontos positivos observados e criar recomendações das práticas de atividade física para implantação em outros lugares do país. “Vamos aplicar em outros locais para ver se são factíveis e possíveis, alterar o que for necessário e realizar a publicação, que vai ser difundida em nível nacional”, diz Paula Sandreschi.

Polos de Academia

Atualmente Teresina possui oito polos de academia da saúde, nas UBS dos bairros Monte Castelo, Angelim, Vamos Ver o Sol, Santa Izabel, Planalto Uruguai, Monte Verde, Parque Wall Ferraz e Alto da Ressurreição. Entre os meses de janeiro e junho de 2019, foram realizados 13.343 atendimentos nos polos, que mantêm 32 grupos fixos de usuários adultos e idosos.

Os polos de academia funcionam de segunda à sexta, sendo seis pela manhã e dois nos turnos manhã e tarde. São ofertadas diversas práticas corporais nestes locais, como ginástica localizada, aeróbica, acrobática, dança, treino de força, capoeira, judô, exercícios funcionais, alongamento, caminhada orientada e recreação, além de práticas integrativas complementares como ioga, auriculoterapia, terapia comunitária, reiki e práticas de cuidado com o uso de plantas medicinais.

Além disso, são desenvolvidas nos polos várias ações de educação em saúde, envolvendo promoção de segurança alimentar e nutricional e de educação alimentar; orientação para a prática de atividade física e fatores de riscos para doenças crônicas, além de articulações com diversos segmentos da saúde, educação, lazer e assistência social para realização de atividades pontuais ou eventos de datas comemorativas.