Teresina notificou 127 casos e quatro mortes por Covid-19 nesta segunda (31)

Foram confirmados 127 novos casos e quatro mortes por Covid-19 em Teresina nesta segunda-feira (31). É o que revela o Painel Covid-19, atualizado diariamente pelo Centro de Operações em Emergências (COE) da Fundação Municipal de Saúde (FMS). A capital contabiliza agora 25.242 casos e 915 óbitos em decorrência da doença.

Os óbitos registrados datam de 26, 30 e 31 de agosto. Foram duas pessoas do sexo masculino e duas do sexo feminino, com idades entre 78 e 85 anos. Eles eram portadores de comorbidades como doença cardiovascular, doença neurológica, doença renal, hipertensão arterial, diabetes.

A estatística apresentada pelo Painel da FMS revela que de 1° de maio até 31 de agosto, foram atendidos 6.727 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave na capital. Ou seja, pessoas que precisaram ser internadas devido o agravamento do quadro de síndrome gripal, muitas delas necessitando de leitos de UTI para concluírem o tratamento. O Painel de dados Covid atualizado ontem (31) apresenta 64,04% a taxa de ocupação de leitos de UTI Covid-19 em Teresina. Dos 292 leitos de UTI exclusivos para casos Covid, 187 estão ocupados.

Walfrido Salmito, médico infectologista da FMS, alerta a necessidade de se manter os cuidados para evitar a disseminação da Covid-19, como uso de máscara ao sair de casa, distanciamento de dois metros entre as pessoas e evitar aglomerações. Essas condutas são recomendadas pelo Ministério da Saúde, considerando que a transmissão da Covid-19 acontece de uma pessoa doente para outra ou por contato próximo por meio de toque ou aperto de mão, gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro ou por meio de objetos ou superfícies contaminadas.

Teresina registra mais cinco óbitos e 225 novos casos de Covid-19

O Centro de Operações em Emergências (COE) da Fundação Municipal de Saúde (FMS) registrou cinco óbitos decorrentes de complicações da Covid-19 em Teresina, nesta segunda-feira (24). Houve ainda 225 novos casos confirmados da doença. No total, a capital registra 882 mortes e 23.650 pessoas infectadas pelo novo Coronavírus.

Os novos óbitos notificados ocorreram nos dias 21, 22 e 24 de agosto. Entre os óbitos confirmados, um era do sexo masculino e os outros do sexo feminino. Os pacientes tinham 37 e 87 anos. Apenas um dos pacientes não tinha comorbidade, mas tinha idade avançada. Os demais apresentavam comorbidades como hipertensão arterial, diabetes, imunodepressão, doença neurológica, doença cardiovascular.

Os órgãos de saúde recomendam várias medidas para evitar a propagação da COVID-19. As principais são lavar as mãos com frequência, usando sabão e água ou álcool em gel, e manter uma distância segura de pessoas, especialmente aquelas que estiverem tossindo ou espirrando. Sempre usar máscara, principalmente quando não for possível manter o distanciamento físico, e não tocar nos olhos, nariz ou boca, além cobrir o rosto com o braço dobrado ou um lenço ao tossir ou espirrar. Também orientam que as pessoas fiquem em casa se estiverem indispostas e procurem atendimento médico ao apresentar qualquer sintoma de síndrome gripal.

Teresina registra mais quatro óbitos e 412 novos casos de Covid-19

Teresina registrou mais 412 novos casos e quatro óbitos por Covid-19. Segundo dados divulgados nesta quarta-feira, dia 19, pelo Comitê de Operações Emergenciais em Saúde Pública (COE) da Fundação Municipal de Saúde (FMS), a capital contabiliza um total de 22.923 casos confirmados e 854 óbitos pelo novo Coronavírus.

Os novos óbitos notificados ocorreram nos dias 22 de junho e nos dias 17, 18 e 19 de agosto. Entre as mortes confirmadas, um era do sexo masculino e três do sexo feminino. Todas as pessoas tinham comorbidades como diabetes, hipertensão arterial, doença cardíaca, doença renal e esquizofrenia. Os pacientes tinham entre 54 e 74 anos.

Walfrido Salmito, médico infectologista da Fundação Municipal de Saúde (FMS), alerta sobre a necessidade de se manter os cuidados para evitar a disseminação do novo coronavírus, como uso de máscara ao sair de casa, distanciamento de 2 metros entre as pessoas e evitar aglomerações. Essas condutas são recomendadas pelo Ministério da Saúde, considerando que a transmissão da Covid-19 acontece de uma pessoa doente para outra por contato próximo, através de toque ou aperto de mão, gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro ou por meio de objetos ou superfícies contaminadas.

Teresina registra 289 novos casos de Covid-19 e seis óbitos

Teresina registrou 289 novos casos de Covid-19 nesta quinta-feira (13), além de seis mortes. É o que revela o boletim do Painel Epidemiológico elaborado diariamente pela Fundação Municipal de Saúde (FMS). Desde o início da pandemia até agora, a capital registrou um total de 21.218 casos e 817 mortes em decorrência da doença.

Os novos óbitos notificados ocorreram nos dias 11, 12 e 13 de agosto. Foram cinco homens e uma mulher, com idades entre 67 e 84 anos. Apenas uma pessoa não tinha comorbidade. As demais tinham doenças como obesidade, diabetes, neoplasia, doença renal, doença cardíaca e hipertensão arterial.

O distanciamento social é uma das principais formas de prevenção ao novo Coronavírus. Por recomendação do Centro de Operações de Emergência (COE), a Prefeitura de Teresina determinou a continuidade das restrições para o funcionamento das atividades econômicas nos próximos dois finais de semana. Em reunião realizada na manhã desta quinta-feira (13) com o prefeito Firmino Filho, os integrantes do Comitê destacaram que seria mais prudente manter as restrições considerando que foi registrado um crescimento de 11,8% nos atendimentos relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) nas últimas duas semanas.

Após a avaliação dos dados relacionados à pandemia na cidade, o prefeito assinou o decreto nº 19.995 detalhando o que pode funcionar aos sábados e domingos. Com o novo decreto, nos próximos dois finais de semana (15 e 16 de agosto, e 22 e 23 de agosto) estão autorizados a funcionar apenas as seguintes atividades e estabelecimentos: farmácias e drogarias; serviços de saúde; serviços de segurança e vigilância; serviços de delivery exclusivamente para alimentação pronta, água e gás de cozinha; órgãos e profissionais de comunicação; serviços e rituais religiosos; situações comprovadas de urgências e emergências.

Painel da FMS notifica 363 novos casos de Covid-19 nesta sexta-feira (07)

Teresina registrou 363 novos casos de Covid-19 nesta sexta-feira (07), além de sete mortes. É o que revela o boletim do Painel Epidemiológico elaborado diariamente pela Fundação Municipal de Saúde (FMS). Desde o início da pandemia, a capital registrou um total 19.712 casos e 767 mortes decorrentes da doença.

Dos novos óbitos notificados, três ocorrerem ontem (07), três na quinta-feira (06) e um na última terça-feira (04). Foram quatro homens e três mulheres, com idades entre 31 e 92 anos. Seis pacientes tinham comorbidades, como doenças cardiovasculares, diabetes, obesidade e câncer. Um deles era morador do Centro da cidade, dois da zona Norte, dois residiam na zona Leste e dois na zona Sul da cidade.

Os dados de Covid-19 vêm apresentando uma tendência de queda gradual nas últimas semanas, conforme as últimas pesquisas de investigação sorológica realizadas pela Prefeitura de Teresina. A etapa mais recente da investigação, realizada no período de 31 de julho a 02 de agosto, demonstrou que 182.569 pessoas estão com o novo Coronavírus na capital, o que representa uma queda de 8% em relação à semana anterior, quando foram registrados 197.963 casos.

“Observamos que a quantidade de positivados ativos fica cada vez menor que os positivados total, e a capacidade de propagação também tem caído. E mesmo após a abertura das atividades não houve movimento contrário na queda da curva, o que é bastante positivo”, avaliou o prefeito Firmino Filho durante.

Quanto à disseminação do vírus pela cidade, a zona Leste voltou a pontuar na pesquisa e apareceu com 27% dos casos nesta etapa da sondagem, na semana anterior não foi registrado nenhum positivado nesta região. A zona Sudeste apresentou uma queda nos índices, com 9% dos positivados. A zona Sul também deu uma reclinada e registrou 32% de positivados para a Covid-19. Na semana anterior essa região preocupou ao apresentar 62% dos infectados. A zona Norte também apresentou queda nos números de positivados, 27%.

Teresina registra 426 casos confirmados de COVID-19 nesta quinta-feira (06)

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) registrou 426 novos casos confirmados de Covid-19, em Teresina, na última quinta-feira (06). Houve ainda sete mortes causadas pela doença, sendo que uma foi no dia 7 de julho, uma no dia 31 de julho, duas no dia 5 de agosto e três no dia 6 de agosto. Desde o início da pandemia até agora, a capital contabiliza 760 óbitos e 19.349 casos confirmados para o novo Coronavírus.

Os óbitos registrados nesta quinta (06) foram de pessoas entre 51 e 97 anos. Cinco eram do sexo feminino e duas do sexo masculino. Todos os sete pacientes tinham alguma comorbidade como hipertensão, diabetes, neoplasia, doença cardiovascular, hipotiroidismo.

Os dados da FMS registraram também que de abril a julho deste ano houve um aumento em quase 10 vezes do número de atendimentos a pessoas com suspeita de Covid-19 nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Teresina, tendo passado de 10.282 atendimentos no mês de abril para 98.849 em julho. Além disso, desde o início da pandemia do novo Coronavírus até o dia 5 de agosto foram realizados 58.984 testes rápidos nas Unidades Básicas exclusivas para atendimento Covid-19. Deste total, 29% dos resultados foram positivos e 71% negativos para o vírus. As equipes de saúde da Atenção Básica realizaram de março até o momento, 22.828 buscas ativas de pessoas que tem tiveram contato com infectados.

“A cidade está retomando suas atividades econômicas, mas a pandemia ainda existe. As pessoas não podem relaxar nos cuidados de higiene, no distanciamento social. Os números referentes à evolução da doença na capital deram uma estabilizada, mas o vírus continua circulando, pessoas ainda continuam sendo infectadas e todo cuidado é necessário para que não tenhamos um repique da doença na nossa cidade”, alerta Kledson Batista, diretor de Atenção Básica da FMS.

Teresina registra 415 casos confirmados de COVID-19 nesta segunda-feira

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) registrou 415 novos casos confirmados de COVID-19 em Teresina, nesta segunda-feira (03). Houve ainda três mortes causadas pela doença. Desde o início da pandemia, no mês de março, até agora, a capital contabiliza 737 óbitos e 18.045 casos confirmados para o novo coronavírus. O número de pessoas recuperadas da doença também cresceu, chegando a 3.413.

Das três mortes computadas ontem no sistema de notificação, um era homem e duas mulheres. O homem tinha 69 anos, morador do bairro São Sebastião em Teresina. Possuía doença renal crônica e diabetes. Uma das mulheres vítimas da COVID-19 era gestante, tinha 28 anos, moradora do bairro Gurupi. A outra vítima do novo coronavírus era uma mulher de 72 anos, moradora do bairro Saci, tinha doença neurológica e imunossupressão.

O agravamento do quadro de saúde de pessoas internadas devido à COVID-19 exige utilização de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Na capital, existem 352 leitos de UTI exclusivos para atender pessoas com a doença. A taxa de ocupação destas UTI’s está em 69,89%. Até o dia 30 de julho, a rede pública de saúde realizou 111.789 atendimentos a síndromes gripais e a rede particular atendeu 59.483 casos. Ao todo 6.780 pessoas estavam com quadro de síndrome respiratória aguda grave, ou seja, precisando de internação. Destas, 4.461 foram internadas na rede pública de saúde e 2.319 na rede privada.

Painel epidemiológico registra 354 novos casos de Covid-19 em Teresina

Teresina registrou na última sexta-feira (17) 354 novos casos de Covid-19 e 11 óbitos pela doença, dos quais seis ocorreram ontem. Os dados são do Painel Epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS), que contabiliza agora 13.346 casos e 586 mortes desde a chegada da pandemia na cidade.

Dentre os novos óbitos registrados, estavam sete homens e quatro mulheres, com idade entre 46 e 84 anos. Nove deles apresentavam alguma comorbidade, como hipertensão, diabetes, obesidade e doenças pulmonares. Cinco deles eram moradores da zona Sul, quatro residiam na zona Norte, um na zona Leste e um na zona Sudeste.

O painel registrou ainda 2.715 pessoas recuperadas desde o início da pandemia. Integram o grupo dos recuperados aquelas pessoas com Covid-19 que tiveram alta após atendimento na rede hospitalar e também as que estavam com quadro leve da doença e fizeram o tratamento em casa.

A Prefeitura de Teresina tem trabalhado para reduzir os números da Covid-19 no município, e para isso mantém abertos todos os serviços da linha de frente de combate à doença mesmo aos fins de semana.

As 26 Unidades Básicas de Saúde destacadas para o atendimento de síndrome gripal seguem abertas aos sábados e domingos, das 7h às 19h. Nesses locais, o paciente com sintomas gripais recebe todos os atendimentos necessários. A equipe de saúde avalia o caso e toma a conduta adequada, que pode envolver orientação médica, prescrição de medicamentos, indicação de isolamento domiciliar ou mesmo encaminhamento para hospitais ou UPAS, em casos mais graves.

 

Teresina registra 304 novos casos de COVID-19 em 24 horas

Teresina registrou na última segunda-feira (06) 304 novos casos de Covid-19, além de 15 óbitos. Agora, a cidade computa 10.185 casos e 467 mortes desde o início da pandemia, além de 2.010 pessoas recuperadas. Os dados são do boletim de ontem do Painel Epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS), que monitora diariamente os casos de infecção pelo novo coronavírus.

Nove óbitos ocorreram no dia 5 de julho. Além deles, quatro ocorreram no dia 6 de julho, outro no dia 4 de julho e um do dia 24 de junho. Estes registros acontecem porque os números do boletim estão em constante atualização, como explica a coordenadora da Comissão de Operações em Emergências da FMS, Wesllany Santana. “Temos casos de óbitos em investigação, que estão aguardando o resultado do exame laboratorial para serem confirmados e lançados no sistema ou descartados, e continuar a investigação por outras causas”.

Os dados do boletim mostram ainda que, dos 15 pacientes, cinco eram homens e 10 eram mulheres, com idades entre 47 e 96 anos. Dentre as vítimas, todas tinham algum tipo de comorbidade. A Prefeitura de Teresina está trabalhando para conter a disseminação do novo coronavírus e viabilizar o processo de reabertura gradual do comércio em Teresina.

 

Mais de 200 novos casos de COVID-19 são contabilizados em um dia em Teresina

Teresina registrou mais 201 casos e 14 óbitos por Covid-19 neste domingo (28). Os dados são do Painel Epidemiológico de Teresina, atualizados diariamente pelo Comitê de Operações Emergenciais em Saúde Pública (COE) da Fundação Municipal de Saúde (FMS). Atualmente, a cidade contabiliza 7.466 casos e 360 mortes pelo novo coronavírus.

Teresina também registrou ontem (28) 93 atendimentos de síndrome respiratória aguda grave, ou seja, pacientes precisando de internação devido a quadro gripal. Atualmente, a taxa de ocupação de leitos de UTI Covid está em 81,36%. Do total de 338 UTI Covid da cidade, 275 estão ocupadas. De março até agora já foram prestados 90.352 atendimentos a pessoas com sintomas gripais, dos quais 57.615 foram na rede pública de saúde e 32.737 na rede privada.

Para o diretor de Atenção Básica da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Kledson Batista, o aumento dos casos de síndromes gripais é uma evidência de que os casos de Covid-19 também estão crescendo e é um reflexo da diminuição nas taxas de isolamento social na capital.  “No início da pandemia, em meados de março, Teresina ainda estava com um número reduzido de pessoas com síndrome gripal, pois a quarentena estava sendo respeitada mais fortemente. Mas, mesmo com as imposições, decretos e as ações da Prefeitura, é notório que muitas pessoas desrespeitam o isolamento e se aglomeram em filas de banco, em feiras livres, pequenas lojas ou até mesmo em serviços essenciais. Nesse sentido, os casos tendem realmente a aumentar”, comenta.