Lei das Calçadas orienta cidadão sobre plantio de árvores

Contribuir para a preservação do meio ambiente e zelar pela cidade, por meio do plantio de árvores, tem sido um dos incentivos da Prefeitura de Teresina aos moradores, por entender que a presença de árvores no ambiente urbano garante melhoria na qualidade de vida dos habitantes de uma cidade por inúmeros motivos. Mas o plantio de árvores em calçadas requer um cuidado especial e a SDU Leste orienta constantemente a população sobre as regras determinadas pela nova Lei das Calçadas, a de nº 4.522.

O superintendente da SDU Leste, João Pádua, explica sobre os padrões de plantio de árvores nas calçadas. “Com a nova Lei das Calçadas, a comunidade tem informações sobre padrões a serem seguidos e que podem transformar a via em um ambiente mais agradável. Nas calçadas com largura igual ou superior a dois metros será obrigatória a execução de caixa de árvore com área permeável mínima de dois metros quadrados, sendo, pelo menos, um por lote. Também é importante conhecer as espécies de árvores que são permitidas para plantio”, disse.

Já sobre as podas, o atual gerente de Serviços Urbanos da SDU, Trajano Nunes, informa que o cidadão que queira solicitar a poda de uma árvore dentro de terreno privado ou em suas calçadas deverá requerer uma autorização junto à Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMAM) para a realização do serviço. Já para a remoção do material podado, o cidadão deverá solicitar à Superintendência de Desenvolvimento Urbano de sua região e pagar uma taxa, que será equivalente à quantidade do material a ser recolhido. O serviço é feito por um caminhão cadastrado pela Prefeitura de Teresina.

“A SDU Leste possui uma equipe treinada para a realização da poda em canteiros de avenidas centrais, prédios públicos municipais, praças e parques. Formada por quatro pessoas, sendo duas que operam a motosserra e duas auxiliares, a equipe atende as demandas solicitadas na zona Leste da cidade”, explicou Trajano Nunes, que destacou ainda a necessidade do pagamento da taxa no valor de R$ 111,69.

De acordo com a SDU Leste, em média, são realizadas de cinco a dez carradas de podas por dia em períodos mais chuvosos e cerca de três a cinco recolhimentos em dias normais. No entanto, árvores próximas às fiações elétricas são de responsabilidade da Eletrobrás. É importante ficar atento às condições das copas (parte mais alta das árvores) para evitar problemas com as redes de energia.

Por uma cidade mais verde

Os teresinenses podem fazer a solicitação de mudas de árvores nativas e frutíferas nos viveiros de mudas da Prefeitura. São três viveiros espalhados pela cidade, nas zonas Norte, Sul e Leste, onde qualquer pessoa pode solicitar, de forma gratuita, mudas para plantar em suas casas ou sítios.

Os viveiros possuem capacidade de produção anual de 100 mil mudas e estão localizados no Parque Ambiental do Mocambinho, na zona Norte, na Avenida Raul Lopes, próximo à cabeceira da Ponte da Primavera, na zona Leste, e ainda na Gerência de Serviços Urbanos da SDU Sul, localizada no bairro Triunfo.

Para ajudar no trabalho da Superintendência, com solicitações, sugestões e informações, a população pode usar os números (86) 3215-7875 e o 3215-7874. O horário de funcionamento do órgão é das 7h30 às 13h30, de segunda à sexta-feira.

 

Ação ambiental é realizada na Escola Marista Champagnat de Teresina

Ascom/ SEMAM

Dezenas de alunos da Escola Marista Champagnat de Teresina, localizada no Parque Wall Ferraz, zona Norte participaram de uma ação ambiental promovida na unidade de ensino nesta sexta-feira (14). A ação é uma iniciativa de jovens do Centro Social da Juventude Independente da Santa Maria da Codipi (JISMAC) em parceria com a escola, que contou com o apoio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM).

Durante a atividade, os estudantes fizeram o plantio de árvores na área da escola, que já cultiva o respeito e o cuidado com o meio ambiente. Além disso, eles também receberam mudas de plantas para inserção em suas residências, como forma de incentivar ainda mais a preservação ambiental.

Anterior ao plantio, a garotada esteve reunida em um momento de conversa, que contou com falas do secretário da pasta municipal, Olavo Braz, do diretor geral da escola, Alexandre Lucena, do vereador e presidente da Empresa Teresinense de Desenvolvimento Urbano  (ETURB), Caio Bucar, e do presidente do JISMAC, Antônio José.

“O meu propósito é sensibilizá-los, para que se apropriem da questão ambiental e que encarem como profissão mesmo, porque o mundo gira em torno disso, não podemos nos esquivar”, destacou o secretário Olavo Braz.

O diretor geral da unidade de ensino pontuou sobre a responsabilidade de receber essa ação ambiental. “Percebemos que a Prefeitura de Teresina tem se empenhado em tornar nossa cidade mais verde, seja fazendo plantios ou incentivando a população a plantar e cuidar das árvores. Então ficamos felizes em termos sido escolhidos para receber essa ação. É com muita responsabilidade que participamos disso com o JISMAC, que tem um trabalho importante realizado nessa região”, disse Alexandre Lucena.

A Escola Marista Champagnat de Teresina oferece educação em nível médio, atendendo cerca de 700 jovens da comunidade e bairros adjacentes. A unidade é mantida pela União Norte Brasileira de Educação e Cultura – UNBEC.

 

Parque Lagoas do Norte combate lixão com plantio de árvores

Ascom/Lagoas do Norte

Apesar de toda beleza e cuidado com a conservação do Parque Lagoas do Norte por parte das equipes de manutenção, algumas pessoas ainda insistem em depositar lixo de forma irregular em certos locais. Essa reincidência esta sendo combatida o cultivo de mudas. Nesta quarta-feira (12), com a ajuda dos moradores do local, foi realizado o plantio de dez mudas de palmeira.

O Parque Lagoas do Norte conta com equipes de manutenção constante. Entre os serviços realizados estão a poda, capina e coleta do lixo. O diretor Jorgenei Moraes ressalta que a direção do parque já realizou, somente este ano, sete limpezas no local. “Diante de tanta reincidência, a direção resolveu adotar uma medida de preservação”, comenta.

O envolvimento da comunidade também tem como objetivo provocar o sentimento de cuidado com a fauna e a flora próprias do parque.

Segundo Jorgenei, a ideia é que as pessoas passem a cuidar mais do parque não apenas em relação ao lixo, mas também no sentido de se apropriarem do local e terem suas próprias iniciativas de plantio, de aguar essas mudas e, assim, criar um microclima para minimizar a sensação de calor. “Esperamos que esses lixões acabem aqui no entorno do parque. Contamos com a colaboração de toda a comunidade nessa conservação”, finaliza.

Prefeito Firmino e convencionados do Lions Clube plantam ipês no Parque da Cidade

Renato Bezerra

O Parque da Cidade, localizado na zona Norte de Teresina, ficou mais arborizado na tarde desta quinta-feira (23), após receber o plantio de 150 mudas de ipês. A ação ambiental integra a XX Convenção do Distrito Múltiplo LA da Associação Lions Internacional. O prefeito Firmino Filho, vereadores e dezenas de convencionados, pertencentes a todos os estados brasileiros das regiões Norte e Nordeste, estiveram presentes.

Apoiado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM), o momento contou com o descerramento oficial da placa do “Bosque dos Leões”, nome dado à área reflorestada. Os participantes fizeram, também, a soltura de balões contendo sementes de árvores nativas, simbolizando o compromisso com a preservação ambiental.

“É com enorme alegria que participo desse ato, pois se configura como um testemunho concreto do serviço que o Lions Clube tem prestado aqui em Teresina e do mundo inteiro. O Lions tem se consolidado como o maior clube de serviços do mundo, demonstrando sintonia com as agendas e os novos desafios que a humanidade vai enfrentando. E justamente nesse tema tão importante, que é a sustentabilidade, que o Lions funciona de uma maneira bastante concreta, mas faz isso não apenas debatendo as grandes questões, mas com gestos concretos, como plantar árvores”, destacou Firmino Filho, acrescentando que esta data é de grande relevância, já que se tornará um membro honorário do Lions Clubes.

O presidente do Lions Clube de Teresina Centro, José Wilson Odorico, pontuou que o cuidado com o meio ambiente está entre as frentes de trabalho da Associação. “Essa é uma oportunidade de evidenciar que essa é uma das ações que nós cultuamos como uma das mais importantes no mundo todo, que é a preservação do meio ambiente. E como prova de que o Lions do Piauí está trabalhando de acordo com as diretrizes do Lions Internacional, estamos, aqui, reunidos, nesse ato simbólico, plantando essas árvores. Encerro esse momento destacando, ainda, que o apoio da Prefeitura de Teresina tem sido essencial para o nosso trabalho na cidade”, disse.

Além dessa ação ambiental, a XX Convenção do Distrito Múltiplo LA da Associação Lions Internacional, que acontece entre os dias 23 e 25, nas dependências do Gran Hotel Arrey Bristol, contará com palestras e reuniões plenárias para todos os participantes.

Prefeitura e Faculdade de Teresina realizam ações amanhã (13) na Vila da Paz

Amanhã (13) a Prefeitura de Teresina será parceira de alunos e professores da Faculdade Estácio de Teresina, na revitalização de um espaço da Fundação Vila da Paz, além da distribuição de 200 mudas de plantas doadas pelo setor de Arborização da gestão municipal. A ação acontecerá na sede da Fundação Vila da Paz.

De acordo com o coordenador do curso de Arquitetura e Urbanismo da Estácio Teresina, professor Danilo Sérvio, os alunos e professores de Arquitetura farão a revitalização de um espaço da Fundação Vila da Paz, que consequentemente trará benefícios para aqueles que usufruem do local. Ainda de acordo com ele, nesse dia, alunos e professores do curso de Direito continuarão prestando apoio às famílias vítimas da enchente que aconteceu recentemente no Parque Rodoviário, através da separação e distribuição das doações.

A Prefeitura de Teresina, através do Setor de Arborização, fez a doação de 200 mudas de plantas para serem distribuídas durante esse dia. “A parceria entre o setor de Arborização e a Faculdade Estácio Teresina já vem de alguns anos. Desde 2015 que semestralmente realizamos o “Trote do Bem”, tanto fazendo o plantio das mudas em alguma região de Teresina, contribuindo diretamente com a arborização da nossa cidade, como também realizando a distribuição de mudas”, explica o professor Danilo.