Prévia do Cajuína Pop é sucesso e reúne centenas de pessoas na Ponte Estaiada

O sol ainda brilhava forte quando a primeira atração subiu no palco Churu, montado no Complexo Cultural da Ponte Estaiada, que fica no bairro de Fátima, na zona Leste de Teresina. O palco da prévia do Cajuína Pop, prestou uma homenagem a Lourisvaldo Melo do Lago (Churu), que em vida realizou atividades visando a valorização do músico teresinense, em especial aqueles que tinham em seu repertório músicas autorais.

Centenas de pessoas das mais variadas idades participaram da prévia realizada neste sábado (14), muitas delas com saudades dos festivais que, no início dos anos dois mil, movimentaram a capital piauiense. Entre as atrações estiveram Teófilo Lima, Aclive, Acesso, Fullreggae, Gramophone e Roque Moreira, sendo que alguns retomaram suas atividades por conta do evento, isso por entenderem que a música autoral deve sempre ser valorizada.

Complexo Cultural da Ponte Estaiada, zona Leste de Teresina / fotos: Ascom FMC

Ênio Portela, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), conta que ficou surpreso com a aceitação popular. Ele afirma que esperavam um bom público, mas nem de longe imaginava que o espaço ficaria pequeno para tanta gente, para ele, o público foi a prova de que a gestão deve seguir apoiando os artistas locais.

“O prefeito Dr. Pessoa vem desde o início do ano ouvindo os músicos da capital, para ele, é preciso que a classe seja valorizada, principalmente os que resolveram encarar o mercado musical com suas próprias canções. Os músicos de Teresina estão de parabéns, pois com a chegada do Cajuína Pop, iremos incentivar cada vez mais essas atividades”, enfatiza Ênio Portela.

Para o cantor Teófilo Lima, esse incentivo oferecido pela Prefeitura de Teresina é muito importante para os artistas que sonham em fazer sucesso com suas músicas autorais. Teófilo destaca ainda que é preciso uma união dos governantes para que haja um reforço no apoio ao setor artístico.

“Fomos os primeiros a serem atingidos pelos impactos da pandemia, também fomos uma das últimas classes a retomar as atividades. Teresina segue na frente como exemplo de apoio aos músicos, espero que essa iniciativa possa ser copiada por outras cidades, fazendo inclusive o intercâmbio de músicos”, afirmando que o Piauí tem talentos desconhecidos que merecem ser reconhecidos pelo público.

O Cajuína Pop é uma realização da Prefeitura Municipal de Teresina, por meio das ações da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. O evento deverá ser realizado no segundo semestre deste ano, dando total apoio aos artistas que trabalham com músicas autorais.

Para mais informações sobre esses eventos ou demais atividades desenvolvidas pela gestão municipal na área da cultura, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. As informações também estão disponíveis na página @cultura_the no Instagram.

Prévia do Cajuína Pop irá reunir grandes nomes da música piauiense na Ponte Estaiada

Acontece neste sábado, 14 maio, no Complexo Cultural da Ponte Estaiada, na zona Leste de Teresina, a prévia do Cajuína Pop, evento que irá valorizar a produção de músicas autorais, dando mais visibilidade e apoio aos artistas teresinenses. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), por meio das ações da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), que pretende ao longo deste ano, realizar inúmeras atividades culturais por toda a cidade, isso atendendo a uma orientação do prefeito Dr. Pessoa, de reforçar o apoio aqueles que enriquecem a cultura local.

A prévia do Cajuína Pop começa às 17 horas, e irá reunir as bandas Acesso, Aclive, Gramophone, Fullreggae, Roque Moreira e ainda o cantor Teófilo Lima. Além das atrações musicais, o evento contará com uma feira de apoio ao empreendedorismo, praça de alimentação e um posto de arrecadação de alimentos, que serão doados para as famílias carentes da cidade.

Para Ênio Portela, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o evento está sendo realizado a pedido do prefeito Dr. Pessoa, que ao longo da gestão tem ouvido a classe artística, que sempre cobra mais eventos que valorize composições autorais, e principalmente os artistas da terra. Segundo o gestor da FMC, com a diminuição de casos do Coronavírus, a pasta cultural vem ampliando suas atividades, com isso adentrando espaços nunca antes ocupados.

“É preciso ter um olhar mais atento para todos os setores culturais do município, por isso estamos fazendo o Cajuína Pop, que é específico para aqueles que possuem novas canções autorais. Vamos fazer a prévia neste final de semana, porém estamos programando realizar o Cajuína Pop no segundo semestre deste ano”, conta Ênio Portela, afirmando que o evento promete movimentar a cidade.

Para mais informações sobre o Cajuína Pop, bem como as demais atividades realizadas pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. As informações também podem ser acessadas na página @cultura_the no Instagram ou através da hashtag #culturateresina.

Feiras e ações de marketing predominam nos espaços da Ponte Estaiada

Durante os primeiros quatro meses de 2022, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC) autorizou a realização de 30 eventos nos espaços disponíveis na Ponte Estaiada. Desse total, 36,7% foram ações de marketing, 30% feiras e 13,3% eventos voltados para a saúde. A área mais solicitada é a do pátio das calçadas, que consiste em amplo espaço aprazível, de frente à rampa da entrada principal da ponte.

“Com a liberação gradual dos eventos, a sociedade a cada dia está mais confiante em voltar a se reunir para as mais diversas razões”, disse o secretário da SEMDEC, Marcelo Eulálio. “Os espaços da ponte são ideais para diversos tipos de eventos os quais precisam ter autorização da SEMDEC para evitar choque de datas e de horários com outros eventos”, finalizou.

As pessoas, empresas ou instituições interessadas em realizar eventos nos espaços da ponte devem encaminhar ofício à SEMDEC com pelo menos 15 dias de antecedência da data de realização. Isso evita a divulgação precipitada do espaço em que o evento se realizará e permite tempo suficiente para garantir a reserva.

“Um evento que necessita de montagem e desmontagem de estruturas não pode solicitar o bloqueio apenas dos dias de sua realização”, disse o coordenador de Turismo da SEMDEC, Eneas Barros. “Muitas vezes, há choques com outros eventos já agendados, o que pode levar prejuízos aos organizadores”, salientou.

As solicitações podem ser encaminhadas em nome de Marcelo Martins Eulálio, Secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, pelo e-mail gabsemdec@yahoo.com.br ou entregues na sede da SEMDEC, localizada na Rua Manoel Nogueira Lima, 1347, Bairro Jóquei.

Foto: Divulgação (Semdec)

Vem pra Ponthe realiza a última edição do mês de abril neste domingo (10)

Exposição de carros antigos, brinquedos, praça de alimentação, feirinhas e atrações culturais como os DJs Marceleleco, Lupecr e Irlan César vão movimentar a última edição “Vem pra Ponthe” do mês de abril, neste domingo (10).  O evento acontece a partir das 10h, no Complexo Turístico Ponte Estaiada.

Na oportunidade também será realizado o desafio do passinho, com um concurso de dança de época, além de palhaços que irão interagir e realizar brincadeiras com a criançada.

O evento é uma realização do grupo composto por apaixonados por carros antigos, Ferrugem nas Veias, em parceria com a Prefeitura de Teresina, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC).

“O Vem pra Ponthe é um evento para toda família, pois contempla as crianças e também os adultos pela variedade de atividades que o local disponibiliza. Essa é mais uma forma de lazer aos domingos e que já tem se tornado tradição na cidade. Sintam-se todos convidados para o nosso último evento desse mês de abril”, pontua o organizador do evento, Márcio Almeida.

O Complexo Cultural da Ponte Estaiada fica localizado na Avenida Raul Lopes, no Bairro de Fátima, zona Leste de Teresina. O espaço é ao ar-livre e conta com acessibilidade, segurança e um amplo estacionamento. Os interessados em realizar eventos em um dos espaços que compreendem a ponte, devem entrar em contato com a SEMDEC para o agendamento prévio, através do número: (86) 99554-1315.

Em alusão ao Dia de Conscientização do Autismo, CAPSi promove atividade na Ponte Estaiada

“Lugar de autista é em todo lugar”. Com este lema, o Centro de Atenção Psicossocial Infanto-juvenil (CAPSi) promoveu um passeio para crianças com transtorno do espectro autista atendidas no local até o Mirante da Ponte Estaiada. A atividade ocorreu na tarde de ontem (07), em alusão ao Dia Mundial de Conscientização do Autismo, comemorado dia 2 de abril.

A atividade contou com a participação de cinco crianças, acompanhadas de seus familiares e da equipe do CAPSi. “Este tipo de atividade, feita por profissionais qualificados, facilita a interação e o desenvolvimento de novas habilidades para estas crianças. O papel dos pais neste processo, é de suma importância para o trabalho ser concluído com êxito”, comenta Sales Neto, coordenador do CAPSi.

Ele conta que nos próximos meses, com a flexibilização dos decretos e o avanço na vacinação, o centro fará uma retomada gradativa de suas atividades externas e coletivas, uma vez que elas são de suma importância para o desenvolvimento e sociabilização das crianças e adolescentes atendidas pelo local.

O CAPSi atende crianças e adolescentes com transtornos mentais graves e persistentes e suas famílias de referência dentro da abrangência do território, possibilitando a reorganização social, emocional, educacional, laborativa para a vivência plena da cidadania.

O acesso aos serviços do CAPSi se dá mediante demanda espontânea, busca ativa ou encaminhada, sendo que o processo de acolhimento será efetivado mediante triagem realizada por um profissional da equipe multiprofissional, formada por psiquiatra, clínico geral, psicólogo, assistente social, nutricionista, fonoaudiólogo, terapeuta ocupacional, enfermeiro, artesão, redutor de danos e técnico de enfermagem.

Feira de flores e artesanato inicia nesta sexta-feira (25), no estacionamento da Ponte Estaiada

Inicia nesta sexta-feira (25), a partir das 9h, a 1ª edição da feira de flores e artesanato “Florart”.  O evento que segue até o domingo (27), será realizado sempre no horário de 9h às 17h no estacionamento maior do Complexo Turístico da Ponte Estaiada. A entrada é gratuita.

1º Fest Piauí Florart 2022homenageará o maior artesão da história, José Alves de Oliveira, o “Mestre Dezinho”. A feira contará com um espaço com o nome “Arte Popular”, onde será realizada uma exposição de artes santeiras confeccionadas pelo artesão.

Mais de 20 expositores participarão da atividade, com a comercialização de plantas ornamentais e orgânicas, além da venda de peças do artesanato piauiense e também biojóias, crochê, tecelagem, bordado, cestaria, dentre outros produtos.

 “Esse é um evento importante para a cadeia produtiva dos floricultores e dos artesãos do nosso estado. É também mais uma forma de valorizarmos esses dois setores que geram emprego e sustentabilidade, que é o dos pequenos empreendedores”, pontua o diretor geral do evento, James Claro.

Na oportunidade, também serão realizadas várias atividades como: apresentação de dança, teatro, música e como forma de ajudar no reflorestamento da capital, serão entregues a todos os participantes na saída do evento uma muda de planta.

 O evento é uma realização do Instituto Social e Cultural Mandu Ladino e conta com o apoio da Prefeitura de Teresina, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC), dentre muitos outros parceiros.

“O Complexo Turístico da Ponte Estaiada dispõe de vários espaços abertos, ideais para a realização de eventos. Por isso, tem se transformado em ponto de encontro da sociedade de Teresina, que com o avanço da vacinação tem se sentido mais segura para sair de casa e participar da agenda cultural da cidade”, finaliza o coordenador de Turismo da SEMDEC, Eneas Barros.

25/03/22 (Sexta – Feira)

09h:00 – Abertura Oficial
09h:30 – Apresentação do corpo de dança dos alunos da APAES – (FEAPAES)

15h:00 – Apresentação Cultural – Coordenação da Juventude do Estado do Piauí – (COJUV)
17h:00 – Encerramento

26/03/22 (Sábado)

09h:00 – Abertura Oficial
09h:10 – Apresentação do corpo Musical dos alunos da APAES – (FEAPAES)

15h:00 – Apresentação Cultural – Coordenação da Juventude do Estado do Piauí – (COJUV)
17h:00 – Encerramento

27/02/22 (Domingo)

09h:00 – Abertura Oficial
09h:30 – Apresentação do corpo Teatral dos alunos da APAES – (FEAPAES)

15h:00 – Apresentação Cultural – Coordenação da Juventude do Estado do Piauí – (COJUV)
17h:00 – Encerramento do evento

Mirante da Ponte Estaiada reabre para visitação

O Mirante da Ponte Estaiada voltou a funcionar ainda na tarde de quarta-feira (16).  O atrativo turístico teve que ser fechado após apresentar problemas técnicos no gerador.

“O gerador que funcionava como suporte para o elevador do mirante apresentou problemas técnicos, e por questões de segurança dos visitantes e também dos funcionários tivemos que fechar o local temporariamente para visitação, mas ontem, ainda no período da tarde a visitação voltou a ser realizada normalmente”, esclarece Eneas Barros, coordenador de turismo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC), órgão responsável pelo Mirante da Ponte Estaiada.

Para ter acesso ao mirante e ter uma visão privilegiada de Teresina, os visitantes deverão pagar o valor de R$ 4,00 (inteira). Os idosos, crianças até 10 anos, pessoas com deficiências, estudantes e professores que apresentarem identificação da função, pagam apenas R$ 2,00 (meia).

O Mirante da Ponte Estaiada funciona de terça a sexta-feira, das 9:00 às 18h, aos sábados, domingos e feriados das 9:00h às 19:00h. Às segundas-feiras o local ficará fechado para manutenção.

Vem pra Ponthe: doações recebidas serão destinadas para famílias atingidas pelas enchentes

Aconteceu neste domingo (30), no Complexo Cultural da Ponte Estaiada, João Isidoro França, no bairro de Fátima, zona Leste de Teresina, mais uma edição do Vem pra Ponthe, evento que une exposições de carros antigos, atrações culturais e empreendedorismo. Nesta edição, o evento teve um caráter solidário, pois serviu como posto de arrecadação de alimentos, roupas, brinquedos e material de limpeza, que serão doados para as famílias atingidas pelas enchentes na capital.

Para Ênio Portela, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), Teresina é carente de opções culturais que agreguem famílias, por isso a gestão municipal resolveu apoiar o Vem pra Ponthe, que agora, segundo o gestor, fará parte do calendário cultural da cidade. Ênio Portela fala ainda que esta edição teve um espaço solidário, dando aos visitantes a oportunidade de ajudar as famílias que foram atingidas pelas cheias.

“Ficamos muito felizes com a resposta do público, pois recebemos muitas doações ao longo do evento. A cultura vem fazendo sua parte, ajudando neste momento aqueles que passam por dificuldades por terem que sair de seus imóveis por conta das cheias dos rios e lagos”, conta Ênio Portela.

Segundo Márcio Almeida, que atua na organização do Vem pra Ponthe, o evento nasceu através de uma iniciativa de amantes de carros antigos, que resolveram se encontrar em um ponto turístico de Teresina. Para Márcio, o apoio da Prefeitura de Teresina tem sido fundamental para manter viva essa iniciativa, pois garante aos organizadores o apoio necessário para garantir a estrutura física e cultural no local do evento.

“Com esse apoio, o Vem pra Ponthe passará a ocorrer mensalmente aqui na ponte Estaiada, dando mais visibilidades a cultura de se preservar veículos antigos, como também aos empreendedores locais que aproveitam o evento para divulgarem seus trabalhos”, conta Márcio Almeida.

A empreendedora Luana Nogueira, trabalha com personalização de materiais escolares, ela participou do evento como expositora e aproveitou a oportunidade para gerar renda para sua família. Ela conta que os empreendedores ficam felizes quando o município apoia iniciativas que gerem oportunidades que garantam espaço para quem empreende.

“Aqui consegui fechar alguns negócios, além de garantir contratos para vendas dos meus produtos. Agradeço aos organizadores pela oportunidade, pois me senti bem representada”, diz Luana Nogueira.

O Vem pra Ponthe é idealizado pelo Grupo Ferrugem e tem apoio da Prefeitura de Teresina, por meio de ações integradas entre a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC) e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semdec).

Foto: Divulgação (FMC)

Ponte Estaiada: evento terá exposição de carros antigos, música e arrecadação de alimentos

Acontece neste domingo (30/01), no Complexo Cultural da Ponte Estaiada, na zona Leste de Teresina, mais uma edição do Projeto Vem pra Ponthe, evento que conta com exposição de carros antigos, apresentações culturais, feira de artesanato, espaço infantil e ainda food trucks e bebidas artesanais. Esta edição acontecerá em caráter especial, pois além dos atrativos que já são características do evento, o local terá um posto de arrecadação de alimentos, brinquedos, roupas e material de higiene, que deverão ser destinados para famílias que foram atingidas pelas enchentes.

De acordo com Márcio Almeida, do Grupo Ferrugem nas Veias e organizador do Vem pra Ponthe, o evento surgiu para suprir uma necessidade de colecionadores e amantes de carros antigos que sentiam falta de um espaço onde eles e seus familiares pudessem se reunir de maneira saudável, trocando experiências sobre os veículos. Para o organizador, o evento tem conseguido se manter no calendário cultural da cidade, por isso a organização resolveu dar esse tom solidário para essa próxima edição.

“Entendemos que também é nossa obrigação ajudar aqueles que precisam de ajuda neste momento delicado onde muitos estão tendo que deixar suas residências por conta das cheias de rios e lagos. Se você vem para o evento, não esqueça de trazer sua doação, com o pouco de cada um, vamos ajudar muita gente”, conta Márcio Almeida.

Atrações

A animação na Ponte Estaiada começa às 09h e segue até às 14h, e terá animação do DJ Marceleleco, Giu Dias Band, Danilo Rudah e Dublin( cover do U2). O evento é gratuito, devendo o participante fazer o uso de máscaras durante toda a sua permanência no local, sendo ainda recomendado a constante higienização das mãos.

Apoio

Esta edição conta mais uma vez com o apoio da gestão municipal, através de uma parceria entre a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC) e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semdec). Para Ênio Portela, presidente da FMC, esse apoio dos órgãos ligados à Prefeitura de Teresina é muito importante para o setor cultural e para a economia, pois neste caso, se trata de um evento que mistura a cultura com oportunidades para os pequenos empreendedores.

“Onde tem iniciativas populares, a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves também estará presente. Também aproveito a oportunidade para pedir o apoio das pessoas que forem ao evento, para que elas levem doações”, conta Ênio Portela.

O Complexo Cultural da Ponte Estaiada fica localizado na Avenida Raul Lopes, no Bairro de Fátima, zona Leste de Teresina. O espaço é ao ar-livre e conta com acessibilidade, segurança e um amplo estacionamento.

Foto: Ênio Portela, presidente da FMC ao lado de Márcio Almeida, organizador do evento (FMC)

“Vem Pra Ponthe” solidário será realizado neste domingo (30) na Ponte Estaiada

O Complexo Cultural da Ponte Estaiada, volta a receber neste domingo (30), das 8h às 14h, a 1ª edição do ano de 2022 do evento “Vem Pra Ponthe”. O tradicional evento de exposição de carros antigos, idealizado pelo grupo Ferrugem nas Veias, dessa vez, tem caráter solidário e contará com um ponto de coleta de alimentos não perecíveis e materiais de higiene pessoal que será destinado as vítimas das chuvas e pessoas em situação de vulnerabilidade de nossa cidade.

“Essa é uma edição especial, solidária, e que será realizada exclusivamente com o objetivo de ajudar as vítimas de alagamentos e em situação de vulnerabilidade de nossa capital. No local teremos um ponto de recolhimento de alimentos não perecíveis e materiais de higiene pessoal. Conto com a ajuda e apoio de todos nessa nossa corrente do bem”, pontua o presidente do grupo Ferrugem nas Veias, Márcio Almeida.

Além da exposição de carros antigos, o evento que é  totalmente gratuito também contará com espaços para as crianças, alimentação, esportivo e um palco cultural para a apresentação das bandas: Dublin, Giu Dias Band, Danilo Rudah e Dj Marceleleco.

Segundo a gerente de Turismo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC), Mércia Brito, somente no ano de 2021 os espaços da Ponte foram cedidos para a realização de mais de 60 eventos, entre eles, esportivos, culturais, alimentícios, dentre outros.

“Por ser um local com uma beleza ímpar, arejado e arborizado, os espaços do Complexo Turístico Mirante da Ponte Estaiada estão sendo bastante requisitados para a realização dos mais variados eventos. Ficamos felizes que o local seja utilizado também para ações solidárias como a deste domingo”. A gerente esclarece ainda, que os interessados em realizar eventos em um dos espaços que compreendem a ponte, devem entrar em contato com a SEMDEC para o agendamento.