Dia contra a Homofobia é celebrado com música na Ponte Estaiada

Ontem (17), foi comemorado em todo o mundo o Dia Internacional contra a Homofobia, data foi comemorada em Teresina com diversas atividades, entre elas a apresentação da Banda 16 de Agosto, projeto que é mantido pela Prefeitura de Teresina (PMT) por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC). Além da apresentação musical, os teresinenses foram agraciados com um show de luzes que iluminou a Ponte Estaiada com as cores que representam o movimento LGBTQIA+.

O jovem Ezequias Nascimento, de 18 anos, conta que ficou muito feliz com a comemoração da data, segundo ele, o preconceito de gênero ainda é muito forte na capital piauiense e atividades como a realizada na Ponte Estaiada, serve para alertar a comunidade em geral que precisamos barrar de vez com o preconceito. “Apesar de entender que o preconceito é algo cultural, entendemos que é sempre preciso ter canais de diálogo e orientação para que a juventude possa nos dar no futuro um mundo onde as pessoas não tenham medo de serem agredidas ou assassinadas por conta da orientação sexual”, pontua Ezequias Nascimento.

O presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, Scheyvan Lima, falou que apesar dos avanços no combate a homofobia, o assunto precisa ser debatido todos os dias, em todos os lugares independente da classe social, pois é preciso que todos sejam tratados de iguais para iguais. “Essa é uma pauta que mexe com todos, porém não basta dizer que não é preconceituoso, temos que ter a obrigação de quebrar as barreiras e debater sem vergonha a homofobia”, conta Scheyvan Lima, reafirmando o apoio da FMC ao movimento LGBTQIA+.

As atividades que marcaram o Dia Internacional contra a Homofobia em Teresina foram realizadas pela Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (SEMCASPI).

As atividades que marcaram o Dia Internacional contra a Homofobia em Teresina foram realizadas pela Prefeitura Municipal de Teresina. Foto: Ascom (FMC)

SAAD Norte usa espaço da ponte Estaiada para arte em grafite com profissionais da região

Um grupo formado por cinco grafiteiros da zona Norte de Teresina está executando o trabalho de grafitagem das paredes em concreto da ponte Estaiada, do lado da avenida Marechal Castelo Branco. A temática das pinturas é relacionada ao início do bairro Morro da Esperança, zona Norte da cidade, onde faz alusão aos pescadores, lavadeiras de roupas e ao uso de máscaras na pandemia. O painel principal tem cerca de 500 metros quadrados e tem chamado a atenção de quem passa pelo local.

A ideia de usar o espaço para a grafitagem foi da superintendente da SAAD Norte Ana Paula Santana, que conheceu a arte dos grafiteiros e solicitou a Laercio Sinza, líder do grupo, que aplicassem a arte no espaço.

“Começamos os desenhos na segunda-feira passada e estamos pretendendo finalizar ainda essa semana, vai depender da montagem dos andaimes que as vezes atrasa, mas seguimos com o trabalho. A ideia da superintendente foi bem legal e além de valorizar o local das pinturas, também valorizou a arte de nós, grafiteiros”, relatou Laercio.

Já a superintendente Ana Paula disse que aguarda ansiosa pela entrega do trabalho de grafitagem. “A arte em grafite encanta e chama a atenção de todos. O local estava ocioso e tivemos essa ideia de usar o espaço para uma pintura, foi quando pensei em usar a grafitagem e agora o resultado começa a surgir, beleza e cultura ao mesmo tempo, sem falar que valoriza a história dos moradores da região da zona Norte de Teresina”, pontificou Ana Paula.

A ideia de usar o espaço das paredes de concreto da ponte Estaiada para a grafitagem Foto(Ascom/SAAD Norte)

Prefeitura e União assinam termo para construção de Píer na Ponte Estaiada

Renato Bezerra

A Prefeitura de Teresina e a Superintendência de Patrimônio da União (SPU) assinaram na tarde desta quarta-feira (09), o termo de cessão de uso para a construção do Píer da Ponte Estaiada. A obra, estimada em R$ 400 mil reais, conta com investimentos próprios do município e de emenda do senador Elmano Férrer.

“A assinatura desse termo de cessão é um passo jurídico importante para que a obra do Píer seja realizada e para que tenhamos um novo ponto de atração turística da cidade. Para que nós pudéssemos usar o espaço, nós precisávamos da concessão do Governo Federal e conseguimos agora pelo Patrimônio da União”, informou o prefeito Firmino Filho.

O termo de cessão recebeu a assinatura do superintendente de Patrimônio da União no Estado do Piauí, Marcelo Barbosa de Morais, que destacou a importância da doação do terreno para a execução da obra do Píer. “Esse ato demonstra a nossa capacidade de fazer a coisa acontecer. O Governo Federal sempre à disposição da Prefeitura e ficamos satisfeitos com esse andamento que vai alavancar o turismo na capital e com certeza vai trazer grandes melhorias em prol do município”, disse.

O Píer Flutuante tem como objetivo integrar o complexo turístico da Ponte Estaiada e terá uma localização que dará acesso a uma visão privilegiada da ponte. Além de oferecer a oportunidade de contemplar o rio, também vai estimular a prática de atividades náuticas, como passeios de lanchas e jetskis. A construção do Píer amplia as possibilidades de lazer dentro do complexo e fomenta também o turismo sustentável.

Localizado a poucos metros da lateral da ponte, o píer terá acesso fácil e visível, a composição da sua estrutura garantirá também a acessibilidade com a presença de rampas articuladas. Outra característica importante na sua composição é a presença de um sistema de iluminação, que além de proporcionar o turismo noturno, tem a finalidade de ser um ponto de referência visível para embarcações que transitam pelo rio.

O termo assinado hoje pela Prefeitura tem como objetivo conseguir a cessão das águas pluviais de domínio da União em uma área correspondente a 189,27 m2. A realização da obra para construção do píer se encontra em processo licitatório. A abertura dos envelopes com propostas de licitação estão previstas para o dia 13 de Janeiro de 2021.

Ponte Estaiada recebe iluminação vermelha pelo mês do Doador Voluntário de Sangue

No mês do Doador Voluntário de Sangue, a Ponte Estaiada João Isidoro França ganhará iluminação especial desta terça-feira (24) até quinta-feira (26). A ponte será iluminada com a cor vermelha para lembrar a sociedade sobre a importância da doação de sangue.

“O pedido para a iluminação especial foi feito pelo Hemopi e durante três dias dessa semana a ponte ficará vermelha. É uma forma simbólica de agradecer aos doadores de sangue pela ação de doar e buscar sensibilizar a população para a importância da doação. A Prefeitura sempre apoia campanhas como estas”, comenta o coordenador de Iluminação Pública, Augusto César Monte.

O mês de novembro foi escolhido por preceder um período de estoques baixos nos bancos de sangue. A proximidade das férias, de datas comemorativas de fim de ano, carnaval e outros períodos de feriados prolongados torna esse dia especialmente importante para promover o ato solidário e regular da doação de sangue. Para saber como doar, as pessoas podem entrar em contato com o Hemopi pelo 3221-8320.

Ponte Estaiada terá iluminação roxa a partir desta segunda-feira (16)

A Ponte Estaiada João Isidoro França ganhará iluminação especial a partir desta segunda-feira (16) em alusão ao Novembro Roxo, mês dedicado à prevenção e reflexão de temas importantes sobre a prematuridade. O ponto turístico da capital ficará roxo até a quarta-feira (18).

“Mesmo sendo um ato simbólico, a Prefeitura de Teresina entende a importância de incentivar uma campanha como essa. A ponte ficará com a iluminação roxa durante três dias e, em seguida, volta a ficar azul, em alusão ao novembro azul”, comenta o coordenador de iluminação pública, Augusto César.

Novembro Roxo

O Novembro Roxo promove um mês inteiro de ações e eventos ligados à prematuridade, trazendo informações importantes sobre prevenção e reflexões bastante pertinentes sobre a humanização demandada para esse tipo de atendimento médico. Também é um período em que se estimula a doação de leite materno.

As maternidades municipais orientam as mães a estarem bem de saúde, amamentando o seu filho e ter boa produção de leite. Para obter mais informações, basta ligar para o Posto de Coleta pelo 3236-1968.

Hemopi volta à Ponte Estaiada em nova campanha de doação de sangue nesta quarta (29)

O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Piauí (Hemopi) voltará para a Ponte Estaiada a partir desta quarta-feira (29). Pela terceira vez a Unidade Móvel ficará instalada no local por dois dias com o objetivo de reabastecer o estoque de sangue em Teresina. A ação que acontece nos dias 29 e 30, de 8h às 16h30, tem apoio da Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec).

De acordo com o Hemopi nas duas primeiras ações foram coletadas mais de 300 bolsas de sangue. Eles avaliam que a iniciativa teve uma boa receptividade por parte dos doadores, e o órgão estuda a possibilidade de expandir esse modelo de coleta para outras regiões de Teresina.

“Tivemos uma boa resposta do público que atendeu ao nosso chamado nas ações realizadas na Estaiada. Estamos agora analisando outros locais que tem condições parecidas com as da ponte e atendem as normas de segurança exigidas para poder levar a Unidade Móvel a outras regiões de Teresina”, explica do diretor do Hemopi Jurandir Martins Filho.

O secretário da Semdec, Raul Ferraz, destaca a visibilidade da Ponte Estaiada em ações como esta. “A nossa ponte é um importante símbolo para a cidade, talvez por isso seja tão positivo para campanhas como esta. A gente vê que as pessoas realmente estão indo ao local doar, isso é muito importante, já que até semanas atrás nossa cidade estava quase sem estoque”, disse.

Doações agendadas
O Hemopi disponibiliza ao doador, a possibilidade de agendar sua doação. Basta o interessado entrar em contato pelos telefones: Teresina (86) 9 88946614, Parnaíba (86) 9 8894 7159, Picos (89) 9 8801 1717 e Floriano (89) 9 8801 1984.

Campanha pela doação de sangue na Ponte Estaiada termina nesta sexta (26)

A ação no Complexo Turístico Ponte Estaiada da Campanha Junho Vermelho, organizada pelo Centro de Hematologia e Hemoterapia do Piauí (Hemopi), terminará nesta sexta-feira (26). O local está recebendo uma unidade móvel de coleta de sangue desde a manhã de ontem e tem registrado boa procura por parte dos doadores.

Com apoio da Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), a campanha chegou a um dos principais pontos turísticos da capital com o objetivo de se aproximar de potenciais doadores. De acordo com a direção do Hemopi, a ação com a unidade móvel na Ponte Estaiada registrou números maiores do que em campanhas anteriores. Só na quarta-feira houve 71 cadastros e 56 doações. A coleta de sangue também continua normalmente na sede do hemocentro, localizada no Centro.

O secretário da Semdec, Raul Ferraz, esteve mais cedo no local, onde doou sangue pela primeira vez em apoio à campanha. “É muito simples e rápido. A Prefeitura de Teresina, por meio da Semdec, claramente apoia a Campanha Junho Vermelho. A Ponte Estaiada foi escolhida como palco para esta ação pela importância também como ponto de encontro na nossa capital”, disse.

De acordo com o diretor-geral do Hemopi, Jurandir Filho, a procura tem sido boa e as ações de descentralização ajudam a melhorar ainda mais o número de doações. “Graças ao espírito hospitaleiro do Piauí, sobretudo de Teresina, nós estamos tendo uma surpresa agradável em termos de procura. Estamos satisfeitos com essa ação solidária e agradecemos mais uma vez a população de Teresina que se fez presente”, afirmou.

O diretor acrescentou que ara o Hemopi é muito importante fazer essas ações de descentralização, no sentido de melhorar o acesso da população para a doação de sangue. “Por causa da pandemia, nós tivemos uma redução significativa no número de doações de sangue, mas estamos tomando todas as medidas de segurança sanitária para continuar nossa atividade”, explicou.

Ponte Estaiada receberá campanha do Hemopi pela doação de sangue

Ascom/Semdec

O estacionamento do Complexo Turístico Ponte Estaiada será palco de uma campanha pela doação de sangue, organizada pelo Centro de Hematologia e Hemoterapia do Piauí (Hemopi). O local receberá uma unidade móvel de coleta de sangue para facilitar o acesso de doadores. A ação terá início nesta quarta-feira (24) e terminará na sexta-feira (26), com atendimento de 8h às 16h30.

Com a pandemia do novo coronavírus, houve uma diminuição drástica no número de doações registrada em todo o país. No Piauí, de acordo com o Hemopi, a queda foi de cerca de 50% nas doações, em especial no mês de maio. A campanha que já fazia parte do calendário de ações do mês de junho, por ser o mês do doador, também chega como apelo por mais doações.

Para Raul Ferraz, gestor da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), órgão responsável pelo Complexo Turístico Ponte Estaiada, a campanha chega em um momento delicado, por isso é tão especial. “A Semdec claramente iria apoiar essa iniciativa que também salva vidas. Convido a população de Teresina que compareça ao estacionamento da Ponte Estaiada, com documento com foto, para doar sangue. Qualquer tipo de sangue é importante”, comenta.

De acordo com o diretor-geral do Hemopi, Jurandir Filho, a campanha faz parte das ações do Junho Vermelho, iniciativa com o intuito de sensibilizar ainda mais os brasileiros para a doação de sangue. “Aqui no Piauí, estamos inseridos nesse movimento realizando uma série de ações para trazer a população para doar. Por isso, de quarta a sexta-feira, dias 24, 25 e 26 estaremos com nosso ônibus de coleta na Ponte Estaiada, na Avenida Raul Lopes, buscando mais um reforço no nosso estoque. Temos enfrentando uma série de dificuldades desde o mês de março por causa da pandemia no novo coronavírus em termos de doadores de sangue. Como tivemos essa redução significativa nas doações durante esse mês de junho, nós estamos ainda mais sensibilizados no intuito de promover mais ações como esta”, explicou.

Decisão do STF sobre homossexuais

O Supremo Tribunal Federal (STF) extinguiu as restrições à doação de sangue por homens homossexuais no último dia 8 de maio. Por maioria dos votos, os ministros decidiram que as normas do Ministério da Saúde (MS) e da Anvisa que impediam o recebimento de doações eram inconstitucionais. Por causa disso, no dia 12 de Junho, o Hemopi atualizou os critérios para a triagem de doadores de sangue, possibilitando assim que homossexuais que desejam fazer uma doação possam ser submetidos à triagem clínica habitual. Os critérios habituais são: ter entre 16 e 69 anos, pesar acima de 50kg, estar saudável, bem alimentado e apresentar um documento oficial com foto.

Drive Thru de produtos agroecológicos acontece nesta terça (07) na Ponte Estaiada

 

As Feiras Agroecológicas que aconteciam quinzenalmente na Praça Rio Branco, no Centro de Teresina, e na UFPI, no espaço Rosa dos Ventos, foram suspensas em decorrência da crise causada pelo novo coronavírus. Mas, para que a população que consome esses produtos não seja prejudicada, os agricultores de dois assentamentos de Teresina que fazem parte da Feira farão a entrega dos produtos em um drive thru na Ponte Estaiada, amanhã, de 9h às 11h.

Os alimentos agroecológicos estão sendo vendidos pelo WhatsApp e, amanhã, será realizada a entrega dos produtos. “Nestes dias de desafios para todos nós, temos que procurar alternativas para que a nossa vida possa continuar acontecendo dentro da normalidade, mas de forma segura. Portanto, a entrega destes produtos será feira dentro de uma logística que garantirá segurança tanto para os agricultores, como para as pessoas que irão receber as cestas. A encomenda dos produtos é feita por telefone, o pagamento é feito por transferência bancária e a entrega será feita amanhã na Ponte Estaiada”, explica Maria Vilani da Silva, superintendente de Desenvolvimento Rural de Teresina.

No drive thru de amanhã serão entregues os alimentos que foram encomendados nas comunidades Ave Verde e assentamento Vale da Esperança. “A ideia é que o projeto continue e contemple as cinco comunidades que fazem parte das Feiras Agroecológicas”, destaca a superintendente.

Os produtos da Feira Agroecológica são cultivados em hortas e campos agrícolas das comunidades da Serra do Gavião, Ave Verde, Vale da Esperança, Alegria, Soinho, Assentamento 17 de Abril, Camboa I e Camboa II. Todos são mantidos pela Prefeitura de Teresina, através da SDR, e recebem todo o apoio nas áreas de técnicas agrícolas e agronomia, e assistência social e comunitária.

A feira de base agroecológica é uma das ações desenvolvidas pela Superintendência de Desenvolvimento Rural, através da Comissão Municipal de Agroecologia e Produção Orgânica (CMAPO), que conta com participação e apoio de diversos parceiros, dentre eles: UFPI, Ministério da Agricultura, Governo do Estado, Semcaspi, Incra, e entidades e organizações comunitárias.

As feiras quinzenais acontecem em dois locais alternados: na Praça Rio Branco, no centro de Teresina, e na UFPI, no espaço Rosa dos Ventos, próximo à Biblioteca Central, sempre às sextas-feiras, das 8h às 14h. Além de oportunizar a comercialização dos produtos orgânicos das hortas e campos agrícolas de Teresina, que se encontram em processo de transição para agroecologia, também compreende atividades informativas, como rodas de conversas, e atividades culturais, como apresentações musicais.