Prefeitura retoma atividades da Escola de Gestão de Teresina para servidores

A Prefeitura de Teresina, através da Secretaria Municipal de Administração (SEMA), retomou as atividades da Escola de Gestão de Teresina (EGT), após o período crítico da pandemia da Covid-19. A Escola tem como objetivo a oferta de cursos gratuitos para capacitar servidores e funcionários em suas áreas de atuação.

As aulas desta primeira turma acontecem no auditório da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), respeitando as medidas protetivas de combate à Covid-19, além de turmas reduzidas. O curso ofertado ‘Noções de Orçamento Público’ ocorre nos dias 06 e 08 de Outubro.

“Estamos muito felizes de retomar as atividades da Escola, de voltar com a oferta de cursos aos servidores para melhorarmos ainda mais o desempenho das atividades e trabalhar com assertividade, sempre pensando no melhor resultado que será oferecido à população. Agradeço a todos que se dispuseram a contribuir para esse novo período de cursos e, com certeza, sairão com muito conhecimento”, explicou Leonardo Silva.

(Foto: Ascom/Semplan)

Nesta aula inaugural, a SEMA contou com o apoio da equipe técnica da Secretaria de Planejamento e Coordenação (SEMPLAN), especificamente da Secretaria Executiva de Planejamento Estratégico e Gestão (Seplag). O curso foi ministrado pelo servidor da Prefeitura e professor Éder Fabeni. “Essa é uma oportunidade de trocarmos experiências, trazer casos práticos e analisar essas questões orçamentárias desde os conceitos mais básicos até seus desdobramentos mais complexos. Nosso objetivo é ter planejamento e execução de projetos o mais alinhado possível para que possamos avançar com as ações do município”, disse o professor.

“É uma satisfação contribuir com a Escola de Gestão. Esse trabalho em conjunto é muito importante para o aperfeiçoamento do nosso trabalho, pois temos muitos profissionais capacitados para ministrar cursos e oficinas aos servidores da Prefeitura e a Semplan está sempre disponível para contribuir com o corpo técnico nessa missão”, conclui Kárita Allen, Secretária Executiva de Planejamento Estratégico e Gestão.

(Foto: Ascom/Semplan)

Escola de Gestão

A Escola de Gestão de Teresina (EGT) tem como fim a profissionalização dos servidores e gestores da Administração Pública, sendo um importante instrumento na busca da excelência na prestação de serviço público. A Escola foi criada em 2019, e está vinculada à Secretaria Municipal de Administração (SEMA).

(Foto: Ascom/Semplan)

(Foto: Ascom/Semplan)

Prodater completa 29 anos com solenidade de comemoração

Em comemoração aos 29 anos da Empresa de Processamento de Dados (Prodater) foi realizada nesta sexta-feira (2) uma solenidade para homenagear a empresa, participaram da comemoração o prefeito, Dr. Pessoa, o vice-prefeito, Robert Rios, além do presidente da Prodater, Jobson Filho, e os colaboradores.

O prefeito, Dr. Pessoa, falou sobre a Prodater: “Parabenizo a Prodater pelos seus 29 anos. Acredito bastante na sua atual gestão, um órgão indispensável para a administração pública. Tenho muito respeito por todos os colaboradores da empresa, são um orgulho para a gestão municipal”, declarou o prefeito Dr. Pessoa.

A Prodater completa 29 anos prestando serviço com a finalidade de atender as demandas na área da tecnologia da informação e comunicação da Administração Direta do Município de Teresina bem como para terceiros.
Nesses seis meses de gestão do presidente, Jobson Filho, junto com o Dr. Pessoa a Prodater se orgulha de estar à frente de alguns projetos que ajudam no desenvolvimento da nossa cidade e entre eles podemos destacar:
Abrace Nós, Teresinense Participativo, Vacine Já e Internet nas escolas Municipais.

O presidente da Prodater, Jobson Filho, destacou: “São seis meses de gestão e o início encontramos bastante dificuldades e desafios porque a pandemia acabou nos trazendo muitas limitações. A Prodater tem executado vários projetos junto à prefeitura, como por exemplo o Vacine Já que foi desenvolvido por nós e é gerido pela Fundação Municipal de Saúde. Então, são ferramentas que ajudam no dia a dia do munícipe, na comunicação com a Prefeitura e na administração municipal como um todo”, pontuou Jobson Filho.

Continuamos praticando ações contínuas que contemplam os princípios básicos de respeitar as pessoas, visualizar o sucesso, planejar bem e implementar o plano, referendado pelos pilares de orgulho dos colaboradores, da equipe, da marca, do atendimento à legislação, da segurança e da visão de gerenciamento.

IPMT fecha primeiro quadrimestre com economia de 6,5 milhões

O Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Teresina – IPMT fechou o primeiro quadrimestre com uma economia estimada em mais de R$ 6,5 milhões em comparação ao mesmo período de 2020, de acordo com o relatório de acompanhamento da execução orçamentária. A redução de gastos foi possível graças a uma série de ações que buscam melhorar e modernizar a gestão do IPMT. Dentre as medidas adotadas está a gestão própria do recurso previdenciário, além de auditorias internas.

Com a gestão própria do Recurso Previdenciário, as análises financeiras e sugestões de aplicações passam a ser realizadas diretamente pelo órgão gestor do Regime Próprio de Previdência Social, ou seja, pelo próprio IPMT. Economistas da prefeitura – servidores efetivos, certificados e reconhecidos pelo Ministério da Previdência Social – estão trabalhando em conjunto com o Comitê de Investimentos, realizando o acompanhamento de todos os valores aplicados pelo instituto no mercado financeiro. A atual diretoria do IPMT também tem participado de diversos eventos e reuniões com o intuito de formar opiniões concretas sobre a perspectiva e cenários de investimentos.

“Uma das determinações do prefeito Dr. Pessoa é de que a gestão seja eficiente, transparente e voltada para que os resultados gerem superávits. Para isso, estamos trabalhando de forma ativa, melhorando as nossas ações de gestão para garantir uma melhor performance nas aplicações financeiras, minimizando o risco e aumentando o retorno. Com a participação ativa do Conselho de Administração do IPMT na tomada de decisões e a gestão própria do recurso previdenciário, estamos fazendo uma administração mais participativa e transparente, que são premissas básicas do prefeito”, explica o presidente do IPMT, Kennedy Glauber Leite.

O Presidente do IPMT ressaltou, ainda, que além da gestão própria do recurso previdenciário, a razão da economia se fundamenta na revisão de contratos que estavam vigentes na gestão passada e na escolha de alternativas mais econômicas e eficazes para a realização das atividades da autarquia. O efeito destas ações gerou uma economia em torno de R$ 5 milhões só em despesas administrativas.

O instituto também vem realizando auditorias com o objetivo de prevenir, identificar e corrigir possíveis fraudes. Está sendo feito o levantamento de processos pendentes de pagamentos, a análise da carteira de beneficiários e dependentes do IPMT Saúde e Plante, além da auditoria nas contribuições previdenciárias.

“Estamos revisando as premissas atuariais e instituindo fontes alternativas de receita. Além disso, estamos auditando a folha de pagamento de inativos, com a finalidade de identificar possíveis acúmulos ilícitos e aposentados por invalidez exercendo outra atividade laboral. Nós estamos trabalhando também para iniciar o processo de adesão à Certificação Pró-Gestão RPPS, que nos possibilitará melhores alternativas de investimentos. Todas estas ações estão em consonância com o nosso objetivo principal, que é a melhoria nos níveis de governança do IPMT”, finalizou o presidente. 

Com a gestão própria do Recurso Previdenciário, as análises financeiras e sugestões de aplicações passam a ser realizadas diretamente pelo próprio IPMT. Foto: Ascom (IPMT)

Hospitais da Prefeitura de Teresina estão há 24 horas sem espera por leitos Covid

Há 24 horas está zerada a fila de espera por leitos Covid nos hospitais municipais de Teresina. A Fundação Municipal de Saúde (FMS) mantém 6 hospitais e a maternidade do bairro Promorar com atendimento a pacientes infectados com o coronavírus.

Nesses hospitais e maternidade são 273 leitos, sendo 214 clínicos e 59 são de UTI, com 39 no Hospital de Urgência de Teresina- HUT e 20 no Hospital do bairro Monte Castelo. Os dados sobre a ocupação dos leitos são monitorados, diariamente, pela Central de Regulação do Município e pelo Sistema Gestor Saúde.

Nesses hospitais, a maior redução na ocupação de leitos foi na Maternidade do Promorar, que tem 16 leitos e em apenas 3 existem pacientes, com taxa de ocupação de 18,80%. No Hospital do Buenos Aires que disponibiliza 22 leitos, 6 estão ocupados e a taxa é de 27,30%. No Hospital do Parque Piauí dos 18 leitos, apenas 5 estão ocupados e taxa é de 27,80%. No Hospital Mariano Castelo Branco (Santa Maria da Codipi) dos 31 leitos, só 13 estão com pacientes e a taxa de ocupação é de 41,90%.

No HUT dos 59 leitos clínicos a ocupação é em 34 leitos e dos 39 leitos de UTI a ocupação é em 35 com taxa de 89,70%. No Hospital do Dirceu dos 39 leitos clínicos são 25 ocupados e a taxa de ocupação é de 64,10%. Apenas o Hospital do Monte Castelo está com a maior taxa, pois dos 29 leitos clínicos estão 18 ocupados, registrando taxa de 62,10% e somente os 20 leitos de UTI estão com 100% de ocupação.

O presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, analisa que muito esforço foi feito para chegar a esses índices satisfatórios. “A rede hospitalar de Teresina teve muita pressão por leitos no mês de abril e já constatamos que a vacinação está mostrando os resultados positivos com a redução dos casos de óbitos e de internações”, diz.

Aranucha Brito, enfermeira do Apoio Técnico da Gerência de Assistência Hospitalar da FMS, explica que uma equipe de profissionais monitora esses dados para que atender os pacientes.

 

Maior urgência pública de Teresina, HUT completa 13 anos de história

O Hospital de Urgência de Teresina Prof. Zenon Rocha (HUT), completa 13 anos de existência nesta quarta-feira (05). A maior urgência e emergência pública vinculada a Fundação Municipal de Saúde (FMS), vem aprimorando os processos de qualidade e segurança do paciente para se tornar referência em assistência e gestão pública de saúde no Norte-Nordeste.

O Hospital foi inaugurado em 2008 para atender vitimas de traumas e mal súbito agudo, com o fechamento do pronto socorro do Hospital Getúlio Vargas (HGV), todas as emergências eram encaminhadas para o HUT. A enfermeira Silvia Alcântara lembra que nos primeiros anos o cenário era de superlotação, logo na entrada haviam macas enfileiradas com pacientes sem identificação. A servidora que assumiu a coordenação de enfermagem de uma das UTIs do Hospital enfatiza que a realidade agora é outra: “Não há mais pacientes em macas nos corredores, atualmente existe a regulação de leitos que permite controlar a entrada e uma assistência mais adequada. Nesse ano passamos a definir e implantar protocolos de atendimento, envolvendo toda a equipe multidisciplinar e isso faz toda diferença na qualidade da assistência, no giro de leitos e em tempos de escassez, até no uso consciente dos insumos”. Explicou.

Atendimento acolhedor e afetivo é uma das marcas dos novos tempos no HUT, a Ouvidoria do Hospital vem recebendo elogios, caso da paciente Ivone Gomes que precisou ser internada e passou alguns dias em coma. Sou muito grata a Deus e toda equipe de médicos, enfermeiros, técnicos, maqueiros, fisioterapeutas, psicólogos, assistente social, nutricionista e zeladores que ajudaram a salvar minha vida, sempre tinham uma palavra de fé, conforto e esperança e me fizeram renascer no HUT.

Ao longo do tempo a busca pela qualidade se solidificou. Sempre tendo como base os valores de cuidado e compromisso com a sociedade. Fábio Marcos de Sousa, diretor geral do HUT enfatizou o engajamento dos servidores na concretização das ações propostas pela direção: “Esse atendimento que todos prestam aos nossos pacientes é o que estimula a tornarmos cada vez mais eficiente, pois aqui elas são muito bem tratadas e cuidadas”. Orgulha-se.

Enfrentamento à Covid

Em Março desse ano, para reforçar a assistência durante o pico da pandemia do novo coronavírus, o HUT adaptou seu pronto atendimento com UTIs e enfermarias à disposição dos pacientes mais graves acometidos pelo vírus, em alguns momentos zerando a fila de espera por leitos clínicos e intensivos da capital. A unidade hospitalar também se destacou por capacitar profissionais de saúde de toda a rede municipal para o enfrentamento à doença e pelo projeto “Oxigênio (02) no alvo” de uso adequado e consciente do O2 hospitalar que foi reproduzido em unidades de saúde até fora do Piauí.

Salvando Vidas

Desde sua fundação, o HUT já realizou mais de 856.245 atendimentos e reúne grande leque de serviços especializados em Ortopedia, Traumatologia, Cirurgia Geral, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Pediatria, Cirurgia Vascular, Urologia, Neurologia, Cardiologia, Nefrologia, Cirurgia Plástica restauradora, Unidades de Terapia Intensiva, Tratamento de Queimados, Laboratório, Hemodiálise entre outros.

Para celebrar o 13º aniversário a programação contou com uma celebração ecumênica realizada pelo padre Raimundo Luzia, seguido do tradicional corte do bolo de aniversário e contou com a participação do prefeito de Teresina, Doutor Pessoa e Samara Conceição (primeira dama); o presidente da FMS Gilberto Albuquerque; vereador e médico Leonardo Eulálio; diretoria atual e servidores do HUT. A cerimônia seguiu as orientações das autoridades sanitárias, sem aglomeração, com distanciamento e uso de máscara.

Gilberto Albuquerque e o prefeito Doutor Pessoa ressaltaram que o HUT é uma escola, “hoje boa parte da gestão da prefeitura é formada por pessoas que trabalharam aqui, não somente na área da saúde, mas na gestão municipal como um todo”.

Atualmente, o HUT conta com mais de 2.500 profissionais, sendo a maior unidade pública de saúde do Estado no atendimento de urgência e emergência 24 horas.

Atualmente, o HUT conta com mais de 2.500 profissionais, sendo a maior unidade pública de saúde do Estado no atendimento de urgência e emergência 24 horas. Foto: Ascom (HUT)

Prefeitura entrega cestas básicas para Mulheres

Na manhã desta terça-feira (04), o prefeito de Teresina, Doutor Pessoa visitou o Serviço de Atendimento Integrado às Mulheres e suas Crianças – Florescer da zona norte para a entrega de cestas básicas. O serviço é vinculado à Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM).

“A secretaria da mulher, comandada pela Karla Berger, inteligentemente escolheram um nome lindo, Florescer, que é para as mulheres crescerem, como uma flor, que primeiro vem a semente e após serem regadas e cuidadas, nascem belas flores, e essas sementes serão plantadas na nossa administração”, disse o prefeito Dr. Pessoa.

A entrega das cestas básicas beneficiou 80 mulheres atendidas pelo serviço Florescer, uma parceria da SMPM com a Secretaria Municipal de Educação (SEMEC).

“No tempo no qual vivemos hoje, de pandemia, onde temos dificuldades para trabalhar, principalmente no meu caso, que sou autônoma, e vivo apenas de bicos, como manicure e cabeleireira, receber essas cestas da prefeitura é muito importante para mim e para minha família, pois nos ajuda muito”, afirmou Clara Freitas, mulher atendida pelo Florescer.

As mulheres e suas crianças do Florescer são assistidas por toda a equipe técnica da secretaria, desde psicólogas, assistentes sociais, cuidadoras , entre outras, na  perspectiva da saída dessa situação de vulnerabilidade.

“No Florescer nós trabalhamos a mulher, entendendo que cada uma tem o seu potencial, por isso estamos fazendo parcerias com a Fundação Wall Ferraz (FWF) para capacitar as mulheres do serviço e inseri-las no mercado de trabalho”, reforçou a secretária Karla Berger.

O prefeito finalizou afirmando que não podemos nos limitar, e sim ir em busca de fazer políticas públicas para mulheres, as mulheres vulneráveis, essa é gestão integrada dessa administração.

A entrega das cestas básicas beneficiou 80 mulheres atendidas pelo serviço Florescer. Foto: Ascom (SMPM)

 

 

Sistema de Emendas Parlamentares (SECIEPI) é tema de treinamento para servidores da Prefeitura

A Prefeitura de Teresina, através da Secretaria de Planejamento e Coordenação (Semplan), realizou mais um treinamento para servidores da gestão municipal nesta sexta-feira (23). Desta vez, sobre o Sistema de Cadastro de Indicações de Emendas Parlamentares Individuais (SECIEPI). O curso foi organizado pela Secretaria Executiva de Planejamento Estratégico e Gestão (Seplag), e ministrado pelos servidores Igor Mendes Carvalho, Klecyanne Amorim e Edilson Araújo, da Semplan e Prodater.

Participaram dos treinamentos servidores municipais que farão a gerência do Sistema de Cadastro Emendas (SECIEPI). “Nosso objetivo é ter um maior domínio da gestão de emendas e fornecer o melhor conteúdo para os servidores. Este já é o sétimo treinamento que a SEPLAG realiza e temos buscado a excelência e qualificação do trabalho da Prefeitura de Teresina. Quando dialogamos, trocamos experiências e conhecimento, tornamos o trabalho mais integrado e assertivo”, explicou a secretária executiva, Kárita Allen.

“Os servidores são os atores que alimentam o Sistema de Cadastro de Indicações de Emendas (SECIEPI) e as atualizações fazem o trabalho ser desempenhado de forma mais adequada. Com isso, temos uma gestão de emendas eficiente e sempre organizada”, finalizou o analista de orçamento e emendas, Igor Carvalho.

Participaram dos treinamentos servidores municipais que farão a gerência do Sistema de Cadastro Emendas (SECIEPI). Foto: Ascom (Semplan)

Doze atrações musicais irão animar postos de vacinação Drive Thru em Teresina

Este final de semana será de comemoração para os teresinenses de 71 e 72 anos. Eles estão na programação para receberem nesta sexta (23) e no sábado (24), a segunda dose da vacina contra o Novo Coronavírus.
Para não deixar esse momento passar em branco, a Prefeitura de Teresina (PMT), por meio da Fundação Cultural Monsenhor Chaves (FMC), irá disponibilizar, em alguns postos Drive Thru, atrações musicais que prometem animar quem passar por estes locais.

De acordo com Scheyvan Lima, presidente da FMC, a iniciativa do Projeto Música e Saúde visa amenizar a ansiedade daqueles que estavam há um ano aguardando pela imunização contra a Covid-19. Segundo ele, nesta etapa os músicos serão destacados para dez postos de vacinação espalhados em todas as zonas da capital.

“A gente percebeu que muitas pessoas entraram em depressão durante a pandemia, elas se isolaram mais e isso é um fato preocupante que precisa ser visto com delicadeza. Com a música iremos mostrar para elas que apesar das dificuldades enfrentadas no último ano, temos que ter força para lutar e seguir em frente. A saúde mental é muito importante nesse momento”, enfatiza Scheyvan Lima.

Para o violonista Dam Bezerra, coordenador do Projeto de Violões da FMC, levar cultura para estes espaços é algo muito importante, pois para ele não há nada que pague o sorriso no rosto de uma pessoa que se encanta com um bom som musical.

“Notei que ao entrarem nos postos muitos estavam com a fisionomia tensa, mais logo que começava a toca o rosto aflito dava espaço para um grande sorriso e ver um rosto feliz é o melhor prêmio que um músico pode ganhar”, afirma Dam Bezerra, que se apresentou na primeira etapa do projeto.

Vale lembrar que para se vacinar as pessoas contempladas nesta etapa devem comparecer aos locais de vacinação portando o cartão de vacina que comprove a primeira dose, documento de identificação com foto, CPF e comprovante de residência da cidade de Teresina. Para mais informações sobre os locais de vacinação, bem como os horários, basta acessar o site pmt.pi.gov.br

A Fundação Cultural Monsenhor Chaves (FMC), irá disponibilizar, em alguns postos Drive Thru, atrações musicais que prometem animar quem passar por estes locais. Foto: Ascom (FMC)

GCM garante segurança nos postos de vacinação drive-thru

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Teresina tem atuado para a garantir a segurança na vacinação contra a Covid-19 . De acordo com o cronograma da Fundação Municipal de Saúde (FMS), guardas municipais são direcionados para os postos drive-thru.

O coronel Nixon Frota, coordenador municipal de Segurança Pública Social e Patrimonial, destaca o papel da segurança preventiva, até mesmo para que não haja furtos ou roubos durante a vacinação.

André Viana, gerente de operações da GCM, acrescenta que os guardas municipais também têm o papel importante na proteção dos profissionais de saúde responsáveis pela aplicação das doses.

“Além de proteger instalações públicas municipais que estão sendo usadas como postos, a exemplo dos terminais de ônibus, garantir a segurança de quem está na fila e a proteção dos profissionais de saúde que, em algumas situações, são ameaçados constrangidos”, acrescenta Viana.

Neste fim de semana, idosos nas faixas etárias de 65, 66 e 77 anos, entre primeira e segunda doses, estão sendo vacinados na Capital.

De acordo com o cronograma da Fundação Municipal de Saúde (FMS), guardas municipais são direcionados para os postos drive-thru. Foto: Ascom (GCM)

FMS divulga calendário de vacinação Covid de 16 a 24 de abril

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina divulgou hoje, 15, o calendário de vacinação contra a Covid-19 dos próximos dias. A população alvo da campanha precisa ficar atenta para garantir sua dose no dia correto através dos postos Drive Thru.

A FMS chama atenção que pela manhã devem comparecer aos postos as mulheres e pela tarde os homens. Amanhã, 16, serão aplicadas segundas doses de vacina em pessoas de 78 anos. No sábado, 17, acontecerão segundas doses para a faixa etária de 77 anos e também primeiras doses para pessoas com 66 anos. Domingo é a vez das pessoas de 65 anos garantirem suas primeiras doses.

“Do dia 19 ao dia 21 só teremos drives para aplicação de segundas doses.  Na segunda-feira, 19, poderão completar seu esquema vacinal as pessoas de 76 e 75 anos. Na terça, 20, será a vez daqueles com 74 anos e na quarta as pessoas com 73 anos”, explica Emanuelle Dias, coordenadora da campanha de vacinação Covid em Teresina.

Na quinta-feira, dia 22, a FMS amplia a vacinação para mais um público, o de 64 anos. A aplicação das primeiras doses nessas pessoas acontecerá nos postos drive thru. Na sexta e sábado, dias 23 e 24, serão aplicadas segundas doses em pessoas com 72 e 71 anos, respectivamente.

LOCAIS DRIVE-THRU do dia 16 de abril – sexta – (de 09h às 17h):

ZONA NORTE:
• Universidade Estadual do Piauí (UESPI) – Campus Torquato Neto – Rua João Cabral, 2231, Bairro Pirajá.
• Centro de Artes e Esportes Unificados Vieira Toranga (CEU – Norte) – Avenida Ministro Sergio Mota, S/N, Bairro Santa Maria da Codipi.

ZONA LESTE:
• Terminal de Integração Zoobotânico – Avenida Presidente Kenedy, Bairro Zoobotânico.
• Teresina Shopping – Edifício Garagem G1 – Avenida Raul Lopes, 1000, Bairro dos Noivos.

ZONA SUDESTE:
• Terminal de Integração Livramento – Avenida dos Expedicionários, S/N, Bairro Dirceu.
• Faculdade Estácio de Teresina – Estacionamento da Faculdade na Avenida dos Expedicionários, Bairro São João.

ZONA SUL:
• Terminal de Integração Parque Piauí – Avenida Marechal Juarez Távora, 118, Bairro Parque Piauí (próximo ao clube dos Cem).
• Terminal de Integração Bela Vista – Avenida Prefeito Wall Ferraz, Bairro Bela Vista.
• Centro Universitário Santo Agostinho – Avenida Professor Valter Alencar, 855, Bairro São Pedro.