SDU Sul mantém quatro equipes para recuperar ruas e obras emergenciais

Ascom/SDU Sul

A SDU Sul está atuando com equipes na recuperação de ruas e obras emergenciais na região. Segundo lembra o superintendente Executivo Paulo Roberto, a meta é, principalmente, recuperar trechos de ruas que foram danificados pelas águas das chuvas. Um exemplo é o trecho de ligação entre as quadras F e G do bairro Torquato Neto.

“Não temos como parar nossas ações por completo, mesmo diante da necessidade de ficarmos todos em casas. Mas alguns serviços são realmente essenciais para a comunidade. Temos que manter a trafegabilidade nestes locais para garantir que as pessoas tenham condições de chegar e sair de casa, que ambulâncias e viaturas da polícia possam passar”, explicou.

Paulo Roberto explicou que as solicitações das comunidades estão sendo registradas e atendidas, respeitando uma programação encabeçada pelas situações mais urgentes. Outros exemplos de bairros que tiveram ruas recuperadas foram a Vila Irmã Dulce (Rua Estômato), conjunto Saci, Parque Sul e outros. Uma das ferramentas mais utilizadas no momento para fazer essas solicitações é o aplicativo Colab.

SDU Sudeste mantém serviços essenciais e de emergência 

Obedecendo às determinações da Prefeitura de Teresina, a Superintendência de Desenvolvimento Urbano Sudeste mantém em funcionamento os serviços considerados essenciais à população, como limpeza urbana e habitação. Os demais setores do órgão estão operando em regime homeoffice.

Na limpeza urbana, as equipes seguem com o cronograma de capina, varrição, poda, limpeza de galerias, cemitérios, praças e recolhimento de entulhos. Cerca de 144 colaboradores estão nas ruas executando o trabalho, com a adoção das medidas de segurança e proteção.

Também atua como serviço essencial e de emergência a equipe da Gerência de Habitação. Neste período de chuvas intensas e risco de enchente, as assistentes sociais fazem o pré-cadastro de famílias em situação de vulnerabilidade.

Segundo a gerente de Habitação da SDU Sudeste, Erineude Nunes, o trabalho consiste no condensamento de dados e treinamento das equipes. “Esse é um trabalho essencial para a cidade de Teresina no momento e que estamos realizando com todo o cuidado necessário. São pessoas em situação de risco que precisam e podem contar com o nosso serviço”, destaca a gerente.

O superintendente da SDU Sudeste, Evandro Hidd, ressalta que o trabalho da Prefeitura continua, mas que a população que puder deve ficar em casa.  “O trabalho das nossas equipes é indispensável porque a cidade e as pessoas precisam de nós. Mas se você tem a possibilidade de ficar em casa, respeite as orientações do Ministério da Saúde e se proteja. Assim estará ajudando a todo mundo”, solicita o superintende.

 

SEMPLAN disponibiliza serviço de declaração de ruas de forma online

Por conta do enfrentamento ao avanço do Coronavírus, a Prefeitura de Teresina suspendeu o atendimento presencial nos órgãos públicos fora dos casos de urgência. No entanto, vários serviços são prestados online, como a declaração de ruas emitida pela SEMPLAN. O documento é disponibilizado através da plataforma “Teresinense Digital”.

A declaração de rua é um documento que confirma o nome oficial de um logradouro onde está localizado um determinado imóvel, geralmente solicitado pelos cartórios em situações que em que seja necessário alterar o registro do imóvel, como em uma operação de compra e venda.

Para fazer a solicitação, é necessário primeiro se cadastrar no sistema de peticionamento eletrônico, através do site https://pmt.pi.gov.br/teresinensedigital/peticionamento-eletronico/. Com o cadastro feito, basta dirigir-se ao endereço https://pmt.pi.gov.br/teresinensedigital/declaracao-logradouros/ e fornecer a documentação solicitada na página.

Além da declaração de ruas, outros serviços também são oferecidos pela Semplan através do Teresinense Digital, como a solicitação de mapas da cidade, por divisão de bairros, zoneamento, etc…

“As plataformas digitais são utilizadas em geral para agilizar o atendimento e dar mais praticidade ao cidadão, e agora estão sendo também uma medida interessante de enfrentamento ao Covid-19, facilitando que as pessoas resolvam suas demandas sem sair de casa”, explica a secretária executiva de planejamento urbano, Jhamille Almeida.

Qualquer dúvida sobre a prestação destes serviços pode ser esclarecida através do email seplur.semplan@gmail.com, ou pelo telefone (86) 99490-3181.

SDU mantém programação de limpeza de ruas e galerias

Ascom/SDU Sul

Mesmo seguindo todas as ações de prevenção contra a propagação do Covid-19, a superintendência de Desenvolvimento Urbano Sul (SDU Sul) continua com a programação de limpeza de ruas, galerias, praças e áreas verdes da região.

Na manhã desta quarta-feira (18), por exemplo, com a utilização de uma pá-carregadeira, uma equipe de limpeza da Superintendência realizou a desobstrução de uma galeria localizada no cruzamento das avenidas Henry Wall de Carvalho e Ulisses Guimarães, no Promorar. “É sempre bom lembrar que todas as vezes que fazemos esse tipo de limpeza encontramos restos de podas de árvores, garrafas pets e outros materiais que se descartados corretamente evitaria o entupimento das galerias”, ressalta Paulo Lopes, superintendente da SDU Sul.

Todas as superintendências da Prefeitura trabalham com equipes de capina e varrição, limpeza de galerias e limpeza e manutenção de praças e áreas verdes. Nesta quarta-feira (18), por exemplo, na zona Sul, as equipes de capina e varrição estão em bairros como o Santa Clara, Santa Luzia, Três Andares, Parque São Jorge, Parque e Sul, Macaúba e outros.

Na área de limpeza de galerias, além do bairro Promorar, outra equipe está trabalhando na Avenida Goitacazes, na Vila Irmã Dulce. Além disso, a SDU Sul está limpando áreas verdes no bairro Macaúba, no Esplanada e Parque Sul.

“No período de chuvas todas essas demandas aumentam bastante, mesmo tendo sido feito um trabalho preventivo antes do início do inverno. O mato cresce muito rápido, e precisamos estar sempre atentos a limpeza de galerias. Mas estamos mantendo nossa programação e, inclusive, atendendo as solicitações das comunidades”, disse.

Sete ruas do bairro Vale Quem Tem recebem pavimentação da SDU Leste

O serviço de pavimentação em paralelepípedo é uma das missões da Prefeitura de Teresina, por meio da atuação das SDUs. Na SDU Leste são realizadas, constantemente, obras de pavimentação que proporcionam mais dignidade aos moradores da região, a exemplo da comunidade do bairro Vale Quem Tem.

Apenas no local, a SDU Leste, por meio da Gerência de Obras e Serviços, está executando o pavimento em paralelepípedo de sete ruas. São elas: Ruas 15, 16 e 15; Rua Cajuí, Jabulani, Jataí e Quitana. De acordo com as informações da Gerência de Obras e Serviços, o investimento é de R$ 911.841,75, com recursos provenientes do Orçamento Popular e Recursos Próprios.

Segundo o superintendente, João Pádua, a medida aprimora o plano estrutural do bairro, consequentemente da cidade, levando uma melhor qualidade de vida à população. “Queremos, cada vez mais, proporcionar melhorias na locomoção das pessoas que tanto anseiam por ruas pavimentadas. Pensando nisso, e por compreender que o calçamento é fundamental para a comunidade, vamos continuar trabalhando para concluir as obras oriundas de recursos próprios do município, assim como de emendas parlamentares, investimentos federais e recursos do Orçamento Popular”, destacou.

“Aplicar recursos em obras de mobilidade urbana é uma das nossas ações, que promovem o aprimoramento do fluxo de veículos e pedestres e, consequentemente, melhorar a qualidade de vida da população”, completou o superintendente executivo, Ângelo Cavalcante.

Strans vai interditar vias a partir das 14h no dia do Corso

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) vai interditar, a partir das 14h deste sábado (15), várias vias na região onde acontecerá o Corso. Um total de 78 agentes de trânsito estarão participando da operação em onze pontos no entorno do evento.

O percurso do Corso inicia às 17h deste sábado na Avenida Raul Lopes, no sentido norte/sul, até a rotatória da Potycabana, que será o local de dispersão dos caminhões.

O gerente de operação e fiscalização da Strans, Denis Lima, explica que as interdições são para garantir a segurança dos condutores e uma melhor fluidez do tráfego. “Todas as equipes estarão trabalhando com os vários órgãos envolvidos para proporcionar segurança da população no evento e no entorno. É uma ação que foi bem planejada e será executada de forma integrada com a Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal e outros órgãos”, diz.

O diretor de Operação e Fiscalização da Strans, Jaime Oliveira, informa que este ano será garantida a entrada e saída de moradores de um condomínio próximo ao evento. “Esse espaço terá a implantação de um gradil que permitirá a entrada e saída de veículos para atender a necessidade de locomoção dos moradores entre a garagem até um posto de gasolina localizado na Avenida Universitária”, informa.

Confira abaixo os pontos que serão interditados:

Ponte da Primavera (nos dois sentidos)

Avenida Raul Lopes (nos dois sentidos entre o setor de esportes da UFPI e rotatória da Potycabana)

Avenida Raul Lopes x Rua José Paulino

Avenida Raul Lopes x Rua Cel. Costa Araújo

Avenida Raul Lopes x Rua Ind. José Camilo da Silveira

Avenida Raul Lopes x Rua Anfrísio Lobão

Avenida Raul Lopes x Rua Des. Manoel Castelo Branco

Avenida Raul Lopes x Rua Senador Cândido Ferraz

Avenida Raul Lopes X Rua Júlio Mendes

Rua Marcos Parente x Rua Elias João Tajra

Avenida Jockey Club entre as avenidas Ininga e Raul Lopes.

 

 

SDU Leste pavimenta ruas na Vila Madre Teresa com recursos do Orçamento Popular

Em mais uma ação em prol do aprimoramento do plano estrutural da região, a Gerência de Obras e Serviços (GOS) da SDU Leste está providenciando a pavimentação em paralelepípedo das ruas México e Gabriel Felipe, na Vila Madre Teresa. As obras têm o intuito de melhorar a mobilidade urbana do local, levando mais qualidade de vida aos moradores.

A Gerência de Obras explica que as duas ruas têm recursos provenientes do Orçamento Popular, um dos instrumentos mais importantes que a Prefeitura utiliza para a execução de obras, onde a comunidade decide o que deve ser feito em sua região.

Somente na Rua México, a Prefeitura está investindo o valor de R$ 72.829,33. Já na Rua Gabriel Felipe o investimento é de R$ 49.015,56.

Para o Superintendente João Pádua, os trabalhos desenvolvidos pela Prefeitura, por meio das SDUs, são reflexos da preocupação do órgão Municipal com a comunidade. “As obras de pavimentação têm funcionalidades primordiais na vida dos moradores. Elas promovem um impacto positivo na população, um que vez aprimora a mobilidade urbana, permitindo o fluxo de pessoas e de veículos mais facilmente”, destacou.

Também avaliando de forma positiva, o Superintendente executivo, Engº Ângelo Cavalcante, frisou que a SDU Leste estará sempre à disposição para ouvir os anseios dos moradores e atender as demandas dentro das possibilidades. “Estamos felizes com a quantidade de obras de pavimentação que estão sendo executadas em toda a zona leste, além de áreas de lazer como praças e campos de futebol. Esperamos, com isso, promover uma melhor qualidade de vida na região”, disse.

 

Equipes fazem varrição e coleta de lixo à noite nas ruas e praças do centro

A Superintendência de Desenvolvimento Urbano Centro Norte, por meio da Gerência de Serviços Urbanos (GSU), está intensificando as ações de limpeza nas praças e ruas na área central da cidade através de serviços de varrição e coleta de lixo. Além das equipes que trabalham nos turnos manhã e tarde, à noite as equipes estão realizando uma limpeza geral para que a área central esteja limpa no início do dia.

Apesar da prática ser comum todos os dias, as ações têm se intensificado para atender com mais eficácia e rapidez as notificações da população. Todas as noites, a partir das 18h, as equipes de limpeza fazem o serviço de varrição e coleta de lixo nas praças e nas ruas do centro, entretanto é preciso que a população ajude colocando o lixo nos locais adequados.

“Todos os dias passam muitas pessoas pelo centro da cidade, por isso deixamos as praças e ruas limpas, mas precisamos contar também com a colaboração da população, para que o lixo seja colocado nos locais adequados”, explica o gerente de Serviços Urbanos da SDU, José Neto

Neto afirma ainda que os trabalhos de limpeza começam a partir das 18h, horário que as lojas começam a ser fechadas. “Nesse horário iniciamos a varrição e a coleta do lixo que é gerado ao longo do dia na área central. Então estamos conseguindo que as ruas e praças do centro estejam limpas no início da manhã”, disse.

A população pode colaborar com os serviços de limpeza através do aplicativo Colab, enviando fotos e a localização exata dos pontos que precisam de limpeza e fiscalização. O Colab está disponível para celulares Android e IOS.

 

Prefeitura investe R$ 1,2 milhão no asfaltamento do bairro Planalto Uruguai

Ascom/Semduh

A Prefeitura de Teresina segue atuando para melhorar a mobilidade urbana em todas as zonas da cidade. O bairro Planalto Uruguai, zona Leste, é uma das regiões que está sendo beneficiada com investimento de R$ 1,2 milhão no asfaltamento de 4,6Km de vias.

Ao todo, 12 ruas estão sendo asfaltadas, dentre elas: Rua Dr. Anastácio Campos, Rua Teresinha Lagens Visqueira, Rua Raimundo N. Andrade, Rua Dr. Carlos Pereira da Silva, Rua 007 (trecho 1 e 2), Rua Governador José Costa, Rua Manoel Gualberto da Costa, Rua Prof. Raimundo Morais, Rua Artista Plástico Liz Medeiros, Rua Poeta Hermes Vieira e Rua Cirilo Dantas França.

Para o casal Raimundo Lima e Maria Viana, moradores do Planalto Uruguai, o asfaltamento é motivo de comemoração. “Facilita nosso acesso e locomoção pelo bairro. Facilita até a nossa ida à igreja”, comentou o Sr. Raimundo.

De acordo com o coordenador de Asfaltamento da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH), Daniel Pereira, a Prefeitura tem equipes atuando no asfaltamento, recapeamento e na conservação de vias do município.

“Além das obras nas ruas do Planalto Uruguai, estamos asfaltando todo o Promorar (zona Sul), Novo Residencial no Parque Brasil (zona Norte) e Ruas do Parque Itararé (zona Sudeste)”, comentou o coordenador.

Ainda segundo Daniel Pereira, equipes da Operação Tapa Buracos estão seguindo uma programação específica para reforçar a manutenção de vias com problemas de rupturas causadas pelas chuvas intensas.

“O período chuvoso sempre castiga as ruas e avenidas da cidade, mas já iniciamos o ano preparados para isso e atuando para minimizar os desconfortos causados pelos buracos. Também contamos com a parceria da população, que pode solicitar reparos da Operação Tapa Buracos diretamente pelo aplicativo da Prefeitura, o Colab”, completou.

Programação Operação Tapa-Buracos:

1- Rua Corisco – Vila da Paz (zona Sul)

2- Linha de ônibus – Vila da Paz  (zona SUL)

3 – Linha de ônibus – conjunto Santa Fé (zona SUL)

4 – Rua Lourival Mesquita – Santa Maria da Codipi (zona NORTE)

5 – Estrada da Cacimba Velha e Santa Teresa (zona LESTE)

6 – Demandas do Colab

Ruas do Centro estão sendo requalificadas pela Prefeitura de Teresina

As obras de acessibilidade nas ruas do Centro da cidade estão em ritmo acelerado. A Superintendência de Desenvolvimento Urbano Centro Norte (SDU Centro/Norte) vai requalificar oito vias. Os serviços iniciaram pela Rua Álvaro Mendes e em seguida será feita uma avaliação para definir a próxima via a ser beneficiada para que a obra interfira o mínimo possível no tráfego da região.

A obra tem previsão de conclusão de 12 meses e está orçada no valor de R$ 2.287.970,77 via CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina). O projeto vai contemplar as ruas Álvaro Mendes, Senador Teodoro Pacheco, Paissandu, Rui Barbosa, Firmino Pires, Riachuelo, João Cabral e seus cruzamentos com a Avenida Maranhão.

Será feita uma revitalização total de acessibilidade, com a adequação das calçadas, passeios e rampas; novas pavimentações, através da manutenção do asfalto e novos pisos intertravados; paisagismo; travessias elevadas; novas placas de sinalização; novos bancos, lixeiras e iluminação.

O superintendente executivo da SDU Centro/Norte, Márcio Sampaio, explica que o projeto tem como base o “traffic calming”, que envolve estratégias urbanísticas que criam espaços de circulação mais seguros. “Esse tipo de via é ideal para espaços com grande circulação de pessoas. A intenção é proporcionar uma locomoção mais segura através de recursos como rampas, travessias elevadas e novas sinalizações”, explica.

O principal objetivo do projeto é transformar a área em um espaço com total acessibilidade, onde o pedestre seja o protagonista.  “As calçadas passarão por uma requalificação ganhando piso tátil, que vão garantir acessibilidade para as pessoas com deficiência visual, por exemplo”, informa.

Outras ruas do Centro também irão receber melhorias visando à acessibilidade como é o caso das ruas Coelho Rodrigues e Simplício Mendes. Essas, especificamente, serão objeto de uma nova licitação que acontecerá no dia 9 de janeiro. “Com isso todo o Centro será contemplado com serviços de requalificação”, lembra o superintendente.

A arquiteta e coordenadora da área central de Teresina, Constance Jacob, explica que a revitalização vem para despertar um olhar diferenciado do teresinense para o Centro da cidade. “Além de melhorar a mobilidade urbana, nosso objetivo é fazer com que o Centro volte a ser habitado e frequentado, porque é uma região que só tem vida oito horas por dia e que precisa de ressignificação”, enfatiza.

Nas ruas Paissandu e Senador Teodoro Pacheco serão implantadas ciclofaixas, entretanto serão preservados os estacionamentos nas vias. “Criaremos um espaço para a circulação dos ciclistas, assim estamos beneficiando mais um modal além dos outros que já são contemplados na área central da cidade, mas é preciso deixar claro que os estacionamentos em um lado da via serão preservados”, acrescenta.

A Rua Álvaro Mendes terá uma pavimentação especial para facilitar o fluxo dos pedestres. “Nos cruzamentos ao longo da rua teremos travessias elevadas, semelhantes às que já existem nas Ruas Álvaro Mendes e Simplício Mendes, para proporcionar mais segurança para travessia dos pedestres”, finaliza.