Reforma do Mercado do Dirceu I é discutida em reunião entre SAAD Sudeste e permissionários

Visita do superintendente da Saad Sudeste no Mercado do Dirceu I. Foto (Ascom/Saad Sudeste)

O superintendente da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste, José Lopes, esteve reunido hoje (26), com permissionários e outros trabalhadores do Mercado Municipal do Dirceu I para discutir questões relacionadas às reformas que o espaço irá receber nos próximos meses.

Ainda em 2022, foi aprovada uma emenda parlamentar do senador Elmano Férrer que destinou R$ 500.000,00, por meio da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), para a reforma do mercado e seu entorno. Reuniões posteriores entre representantes da Prefeitura Municipal de Teresina e permissionários definiram quais seriam as prioridades nessa reforma, destacando os pontos que mais precisam de atenção.

As intervenções no local incluem a instalação de uma subestação própria de energia, a recuperação de toda a pavimentação das calçadas e corredores, reparações hidrossanitárias, a revisão completa do sistema elétrico, pintura, recuperação da cobertura metálica e a instalação de um sistema de drenagem de águas pluviais.

Na reunião, os permissionários trouxeram novas demandas a serem discutidas, além de dúvidas, críticas e sugestões. “Esses reparos são de extrema importância para esse espaço. São demandas antigas dos trabalhadores e serão, todas, devidamente atendidas pela PMT. Algumas questões burocráticas atrasaram um pouco o início das obras, mas esperamos que, ainda no primeiro semestre de 2023, os trabalhos sejam iniciados”, esclarece o superintendente Zé Lopes.

O projeto e o orçamento foram elaborados, a proposta já foi licitada (TP 001/2022) e a próxima etapa é a liberação da Autorização de Início de Obra (AIO) pela Codevasf. A obra será iniciada imediatamente após a liberação.

Moradores dos bairros Alto da Ressurreição e Frei Damião respondem a questionário sobre regularização fundiária

Moradores dos bairros Alto da Ressurreição e Frei Damião respondem a questionário sobre regularização fundiária. Foto (Ascom/Saad Sudeste)

Acontece durante essa semana e a próxima, na zona Sudeste, o estudo de opinião pública sobre as condições de vida dos moradores dos bairros Frei Damião e Alto da Ressurreição e suas considerações sobre a situação geral da área. A ação é executada em conjunto pela Secretaria Municipal de Planejamento (SEMPLAN) e pela Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste e é a última etapa do processo de regularização fundiária dessas duas localidades.

O estudo começou ontem (17) e consiste, inicialmente, na aplicação de um questionário com questões relacionadas ao estado atual das residências após a conclusão de seus processos regulatórios e às percepções de seus moradores quanto às condições de vida nesses bairros em temas como segurança, estrutura urbana, serviços públicos, dentre outros.

Os questionários possuem 40 questões objetivas de múltipla escolha e serão aplicados durante um período previsto de duas semanas por equipes compostas por membros da SEMPLAN e da SAAD Sudeste. Os pesquisadores estarão devidamente identificados, a entrevista dura entre 10 e 20 minutos e é totalmente voluntária.

A regularização fundiária nessa região foi executada em parceria com o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), do Governo Federal e beneficiou milhares de famílias, entregando, ainda nos meses de outubro e novembro de 2020, 813 títulos de regularização fundiária no Residencial Frei Damião e 1.385 no Alto da Ressurreição.

“Com a regularização desses imóveis, as famílias passam a ser donas dos mesmos em definitivo, sendo totalmente responsáveis por eles, podendo, inclusive, fazer empréstimos, empreender, negociar e morar com mais segurança social e jurídica. É a Prefeitura Municipal de Teresina promovendo cidadania nessa região, uma das mais carentes da cidade”, explica Samara Cunha, gerente de habitação da SAAD Sudeste.

SAAD Sudeste constrói galeria na avenida Maria da Conceição, no Pedro Balzi

Além da pavimentação, o Pedro Balzi também recebe uma galeria para melhor escoamento das águas Foto(Ascom/Saad Sudeste)

O projeto de pavimentação realizado pela Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste, no conjunto Pedro Balzi, chegou à última etapa de sua execução. Das dezenove ruas previstas no contrato, dezoito já foram finalizadas e entregues, faltando somente a avenida Maria da Conceição.

Além da aplicação de pavimentação em paralelepípedo e da construção de sarjetas e canaletas, o local está recebendo outro serviço de fundamental importância para efetividade dos trabalhos: a construção de uma galeria. A região costuma apresentar sérios problemas de escoamento de água, principalmente no período chuvoso, o que torna imprescindível a construção de uma estrutura como essa no local.

A limpeza completa da área já foi realizada com a ajuda de maquinário, bem como a abertura das valas. A base foi feita toda em pedra argamassada no fundo e, na última sexta (6), iniciou-se a colocação dos tubos, a última fase do serviço. A galeria é de bueiro duplo, possui 60 cm de diâmetro e receberá grande parte do esgoto e da água da chuva que venha a se acumular no local. “É muito comum que essa rua alague quando começam as chuvas. Só a pavimentação já vai fazer uma diferença grande, pois evita a lama e a sujeira. Agora é esperar que essa galeria evite que a água suba a ponto de entrar em nossas casas”, comenta Maria de Souza, moradora do local.

A construção da galeria faz parte do contrato de pavimentação do conjunto Pedro Balzi e tem como previsão de conclusão, a última semana de janeiro de 2023. A avenida Maria da Conceição está recebendo 7.420 m² de calçamento que, somado aos outros serviços, totalizam um investimento de R$ 316.198,48 realizado pela PMT.

SAAD Sudeste executa programação especial de limpeza durante o período chuvoso

O período de chuvas começou oficialmente e todos os cuidados necessários para se evitar os problemas que costumam surgir nessa época já começaram a ser executados pela Prefeitura Municipal de Teresina. Na região Sudeste, a Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste elaborou uma programação de limpeza e reparos que foca, principalmente, nos pontos que são mais afetados pela ação das águas.

Bueiros, galerias, sarjetas e canaletas são exemplos de estruturas que merecem atenção especial já que, por conta do volume de água que recebem, costumam apresentar grandes avarias, a ponto de representarem riscos à população. Para dirimir esse problema, uma força tarefa de limpeza está atuando nesses locais desde novembro de 2022.

As galerias estão presentes diariamente na programação de limpeza executada pela Gerência de Serviços Urbanos Sudeste (GSU) e recebem os mais diversos serviços, tais quais desobstrução, recolhimento, capina e varrição.

“Esses locais costumam ser problemáticos, porque recebem, além de grandes quantidades de água e esgoto, muito lixo. A população costuma descartar todo tipo de material, o que prejudica muito a efetivação do nosso trabalho”, destaca o gerente da GSU, Gilberto.

Além de se desfazer corretamente do lixo, a população também pode contribuir com a limpeza urbana utilizando os canais de contato direto abertos com a Prefeitura Municipal de Teresina. Nesses canais, são registradas reclamações, solicitações e sugestões, que são feitas através do link: CLIQUE AQUI

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH), por meio do Programa Lixo Zero, também disponibiliza um canal no WhatsApp para onde as denúncias podem ser direcionadas. O número é o 86 99402-3074 e a denúncia é feita de forma anônima.

SAAD Sudeste divulga balanço das ações executadas em 2022

Calçadão da Noé Mendes (Foto: Ascom/SAAD Sudeste)

2022 foi um ano produtivo para a Prefeitura Municipal de Teresina que, por meio de suas secretarias e superintendências, desenvolveu ações e projetos em todas as regiões da cidade, executando 130 obras ao todo e efetuando investimentos na ordem dos R$ 720 milhões.

A Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste contribuiu com esses números, fazendo investimentos nos mais diversos eixos de desenvolvimento urbano e social. A partir da análise das principais demandas reivindicadas pela população da zona sudeste e da realização de estudos técnicos em várias áreas, dezenas de projetos foram elaborados, servindo como base para a execução dos trabalhos que nortearam o ano de 2022.

Dentre as principais obras, está a construção do novo Mercado do Renascença II, que promete ser um dos mais modernos da região, com estrutura moderna, mais segura, acessível e funcional. Somente em 2022, foram investidos R$ 708.457,94 na construção do espaço, que será inaugurado no primeiro semestre de 2023. Para que os permissionários do mercado pudessem continuar realizando seus trabalhos, um mercado provisório foi construído, inaugurado no mês de janeiro e que custou R$ 42.524,00 ao Município.

O calçadão da Noé Mendes é outra grande obra, ainda em execução, e sua construção está mudando positivamente o aspecto geral de todo o entorno daquela tão importante avenida. Os trechos 4, 5 e 6 já foram concluídos e os trechos 1, 2 e 3 seguem em construção. Dos 5 km previstos no projeto inicial, 4 km já foram executados. A PMT está investindo R$ 9.500.000 na obra, cuja construção segue normalmente e tem como previsão de entrega, dezembro de 2022.

O calçamento de vias públicas também foi uma grande prioridade da SAAD Sudeste em 2022. Foram executados 17.130,22 metros quadrados de calçamento, 120 metros lineares de canaletas e 260 metros lineares de sarjetas. Só no residencial Pedro Balzi, por exemplo, dezenove ruas foram inteiramente revitalizadas, com a construção de estruturas de drenagem como bueiros e galerias.

Outros projetos que merecem destaque são a urbanização dos canteiros centrais das principais avenidas da região e a implantação de academias populares em diversos pontos. R$ 536.226,71 foram investidos em 3.828,00 m² de canteiros, a maior parte nas avenidas Padre Humberto Pietro Grande, José Francisco de Almeida Neto e Joaquim Nelson. Quanto às academias, vinte foram instaladas em diferentes pontos da região.

Fiscalização

A SAAD Sudeste, por meio da sua Gerência de Fiscalização, ampliou os trabalhos de vistoria e de garantia da aplicação da legislação municipal em logradouros e prédios públicos e privados. Foram aplicadas, ao todo, 107 notificações, 120 autuações e 66 multas, o que, além de efetivar a regularização em vários espaços da região, ainda gerou receita ao Município.

É importante destacar que um dos grandes focos do trabalho da fiscalização em 2022 foi a contenção do despejo irregular de lixo em áreas públicas. As equipes acolheram diversas denúncias e estiveram constantemente em campo realizando as vistorias e conversando com a população.

Limpeza urbana

Os serviços de limpeza seguiram normalmente o cronograma elaborado ainda no começo do ano, cobrindo todos os bairros da região e promovendo o cumprimento da política municipal de saneamento básico.

Foram 312 limpezas de fossa, 8.080 km de varrição manual em ruas e avenidas e 27.208,29 toneladas de resíduos sólidos urbanos recolhidos. Os investimentos em serviços de limpeza pública no ano de 2022 totalizaram R$ 12.328.486,96.

Assistência social

No campo social os números de 2022 também são positivos, com 544 visitas realizadas para efetivação de diferentes ações como as emergenciais, limpeza de fossa ou cadastro do Programa Cidade Solidária, para o qual 50 famílias foram encaminhadas e mais da metade dessas já tiveram o cadastro ativado.

Um dos programas mais relevantes executados pela Gerência de Habitação Sudeste (GHAB) foi o Melhorias Habitacionais, no qual famílias em situação de vulnerabilidade social, chefiadas por mulheres, previamente cadastradas no Cidade Solidária e selecionadas pela equipe socioassistencial da SAAD ganham a reforma completa de suas residências, garantindo assim bem estar social e o direito à moradia digna. 14 famílias foram beneficiadas com a entrega de unidades habitacionais reformadas.

Strans vai interditar trecho da Avenida Joaquim Nelson para obra de saneamento

Trecho que será interditado (Foto: Ascom/Strans)

A Prefeitura de Teresina, por meio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), informa a população e condutores que nesta sexta-feira (16) o trecho de um lado da Avenida Joaquim Nelson no cruzamento com a rua Capitão Luiz Rodrigues Chaves será interditado no sentido Dirceu – Ladeira do Uruguai, na zona Sudeste de Teresina.

A interdição foi um pedido da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste, responsável pela obra de construção de uma canaleta aberta no local, para melhorias no saneamento básico da região. O período de interdição será de três dias, tendo início na sexta-feira (16) pela manhã, até a noite de domingo (18).

A gerente de Operações e Fiscalização de Trânsito da Strans, Carla Sales, orienta aos motoristas que necessitam trafegar neste trecho que recorram a rotas alternativas.

“O motorista que necessita seguir pela Avenida Joaquim Nelson no sentido Dirceu/Ladeira do Uruguai precisa dobrar à direita na rua Alexandre Gomes Chaves, dobrando a esquerda pela rua Adão Medeiros Soares e depois novamente à esquerda na rua Capitão Luís Rodrigues Chaves, e voltando novamente pela Avenida Joaquim Nelson, apenas um sentido da via será bloqueado”, orientou a gerente Carla Sales.

Os agentes de trânsito da Strans estarão no local do trecho interditado para orientar os condutores e auxiliar no fluxo de veículos nas imediações.

SAAD Sudeste divulga bairros que receberão equipes de limpeza nesta segunda (12)

Equipe de limpeza da SAAD Sudeste (Foto: Ascom/SAAD Sudeste)

A Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste, por meio de sua Gerência de Serviços Urbanos (GSU), executa nesta segunda-feira (12) os mais diversos serviços de limpeza em pontos de dez diferentes bairros da região. Os trabalhos incluem capina, varrição, roço, poda e recolhimento, além de desobstrução de bueiros e galerias.

A programação de limpeza urbana é elaborada anualmente e divulgada diariamente, estando sujeita a alterações, a depender do surgimento de novas demandas. Ela contempla todas as ruas, avenidas e logradouros da zona sudeste e prioriza os locais de maior movimento, como praças e parques, o entorno de prédios públicos, como hospitais e escolas, e os pontos onde o descarte irregular de lixo é mais frequente.

Com a aproximação do período chuvoso, os serviços têm sido intensificados, principalmente nos pontos que costumam apresentar mais problemas com as chuvas, como os bueiros, esgotos e galerias. “As equipes têm se empenhado, diariamente, em deixar nossa região o mais preparada possível para receber as chuvas. Estamos focados em reduzir ao máximo o lixo acumulado em pontos específicos, bem como em desobstruir todos os locais de fluxo de água e de esgoto”, explica o gerente da GSU, Gilberto José.

A Prefeitura Municipal de Teresina possui vários canais de contato abertos para que a população também contribua com a limpeza urbana, por meio de denúncias, solicitações e sugestões. Elas podem ser feitas presencialmente, por meio da abertura de protocolo na sede das superintendências, ou virtualmente, através do usuário externo no Sistema Eletrônico de Informações (SEI), que pode ser acessado AQUI.

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH), por meio do Programa Lixo Zero, também disponibiliza um canal no WhatsApp para onde as denúncias podem ser direcionadas. O número é 86 99402-3074 e a denúncia é anônima.

Cronograma de limpeza SAAD Sudeste:

Equipe A – Av. Padre Humberto – São Sebastião
Equipe B – Loteamento Manoel Evangelista
Equipes C e G – EXPOAPI, BR 343
Equipes D e E – Renascença I
Equipe F Volante – UBS Padre Mário Rocchi, Extrema
Equipe de praças – Praça do Novo Horizonte
Equipe de roço – Área verde da BR 343, Tancredo Neves
Equipe de poda – Colégio CNEC, São Sebastião
Equipe de galerias – Av. Reinaldo Evangelista, Loteamento Manoel Evangelista
Equipe de transbordo – Residencial Deus Quer
Equipe de poda em altura – Praça do Bambu, Dirceu II
Equipe F II – CMEI Jonas Pereira, Loteamento Manoel Evangelista

SAAD Sudeste intensifica a execução de serviços de limpeza em bueiros e galerias

 

SAAD Sudeste intensifica a execução de serviços de limpeza em bueiros e galerias. Foto (Ascom/Saad Sudeste)

A Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) sudeste, por meio de sua Gerência de Serviços Urbanos (GSU), já começou a executar as ações de prevenção aos problemas que podem ser causados pelo período chuvoso. A frequência dos serviços de limpeza urbana, por exemplo, principalmente em áreas de risco, aumentou nas últimas semanas.

As equipes da GSU têm priorizado os locais de maior circulação de pessoas, praças e entornos de escolas e mercados públicos, além de aumentarem a atenção a pontos que possuem fluxo de água, como bueiros e galerias. “Os bueiros e galerias precisam de cuidados especiais, porque costumam acumular muitos materiais, como lixo e mato. O risco de acontecerem acidentes e alagamentos durante as chuvas por conta de entupimento, principalmente, são muito grandes quando não se é realizada a manutenção correta”, destaca o gerente de Serviços Urbanos da SAAD Sudeste, Gilberto

As galerias estão no cronograma diário de serviços, com equipes que trabalham nesses locais de 6h30 às 12h, realizando uma limpeza completa. Varrição, campina, desentupimento e remoção de materiais são os principais trabalhos executados.

“A PMT tem investido cada vez mais em limpeza urbana, aumentando as equipes e priorizando pontos críticos. Uma coisa que a gente constata facilmente é que o trabalho realizado pela prefeitura tem que ser complementado pelo controle correto da produção e descarte de lixo pela população. Aproveitamos para reforçar o pedido para que as pessoas façam o descarte correto do seu lixo e denunciem quem joga lixo em espaços públicos”, ressalta o superintendente Zé Nito.

Denúncias e solicitações podem ser feitas presencialmente, por meio de abertura de protocolo na sede das superintendências, ou virtualmente, através do usuário externo no Sistema Eletrônico de Informações (SEI), que pode ser acessado AQUI (https://processoeletronico.pmt.pi.gov.br/sei/controlador_externo.php?acao=usuario_externo_logar&acao_origem=usuario_externo_gerar_senha&id_orgao_acesso_externo=0). A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH), por meio do Programa Lixo Zero, também disponibiliza um canal no WhatsApp para onde as denúncias podem ser direcionadas. O número é 86 99402-3074 e a denúncia é anônima.

SAAD Sudeste reforma a avenida Maria da Conceição no residencial Pedro Balzi

A Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste, está executando a restauração da avenida Maria da Conceição, no residencial Pedro Balzi. A via faz parte de um contrato que previa a reforma de 19 diferentes ruas da comunidade, sendo a avenida mais extensa e a última a receber as obras.

Os serviços realizados incluem a aplicação da pavimentação em paralelepípedo nos 7.420 m² de extensão da avenida, a limpeza completa de todo o local e as construções de sarjetas e de um bueiro duplo. Essas reformas buscam dirimir problemas antigos do local, como o acúmulo de esgoto e o crescimento acelerado da vegetação.

“A situação aqui era complicada, principalmente em época de chuva. Muito mato, buraco e esgoto se acumulando, tornando a rua praticamente intrafegável. Até os focos de dengue acabavam sendo muitos. Essa obra vai fazer uma grande diferença pra gente”, relata Denizart Silva, morador da região.

A PMT está investindo R$ 316.198,48 somente nas obras da avenida Maria da Conceição, mas o investimento previsto no contrato como um todo é de R$ 1.366.481,43. São 19 ruas, de um canto a outro do residencial Pedro Balzi, das quais 18 já foram finalizadas e entregues. A previsão de conclusão das obras é o início de dezembro de 2022.

Prefeitura instalou 18 academias populares na região Sudeste de Teresina

A PMT está investindo um total de R$ 1.030.805,97 nesse projeto Fotos(Ascom/Saad Sudeste)

A Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste, instalou 18 academias populares em diferentes bairros da região. Foram escolhidos locais estratégicos, de grande circulação de pessoas e de fácil acesso à população.

Todos os espaços contam com uma base em concreto, postes de iluminação, placas informativas e cada academia popular possui nove modelos de equipamentos feitos de aço inox, projetados para exercitar diferentes partes do corpo e oferecer à população a possibilidade da prática de atividade física ao ar livre. Esses locais trazem inúmeros benefícios aos usuários, como controle do peso, aumento da força e resistência muscular, combate ao sedentarismo, ansiedade e depressão. A maioria das academias foi instalada em 2021 e 2022.

O contrato previa a instalação inicial de 20 academias, número que foi expandido, no decorrer das obras, para 22. Desse total, 18 já estão instaladas, em pleno funcionamento e as quatro restantes serão montadas, nas próximas semanas, nos bairros: Gurupi, Dirceu I, Deus Quer e Verde Cap. A PMT está investindo um total de R$ 1.030.805,97 nesse projeto.

“Me exercitar na academia popular do calçadão da Noé Mendes já se tornou parte da minha rotina. Sempre que posso, vou com minha mãe e irmã fazer um pouco de exercício. Gosto do conceito dessas academias, o fato delas serem ao ar livre e gratuitas”, relata Ana Carolina Silva, moradora do Renascença II.