Parque Ambiental da Macaúba reabre e frequentadores cumprem orientações de segurança

Ascom/Semam

O Parque Ambiental da Macaúba, situado na zona Sul de Teresina, reabriu parcialmente para o público na manhã desta quinta-feira (06). Os frequentadores seguiram as medidas de segurança para minimizar os riscos de infecção pela Covid-19, como o uso obrigatório de máscara e respeito às demarcações feitas nos espaços para garantir a distância mínima.

Nesta semana, o local funcionará até sexta-feira (07), das 6h às 9h e das 16h às 19h. Essa limitação nos dias de reabertura deve-se ao prolongamento do lockdown parcial, que estabelece restrições das atividades econômicas e sociais nos dois primeiros finais de semana do mês de agosto, a fim de melhorar os índices de isolamento na cidade durante esse processo de retomada de diversos setores.

Logo na entrada, é disponibilizado álcool em gel para as pessoas e realizada checagem rápida de temperatura corporal com termômetro sem toque, bem como material para higienização das mãos nos banheiros. Atividades físicas como caminhadas, alongamentos, corridas e treinos funcionais podem ser praticadas livremente, exceto em grupo.

“Depois de quatro meses, volto ao parque com muita felicidade, porque esse espaço é uma maravilha, é a alma do bairro Macaúba e das comunidades vizinha. Estou gostando de ver a organização dessa reabertura e espero que todos sigam as regras“, conta Maria de Lourdes Mesquita, moradora da região e frequentadora do parque desde a inauguração, há aproximadamente um ano.

Segundo secretário municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM), Olavo Braz, a volta das atividades nos parques ambientais de Teresina exige muita cautela, pois esses espaços públicos são muito atrativos. “Os parques ambientais são espaços capazes de proporcionar mais qualidade de vida para a população, mas reabri-los para possibilitar tal benefício é algo que precisa ser feito de modo lento e responsável, pois ainda estamos em uma crise pandêmica. Todas as medidas que temos adotando nessa volta gradativa são norteadas pelos decretos municipais e estaduais, bem como as orientações do Comitê Gestor de Medidas para Enfrentamento da Pandemia Coronavírus, ligado à Prefeitura de Teresina”, explica o secretário.

O retorno das atividades dos parques ambientais está sendo guiado por um protocolo específico de medidas de segurança, higiene e comportamento, que visam reduzir as chances de infecção pela Covid-19, como o uso obrigatório de máscara e respeito às demarcações de distanciamento social. Em todas as áreas foram afixados cartazes com orientações básicas que devem ser cumpridas pelo público desses locais.

Nesse primeiro momento, apenas atividades físicas individuais poderão ser praticadas no local. A academia popular e o campo de futebol continuam vetados nesse primeiro momento, assim como a comercialização de produtos na parte interna e externa do parque ambiental.

Parque da Macaúba voltará a funcionar nesta quinta (06) e sexta-feira (07)

Ascom/Semam

O Parque Ambiental da Macaúba, localizado na zona Sul de Teresina, voltará a funcionar de forma parcial nesta semana, somente na quinta (06) e sexta-feira (07), das 6h às 9h e das 16h às 19h. Nesta primeira etapa de retorno, o local será aberto exclusivamente para a prática de atividades físicas individuais, seguindo um protocolo específico de medidas para reduzir os riscos de contágio pelo coronavírus.

Essa limitação nos dias de reabertura do parque deve-se ao prolongamento do lockdown parcial, que estabelece restrições das atividades econômicas e sociais nos dois primeiros finais de semana do mês de agosto, a fim de melhorar os índices de isolamento na cidade durante esse processo de retomada de diversos setores.

O secretário municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM), Olavo Braz, destaca que a reabertura do Parque da Macaúba acontecerá gradativamente, seguindo as determinações do Decreto Municipal 19.922/2020, que autoriza o retorno do funcionamento dos parques ambientais de Teresina.

“Assim como o Parque da Cidadania, aberto na semana passada, o Parque da Macaúba funcionará de modo parcial e com restrições, guiado pelo decreto que estabelece a retomada das atividades desses espaços, bem como de outros decretos municipais. Estamos seguindo as orientações repassadas pelo Comitê Gestor de Medidas para Enfrentamento da Pandemia Coronavírus, ligado à Prefeitura de Teresina”, pontua o secretário Olavo.

Os frequentadores deverão obedecer normas de higiene, segurança e comportamento, como o uso obrigatório de máscara para entrar e permanecer na área, e respeito às demarcações feitas nos espaços para garantir a distância mínima.

No parque, será disponibilizado álcool em gel, aferição de temperatura corporal com termômetro sem toque e produtos básicos de higienização das mãos nos banheiros. Além disso, em toda a área estão afixados alertas visuais, como placas, contendo orientações sobre as medidas que devem ser cumpridas pelo público.

Caminhadas, alongamentos, corridas e treinos funcionais estão entre as atividades físicas permitidas, desde que sejam realizadas individualmente e mantendo o distanciamento entre os praticantes.

A quadra esportiva e academia popular seguem com o uso vetado, além do quiosque de comercialização de lanches. A venda de quaisquer produtos na parte externa do parque também está proibida nesse primeiro momento.

Parque da Cidadania volta a funcionar de forma gradativa e sem aglomeração

O Parque da Cidadania, localizado no Centro de Teresina, voltou a funcionar na manhã desta quinta-feira (30), de forma gradativa e sem registro de aglomeração. Nesta semana, o local fica aberto apenas na quinta (30) e sexta-feira (31), das 6h às 9h e das 16h às 19h, com acesso restrito ao portão do estacionamento.

Caminhadas, corridas, alongamentos, circuitos, ciclismo e treinos funcionais estão entre as atividades físicas autorizadas, desde que sejam feitas individualmente, sem contato físico e mantendo o distanciamento entre os praticantes.

Ascom/Semam

Permanece proibido o uso das quadras esportivas, academia popular e playground, já que são estruturas de uso compartilhado e que não favorecem a manutenção das medidas de higiene e segurança. Os quiosques de vendas de alimentos e similares também continuam fechados até que sejam liberadas as atividades de lanchonetes e restaurantes. O comércio na parte externa do local também segue vetado. Por serem estruturas fechadas, a Galeria de Arte Santeira e o Museu do Inconsciente também permanecem com as atividades suspensas.

Ascom/Semam

“A decisão de abrir somente o Parque da Cidadania, nesse primeiro, é uma forma de precaução, justamente para observarmos como o público vai se comportar diante das normas estabelecidas por um protocolo elaborado especificamente para guiar a retomada das atividades físicas nesses espaços públicos. Além disso, estamos trabalhando em conformidade com os decretos municipais e orientações repassadas pelo Comitê de Enfrentamento à Covid-19 da Prefeitura de Teresina”, explicou o secretário municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM), Olavo Braz.

O coordenador de Parques Ambientais da SEMAM, Cláudio Roberto Morais, destaca que, após análise, serão definidas as etapas seguintes de reabertura dos parques públicos. “Isso vai depender do resultado que obtivermos nesses primeiros dias. Se ocorrer como planejamos, podemos providenciar a retomada do funcionamento de outros parques ambientais de Teresina”, pontua.

Ascom/Semam

Esse retorno gradativo envolve normas de comportamento, higiene e segurança, a fim de minimizar os riscos de contágio pelo Coronavírus, a exemplo do uso obrigatório de máscara para entrar e permanecer no espaço, respeito às demarcações feitas na área para garantir o distanciamento social e proibição de atividades em grupos.

Para garantir o cumprimento das regras estabelecidas pelo protocolo, agentes da Guarda Civil Municipal de Teresina estão presentes na área do parque, trabalhando com abordagens de caráter educativo. Além disso, uma equipe de profissionais de Educação de Física, ligados à Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL), está à disposição dos frequentadores para orientar sobre a prática de atividades físicas no local.

Ascom/Semam

Parque da Cidadania abrirá esta semana apenas na quinta e na sexta-feira

Ascom/Semam

Com prorrogação do lockdown parcial para os dois próximos finais de semana em Teresina, o Parque da Cidadania abrirá somente na quinta (30) e na sexta-feira (31), das 6h às 9h e das 16h às 19h. Nesta primeira etapa, apenas atividades físicas individuais poderão ser realizadas no parque.

A medida foi adotada após a publicação do decreto 19.945, que estabelece a continuidade das restrições para o funcionamento das atividades econômicas nos próximos dois finais de semana do mês de agosto. O objetivo é melhorar os índices de isolamento social na cidade, evitando a propagação do novo coronavírus durante o processo de reabertura gradual dos setores da economia.

O secretário municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM), Olavo Braz, destaca que o Parque da Cidadania permanece sendo o único a reabrir nesse primeiro momento e retorno está sendo guiado por um protocolo específico para minimizar os riscos de contágio pela Covid-19. “Além dessas limitações de dias e horários, o parque só poderá ser acessado pelo portão do estacionamento e terá sua capacidade de ocupação reduzida”, acrescenta.

Os frequentadores deverão cumprir regras de higiene, segurança e comportamento, a exemplo do uso obrigatório de máscara de proteção facial, respeito às demarcações feitas nos espaços para garantir o distanciamento social e a prática de atividades físicas individuais.

No parque também será disponibilizado álcool gel no portão de acesso e produtos básicos para higiene das mãos nos banheiros. Além disso, em toda a área serão afixados alertas visuais, como placas, contendo orientações para o público.

Caminhadas, corridas, alongamentos, circuitos, ciclismo e treinos funcionais estão entre as atividades físicas que podem ser realizadas, desde que sejam feitas individualmente, sem contato físico e mantendo o distanciamento entre os praticantes.

Permanece proibido o uso das quadras esportivas, academia popular e playground, já que são estruturas de uso compartilhado e que não favorecem a manutenção das medidas de higiene e segurança. Os quiosques de vendas de alimentos e similares também continuam fechados até que sejam liberadas as atividades de lanchonetes e restaurantes. Está proibido o comércio na parte externa do local.

Por serem estruturas fechadas, a Galeria de Arte Santeira e o Museu do Inconsciente também permanecem com as atividades suspensas.

Prefeitura vai abrir apenas Parque da Cidadania na próxima semana

Rômulo Piauilino

O Parque da Cidadania será o único a abrir na próxima semana, quando for iniciada a Fase 2 da retomada das atividades econômicas em Teresina. A reabertura acontecerá de forma experimental no dia 30 de julho, com limite de dias e horas de funcionamento, além de seguir um protocolo específico de medidas para minimizar os riscos de contágio pela Covid-19. Os demais parques seguem fechados.

De acordo com o secretário municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM), Olavo Braz, a decisão de abrir somente o Parque da Cidadania nesse primeiro momento deve-se à necessidade de observar o comportamento dos visitantes em relação às medidas restritivas. “Essa reabertura acontecerá de modo parcial, seguindo uma série de exigências, a fim de proporcionar mais bem estar e segurança aos visitantes. Esperamos contar com a colaboração dos frequentadores para que essa volta ocorra da forma tranquila. Assim, podemos planejar a abertura dos demais parques”, reforça o gestor.

No Parque da Cidadania será permitida, exclusivamente, a realização de atividades físicas e individuais ao ar livre. O local só abrirá de quinta a domingo, durante seis horas diárias (das 6h às 9h e das 16h às 19h), com ocupação de até 50% das áreas. O acesso ao espaço será feito somente pelo portão próximo ao estacionamento.

Quem for ao parque deverá cumprir normas de comportamento, higiene e segurança, tais como: o uso obrigatório de máscara de proteção facial para entrar e permanecer no local, respeito às demarcações feitas nos espaços para garantir o distanciamento e realização de atividades físicas de modo individualizado. No parque também será disponibilizado álcool gel no portão de acesso e produtos básicos para higiene das mãos nos banheiros. Além disso, em toda a área serão afixados alertas visuais, como placas e cartazes, contendo orientações para o público.

Caminhadas, corridas, alongamentos, circuitos, ciclismo e treinos funcionais, por exemplo, estão entre as atividades físicas que podem ser realizadas. A exigência é que sejam feitas de modo individual para evitar contato físico e mantendo o distanciamento de dois metros entre os praticantes.

Permanece proibido o uso das quadras esportivas, academia popular e playground, já que são estruturas de uso compartilhado e que não favorecem a manutenção das medidas de higiene e segurança. “Além disso, seguem fechados os quiosques de vendas de alimentos e similares e fica proibido o comércio irregular na parte externa do local”, esclarece Olavo Braz.

Dia do Meio Ambiente: Praça que teve árvores cortadas ilegalmente é rearborizada com ipês

Ascom/Semam

Neste Dia Mundial do Meio Ambiente (5), o alerta sobre a necessidade de cuidar mais do nosso patrimônio natural foi protagonizado por moradores do bairro Saci, zona Sul de Teresina. Com o apoio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM), eles plantaram cerca de vinte ipês brancos para recompor a vegetação da Praça Gentil Macêdo, que há mais de um ano estava sem cobertura verde em decorrência do corte ilegal de diversas árvores.

A praça foi inaugurada há aproximadamente 37 anos e é um dos pontos de socialização da comunidade que reside no seu entorno, que vivia descontente com a situação da área pública.

Para o secretário da SEMAM, Olavo Braz, a ação mostra a importância do esforço coletivo para preservar o meio ambiente, aliando o anseio de uma comunidade ao papel da gestão pública. “Nessa data em que o mundo volta seu olhar para a questão ambiental, decidimos apoiar essa ação para mostrar que todos podem, por meio de atitudes simples, contribuir para preservar o meio ambiente, e que o esforço não deve partir somente do poder público, já que os benefícios são universais”, pontua.

A ação dos moradores foi mobilizada com o empenho do ambientalista Dionísio Neto, que também inseriu mudas de árvores nativas em outros pontos da região.

Sobre o Dia Mundial do Meio Ambiente

O Dia Mundial do Meio Ambiente foi criado em 5 de junho de 1972, em virtude da Conferência de Estocolmo, a primeira das Conferências das Nações Unidas sobre o ambiente humano.

A data tem o propósito de chamar atenção da sociedade sobre a importância do uso saudável e sustentável do planeta e de seus recursos, por isso, nesse dia devem ser realizadas atividades de proteção e preservação ambiental.

SEMAM otimiza arborização na área do Hospital de Campanha na UFPI

Ascom/Semam

As árvores tornam os espaços mais saudáveis, aconchegantes e esteticamente agradáveis, proporcionando, por exemplo, efeitos positivos na saúde mental. Considerando esses benefícios, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM) tem otimizado a arborização no entorno do hospital de campanha na Universidade Federal do Piauí (UFPI), unidade que tem sido preparada pelo município para garantir assistência aos pacientes acometidos pelo novo coronavírus (Covid-19).

A ação ambiental, comandada por técnicos da divisão de monitoramento da SEMAM, já resultou no plantio de aproximadamente 90 árvores, entre espécies nativas e ornamentais, como palmeira, ipê e flamboyant. Além de inserir novas mudas, a equipe também fez a reposição de árvores comprometidas que existiam na área.

De acordo com o titular da pasta, Olavo Braz, essa foi uma das medidas que o órgão encontrou, dentro da sua competência, para contribuir com esse delicado momento de combate à pandemia, aliado a um trabalho de arborização da cidade que já vinha sendo realizado em parceria com a UFPI.

“Esperamos que essas árvores tornem o local mais acolhedor e confortável para receber os profissionais e usuários dessa unidade provisória de saúde, mas, antes disso, desejamos que esse hospital não precise ser utilizado. Em cada árvore inserida também plantamos o nosso sentimento de esperança, acreditando que dias melhores estão por vir e que o bem-estar coletivo volte a florescer o mais breve possível”, pontua o secretário Olavo.

A estrutura desse hospital de campanha está instalada no Centro de Treinamento de Badminton, que integra o Setor de Esportes da referida instituição de ensino superior. A área foi cedida temporariamente para a Prefeitura Municipal de Teresina abrigar essa unidade de tratamento, composta por 88 leitos, que enquadrará casos de baixa e média complexidade decorrentes da Covid-19.

SEMAM orienta que população utilize plataformas digitais para solicitar e acompanhar demandas

As plataformas digitais têm sido aliadas para estreitar o contato da população com a Prefeitura de Teresina durante esse delicado período de enfrentamento ao avanço do novo Coronavírus (COVID-19), em que a regra é favorecer o recolhimento domiciliar e manter somente os serviços indispensáveis. Por isso, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM), para continuar oferecendo seu trabalho com segurança, orienta que o público busque os sistemas eletrônicos, a exemplo do Teresinense Digital, Piauí Digital, Construa Fácil, SLIC Teresina e Colab, para solicitar e acompanhar o andamento das suas demandas.

Além disso, aqueles que possuem processo administrativo físico em tramitação no órgão devem buscar mais informações por meio dos seguintes e-mails e telefones: gmacentral@gmail.com / (86) 9.9803-9203; monitoramentosemam2017@gmail.com (86) 9.9529-3566; licenciamentosaude@gmail.com (86) 9.8847-0155; obras.semam@gmail.com e mineracao.semam@gmail.com.

Para quem deseja fazer consultas de viabilidade ambiental, pedidos de fiscalização e solicitar autorizações para poda ou supressão vegetal, podem fazê-los por meio do Teresinense Digital, acessando o seguinte link: https://pmt.pi.gov.br/teresinensedigital/. No caso das emissões de Licença Prévia ou de Instalação, os interessados devem buscar pelo sistema Construa Fácil (http://construafacil.semf.teresina.pi.gov.br/).

Já os processos de emissão da primeira Licença de Operação devem ser feitos pelo Piauí Digital (http://www.piauidigital.pi.gov.br/). Para as emissões de renovação de Licença de Operação, a ferramenta disponível é o sistema SLIC Teresina (http://slic.semf.teresina.pi.gov.br/).

Outro recurso digital é o aplicativo Colab, que permite à população comunicar diretamente aos órgãos públicos os problemas do seu bairro, contribuindo para uma gestão mais participativa no município de Teresina. Após baixar o app gratuitamente nas lojas virtuais da Google (Play Store) e da Apple (App Store), o usuário precisa fazer um cadastro simples, e, em seguida, inserir imagem, localização e descrição da sua demanda.

De acordo com o secretário executivo da SEMAM, Claudinei Feitosa, o atendimento presencial na sede da pasta acontecerá somente em situação excepcional, nas terças e quintas-feiras, das 9 às 11 horas.