Alunos da Escola Municipal Valter Alencar participam da última revisão antes da prova do Saeb

Os alunos da Escola Municipal Valter Alencar estão na reta final de preparação para a prova do Saeb, o Sistema de Avaliação da Educação Básica, que nessa escola acontece segunda-feira (29). As provas estão sendo aplicadas em datas diferentes em cada unidade de ensino do Brasil, até o dia 10 de dezembro. Nesta sexta-feira (26), a escola, localizada no Planalto Uruguai, realizou uma mega revisão no pátio.

Fotos: Ascom Semec

A avaliação permite que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) realize um diagnóstico da educação básica brasileira e de fatores que podem interferir no desempenho do estudante. O resultado será um indicativo da qualidade do ensino e oferece subsídios para a elaboração, o monitoramento e o aprimoramento de políticas educacionais com base em evidências.

Na revisão da E.M. Valter Alencar, professores da unidade de ensino e convidados relembraram os principais conteúdos cobrados na prova do Saeb. De acordo com a diretora Erika Louise, 95 alunos do 9º ano participaram da atividade. “Trouxemos os melhores professores de língua portuguesa e matemática para reforçar o conteúdo com os alunos, resolvendo questões e dando aquela força de motivação”, disse a gestora.

Um dos convidados foi o professor de matemática Jailson Ramos, que preparou um material exclusivo para a turma. “Abordamos um conteúdo diversificado para garantir que se saiam bem na prova”, disse o professor.

O secretário executivo de Ensino, Kleytton dos Santos, esteve na escola conferindo de perto o momento de revisão. Kleytton conversou com os alunos e explicou a importância dessa avaliação. “Vocês são responsáveis pelo sucesso da escola de vocês. Estão preparados e vão mostrar que Teresina tem um ensino de qualidade. Boa prova, eu acredito em vocês”, finalizou o secretário de Ensino.

Dr. Pessoa autoriza reconstrução de Escola Ambiental 15 de Outubro, na zona Norte de Teresina

Dr. Pessoa lamentou a situação em que se encontra hoje, o prédio da Escola Ambiental 15 de Outubro Fotos(Rômulo Piauilino/Semcom)

Abandonada há mais de seis anos, a Escola Ambiental 15 de Outubro, localizada ao lado do Parque da Cidade, na zona Norte de Teresina, será completamente reconstruída pela nova gestão municipal. A ordem de serviço da obra, já licitada, será assinada nos próximos dias pelo prefeito Dr. Pessoa, que esteve com sua equipe administrativa, na manhã desta sexta-feira (26), no local.

Durante a vistoria, Dr. Pessoa lamentou a situação em que se encontrava o prédio, completamente deteriorado e esquecido por antigos gestores. “É um descaso. Apesar de antes dizerem que havia uma administração voltada para a educação de qualidade, o que vemos aqui é abandono, uma tristeza. Agora vamos tocar essa obra, pois não se deve abandonar escolas e o ensino”, afirmou.

O projeto da nova unidade, um investimento de R$ 26 milhões com recursos do Tesouro Municipal, prevê vagas para cerca de 980 alunos, do 1º ao 9º ano escolar, em um regime de ensino em tempo integral. Além disso, serão 13 salas de aulas climatizadas, corredores com passarelas adaptadas e uma quadra poliesportiva completa, em um espaço sustentável completamente integrado com a natureza.

“A construção dessa grande escola atende uma demanda da população e moradores desta região que, atualmente, não por decisão dessa gestão, está sendo deslocada para escolas mais distantes para conseguir ter acesso ao ensino público. O prefeito se comprometeu com essa obra, trazendo bem-estar para as crianças e integrando a escola ao parque, outra coisa muito importante”, concluiu Nouga Cardoso, secretário municipal de Educação.

Programa de alfabetização de Teresina é escolhido como modelo para apresentação em Congresso de Educação em Porto Velho

A educação de Teresina tem resultados que impressionam Brasil afora. É o caso do Programa Alfabetiza Teresina, que está sendo apresentado como modelo de alfabetização no V Congresso Municipal de Educação de Porto Velho. O secretário executivo de Ensino da Secretaria Municipal de Educação (Semec), Kleytton dos Santos, embarcou para Rondônia para apresentar aos congressistas, nesta quinta-feira (25), dados sobre as estratégias para a educação na idade certa.

O programa vem sendo desenvolvido na Rede Municipal de Ensino desde 2018, em turmas do II Período da Educação Infantil, além do 1º e 2º ano do Ensino Fundamental. A ação alcança 25.443 alunos e envolve monitoramento, formação, avaliação, um plano de ensino bem estruturado e expectativas de aprendizagem.

Fotos: Ascom Semec

“Em Teresina, a preparação dos alunos para a alfabetização começa aos 5 anos de idade, respeitando o processo de direitos de aprendizagem e desenvolvimento alinhados à BNCC. Fomos convidados para apresentar como isso funciona com sucesso, alcançando ótimos índices de alfabetização na etapa certa”, disse o secretário Kleytton.

De acordo com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), a alfabetização das crianças deverá ocorrer até o segundo ano do ensino fundamental, com o objetivo de garantir o direito fundamental de aprender a ler e escrever.

Dr. Pessoa autoriza concurso público para a contratação de 1.114 professores

A Prefeitura de Teresina, através da Secretaria Municipal de Educação (Semec), vai realizar concurso público para a contratação de 1.114 professores efetivos e 27 vagas para a contratação de psicólogos, assistentes sociais e nutricionistas. O prefeito Dr. Pessoa autorizou, nesta quarta-feira, 24, a formação de uma comissão que irá analisar como vai se dar o certame para 2022.

“Temos um compromisso com a educação de Teresina. É somente através da educação que daremos uma vida melhor para todas as pessoas que moram na nossa cidade. Já autorizei a formação de uma comissão para fazer todas as tratativas sobre o processo do concurso”, disse o prefeito.

Os salários previstos variam de R$ 2,4 mil para jornada de 20 horas a R$ 4,8 mil para uma jornada de 40 horas. Está prevista a contratação de professores de religião, educação artística, educação física, português, matemática, química, geografia.

De acordo com o secretário da Semec, Nouga Cardoso, foi criada uma comissão especial para a definição das disciplinas, diagnosticando, que, na verdade, são 1.114 vagas para professores e 27 direcionadas a contratação de psicólogos, assistentes sociais e nutricionistas.

“Tão logo assumiu, Dr. Pessoa determinou a contratação de todos os professores que estavam aprovados em concursos para efetivos e que ainda não haviam sido chamados. Também chamou os professores substitutos que haviam sido selecionados. Além disso, autorizou a realização de seletivo para 340 vagas de quadros de reserva de professores para que fosse sanada a situação do déficit de professores”, disse o secretário.

Até o final do ano, será feita a contratação de docentes para atender todas as escolas. “Todas as áreas do conhecimento serão contempladas. É preciso que as vagas dos substitutos sejam preenchidas e também as vagas da expansão das redes. Inauguramos uma série de CMEIS que geram vagas para o sistema. E ainda temos, em curto prazo, a perspectiva da inauguração de muitos CMEIS. Dr. Pessoa quer que regularizemos essa situação”, disse Nouga Cardoso.

Secretário de Educação visita unidades de ensino da zona Leste de Teresina

O secretário municipal de Educação, professor Nouga Cardoso, acompanhado da equipe técnica da Secretaria Municipal de Educação (Semec), juntamente com o vereador Luís André, estiveram na manhã desta quarta-feira (24,) visitando o Centro Municipal de Educação Infantil Dom Avelar e a Escola Municipal Vereador José Ommati, ambos na zona leste de Teresina.
As visitas às unidades de ensino da Rede Municipal é uma das prioridades do secretário que tem intensificado as ações nos últimos três meses. De acordo com ele, as visitam têm aproximado muito gestão do ensino. É uma oportunidade para verificar, senti o dia-a-dia nas escolas, o contato presencial com professores, alunos e colaboradores. A cada visita, registramos as necessidades mais imediatas que fazem parte de relatórios que apresentamos ao prefeito Dr. Pessoa”, ressalta o professor Nouga Cardoso.

Fotos: Ascom Semec

Juntos as escolas, o secretário e equipe técnica buscam ouvir as diversas solicitações da direção das instituições, assim como apresentar resoluções às demandas apresentadas. As visitas os cmei’s e escolas já fazem parte da agenda diária da Semec. As solicitações das comunidades escolares são analisadas e as necessidades imediatas são encaminhadas para resoluções.
O Cmei Dom Avelar atende 106 alunos nos turnos manhã e tarde. A diretora Valnizia Oliveira solicitou melhorias na infraestrutura do prédio. Foi sugerida ao secretário a implantação de um espaço de lazer para as crianças. O setor de engenharia irá analisar a viabilidade da proposta.

Já na Escola Municipal Vereador José Ommati, a diretora Patrícia Rodrigues, destacou como principal necessidade a reposição de carteiras e a construção de um estacionamento. Ela falou, ainda, sobre a visita do secretário. “É muito importante a vinda do secretário junto a nossa escola para que possa conhecer a realidade e juntos estarmos melhorando o funcionamento dela”, afirma.

Para o vereador Luís André as visitas às unidades de ensino são muito importantes. “É mais uma oportunidade que temos para ouvir as comunidades, afim de buscarmos soluções para as necessidades imediatas. Educação é o inicio da caminhada de qualquer cidadão”, destaca Luís André.

Escolas municipais de Teresina farão monitoramento do Programa Educação Conectada

Definir os detalhes da instalação de medidores para acompanhar a qualidade da internet que vem sendo ofertada nas escolas municipais de Teresina que participam do Programa Educação Conectada. Este foi o objetivo de um encontro ocorrido na manhã de hoje (23) entre o Núcleo de Tecnologia Educacional de Teresina – NTHE e a Gerência de Ensino da Secretaria Municipal de Educação (Semec).

“Através deste programa as escolas recebem recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para aplicarem em atividades desenvolvidas pelos alunos com um olhar pedagógico sobre o uso de novas ferramentas. Com a implementação desses medidores teremos como acompanhar e melhorar o sinal de internet que chega nas escolas”, explica o secretário executivo de Ensino da Semec, Kleytton dos Santos.

Atualmente participam do Programa Educação Conectada 202 escolas da rede municipal de ensino de Teresina. O programa tem como principal objetivo o apoio à universalização do acesso à internet de alta velocidade e o fomento ao uso pedagógico de tecnologias digitais na Educação Básica.

Alunos expõe brinquedos ecológicos em feira na Escola Municipal Murilo Braga

Os alunos da Escola Municipal Murilo Braga apresentaram o resultado da oficina de confecção de brinquedos ecológicos, uma parceria da Secretaria Municipal de Educação (Semec) com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

“O projeto propôs a capacitação de professores através de oficinas realizadas pelo Sebrae para que eles pudessem habilitar os alunos do ensino fundamental com noções de empreendedorismo, para que a partir daí eles venham a desenvolver produtos de material reciclado para serem comercializados, gerando oportunidades”, explica a diretora Noranei Pacheco”.

Participaram das oficinas alunos do 3º ano do ensino fundamental que confeccionaram os brinquedos e durante a feira se dividiram nas funções de colaboradores, caixa e gerente, simulando o ambiente de uma loja. “Ter esse ensino do que é ser um empreendedor desde o ensino infantil é muito importante porque vai refletir na vida deles lá na frente”, acredita a professora Valquíria Costa, uma das responsáveis pela oficina.

“Na produção dos brinquedos, os alunos desenvolvem a criatividade, a colaboração, o trabalho em equipe e aprendem a dar valor aos produtos que fizeram”, diz a professora Cristiane Barbosa, outra educadora que realizou a oficina com os alunos.

Escola Municipal Conselheiro Saraiva homenageia alunos vencedores em olimpíadas

Um sentimento de dever cumprido e a certeza de estar no caminho certo. É assim que Edivaldo Pereira dos Santos, um professor de Matemática, conhecido como “Edy”, comemora as conquistas de seus alunos nas olímpiadas nacionais de Matemática, durante solenidade de homenagem na manhã desta terça-feira (23), na Escola Municipal Conselheiro Saraiva. Um total de 20 alunos receberam medalhas e certificados pela participação e premiações nas etapas de olimpíadas realizadas em 2020 e 2021.

Secretário Nouga Cardoso com Hedys Alves Silva, aluno ouro / fotos: Ascom Semec

A solenidade contou com a presença do secretário municipal de Educação de Teresina, Professor Nouga Cardoso, acompanhado da equipe técnica da Semec. A cerimônia de homenagem aconteceu no pátio da escola que contou com a presença dos alunos, pais e professores. Os alunos participaram da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP); Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astro náutica (OBA) e da Olimpíada Canguru, que foram frutos do projeto de incentivo as Olimpíadas do Conhecimento desenvolvido pela equipe da Escola Municipal Conselheiro Saraiva.

A escola que fica localizada na zona Rural Norte de Teresina atende cerca de 520 alunos nos turnos manhã e tarde. No turno da noite, são ofertadas aulas paras as turmas de educação de jovens e adultos (EJA). Em 2013, teve início um projeto com o objetivo de incentivar os alunos a participarem mais efetivamente de aulas nas áreas de Matemática, Ciência e Astronomia. A partir daí, os alunos foram incentivados a disputarem as Olimpíadas do Conhecimento envolvendo os professores da escola. Um pontapé inicial para revelar diversos medalhistas que elevaram o nome da educação de Teresina.

O Secretário de Educação, Professor Nouga Cardoso, destaca a importância de prestigiar e reconhecer os alunos que se destacaram em competições. “A escola Conselheiro Saraiva é um exemplo para toda rede municipal de ensino. Temos hoje o aluno ouro na Olimpíada Canguru que disputou com alunos do Brasil inteiro, tanto de escolas públicas como privadas. Uma demonstração da qualidade do nosso ensino municipal que conta com professores qualificados que buscam no dia-a-dia, formar cidadão para o mundo. Nos sentimos honrados em ter alunos e professores compromissados com o conhecimento”, enfatiza Nouga Cardoso.

O secretário se refere ao estudante do 9º ano da Escola Conselheiro Saraiva, Hedys Alves da Silva, que conquistou o primeiro lugar, com medalha de ouro na Olimpíada Canguru, 2021. “Devo tudo ao incentivo de minha mãe e ao professor Edy que chamo de Pai. Quando eu imaginava que não iria conquistar mais passos para o meu futuro, eles demonstraram amor e perseverança comigo. Agradeço muito à escola e professores pelo incentivo diário, mesmo quando estávamos com aulas online, por conta da Pandemia. Disputei com estudantes do Brasil inteiro, com aqueles que estudam em escolas particulares e públicas e busquei demonstrar todo o meu conhecimento, alcançando uma vitória para mim, minha família, meus professores, minha escola, meus amigos e minha cidade Teresina”, diz com muito entusiasmo Hedys Alves que acaba de ganhar uma bolsa integral em escola particular de Teresina, para cursar o ensino médio.

O diretor da Conselheiro Saraiva José Israel ressaltou a qualidade dos alunos que participam das Olimpíadas, do mérito alcançando por cada participante fruto do trabalho desenvolvido por toda comunidade escolar especialmente os professores que se dedicam com bastante esmero para consolidação de bons resultados. “Nossos alunos são nosso mérito maior. A cada conquista, uma emoção que nos invade. Somos gratos e continuaremos incentivando nossos alunos”, disse José Israel.

Escola Municipal Laurindo de Castro apoia alunos na superação de dificuldades com leitura e escrita

Para que todos os alunos tenham as mesmas chances de aprendizado, a Secretaria Municipal de Educação (Semec) realiza o programa do Governo Federal, Tempo de Aprender. As unidades de ensino recebem um reforço na alfabetização por meio da formação pedagógica, material didático exclusivo e uma atenção individualizada aos alunos.

Foto: Ascom Semec

“O programa Tempo de Aprender abre meios de melhorar a qualidade da alfabetização nas escolas. Para isso, o programa realiza ações que atuam no sentido de aprimorar a formação pedagógica e gerencial de docentes e gestores; disponibilizar materiais e recursos baseados em evidências científicas para alunos, professores e gestores educacionais. Estamos sempre trabalhando o aprendizado de nossos alunos”, enfatiza o secretário municipal de Educação, professor Nouga Cardoso.

Na Escola Municipal Laurindo de Castro, situada no Povoado Santa Luz, o programa vem trazendo resultados positivos com alunos do 1º e 2º ano do Ensino Fundamental que ainda não atingiram as habilidades esperadas em leitura e escrita. No contraturno escolar, esses alunos são convidados a participar de atividades diversificadas.

“Superamos essas dificuldades de aprendizagem na alfabetização quebrando a rotina de sala de aula, dando mais oportunidades para que aprendam brincando. O retorno com o Tempo de Aprender tem sido positivo, estamos trabalhando e usando bastante a criatividade para apoiar aluno por aluno nessa etapa de alfabetização”, relata a diretora Raimunda Resende.

Escolas municipais podem inscrever alunos no Festival Paralímpico

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) abriu inscrições para o Festival Paralímpico 2021, que acontecerá no dia 4 de dezembro. O evento será realizado simultaneamente em 70 cidades de 25 estados e do Distrito Federal. São experimentações de esportes paralímpicos para crianças de 8 a 17 anos, com e sem deficiência físico-motora, visual ou intelectual.

Em Teresina, o Festival contará com o apoio da Secretaria Municipal de Educação (Semec), por meio da Divisão de Educação Inclusiva, e da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel). Os alunos serão divididos por faixa etária e participarão de atividades que condizem com a idade, somando três grupos no dia.

O evento acontecerá de 8h às 12h, no Sesc Ilhotas. As inscrições são via WhatsApp, com o coordenador do Carlinhos: (86) 99843-2502.