6ª edição do Festival Metal Solidário acontece neste sábado (02)

Teresina recebe neste sábado (02), a 6ª edição do Festival de Música “Metal Solidário”, que será realizado no Teatro do Boi, localizado no bairro Matadouro, zona Norte da capital. O festival que inicia às 18h, busca incentivar a cena cultural local e arrecadar alimentos para entidades que ajudam pessoas carentes.

Ao longo das últimas cinco edições, o evento que já arrecadou mais de quatro toneladas de alimentos não perecíveis, terá nesta edição entrada limitada, sendo que para obter o acesso ao evento será obrigatório a apresentação da carteira de vacinação, uso de máscaras e a doação de 1kg de alimento não perecível.

Um dos organizadores do festival, o produtor cultural Ednardo Leão, conta que é gratificante organizar um evento que tenha como objetivo ajudar ao próximo e que este ano serão beneficiadas as pessoas da terceira idade que residem no Abrigo Manaim, na região do Porto Alegre, na zona Sul.

“É muito prazeroso fazer esse tipo de atividade, pois além de fomentar a cultura em nosso município, trabalhamos o lado social, ajudando aqueles que mais precisam de ajuda para manter a alimentação básica”, conta Ednardo Leão.

A primeira edição do Festival Metal Solidário aconteceu em uma boate da capital em 2016 e que agora com o apoio da Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o evento ganha uma maior visibilidade.

 

 

 

Line-Up do Festival Metal Solidário:

Deguella (NewMetal/Hardcore)

Into Moprhin (Death/Doom Metal)

Scrok (Thrash Metal – MA)

Obtus (Hardcore/Crossover).

Dia Nacional do bumba meu boi é comemorado com atividades no Teatro do Boi

Dentro das atividades do Festival Junino de Teresina, um evento comemorativo em alusão ao Dia do bumba meu Boi, foi realizado nessa terça-feira (29). A comemoração nacional ocorre no dia 30 de junho, mas na capital piauiense, o evento foi antecipado para que não houvesse aglomerações no Teatro do Boi, localizado na zona Norte.

Fotos: Gustavo Cipriano

O pequeno público presente pode acompanhar o batizado e a morte do boi, encenados por seis grupos oriundos de vários pontos da cidade. Ainda ocorreram apresentações de grupos de danças e quadrilhas juninas.

O presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves Monsenhor Chaves, Scheyvan Lima, comenta que o Festival Junino de Teresina acontece em um formato dinâmico, isso para não ter aglomerações.

“A população de Teresina respeita movimento junino, por isso tivemos todo um cuidado na realização dessas atividades”, comenta Scheyvan Lima, enfatizando ainda que a gestão municipal pretende dar mais apoio aos movimentos culturais.

O Festival Junino de Teresina encerra nesta quarta-feira (30) com a realização de diversas atrações culturais na Praça Rio Branco, no Centro de Teresina. Para acompanhar as ações culturais desenvolvidas pela gestão municipal, acesse o site cultura.teresina.pi.gov.br.

Novo diretor do Teatro do Boi promete gestão compartilhada com artistas

Um dos espaços culturais mais tradicionais de Teresina começa o ano de 2021 com nova direção. O Teatro do Boi, localizado na zona Norte da capital tem agora como novo diretor, Josué Nunes, que na cerimônia de posse prometeu aliar as suas experiências com as atividades desenvolvidas na casa de espetáculos.

De acordo com Josué Nunes, a nova gestão terá como foco a ampliação do acesso à cultura e ainda uma maior aproximação com a classe artista da região. “Fiquei muito grato pelo convite e espero contribuir com a sociedade e a classe artística. Sei que enfrentarei alguns desafios, mas irei me empenhar para desenvolver grandes trabalhos no espaço”, afirma Josué Nunes.

O Teatro do Boi é mantido pela Prefeitura de Teresina, através da Fundação Monsenhor Chaves (FMC), e há 33 anos desempenha um importante trabalho artístico na região Norte da cidade promovendo uma vasta programação de eventos e oficinas de arte ao longo de todo o ano.

Para mais informações sobre as atividades desenvolvidas no Teatro do Boi, acesse o site fcmc.pmt.pi.gov.br.

Novo diretor do Teatro do Boi, Josué Nunes, tomou posse hoje Foto: (Ascom/FMC)

Teatro do Boi realiza programação online para comemorar aniversário

Durante o mês de agosto, o Teatro do Boi estará com uma extensa programação para a comemoração dos seus 33 anos de contribuição cultural, mas desta vez, através da internet, levando em conta as recomendações de isolamento social devido a pandemia de Covid-19. Serão realizadas diversas lives na rede social (@teatrodoboi) com a participação de pessoas que fazem o espaço e algumas apresentações.

As atividades iniciam nesta segunda, 03, e seguem até o dia 15 de agosto, data de aniversário do Teatro. “Em seus 33 anos de história, o Teatro foi responsável pela iniciação de muitos jovens e formação de diversos artistas da nossa cidade. É um importante instrumento de fomento da cultura e, principalmente do nosso folclore”, destaca Luis Carlos Alves, presidente da Fundação Monsenhor Chaves.

A programação desta semana destaca a história e a importância do Teatro na cidade, com a divulgação de depoimentos de pessoas que contribuem para a preservação do local. Na próxima semana, serão realizadas lives e publicados vídeos sobre as ações do teatro, encerrando com apresentações online de capoeira, dança e declamação de poema.

Localizado no bairro Matadouro e mantido pela Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Monsenhor Chaves, o Teatro do Boi é uma das mais tradicionais ferramentas culturais da cidade oferecendo diversas atividades como oficinas de dança, teatro, música, artes visuais, capoeira, exposições, bem como a realização de diversos eventos e a apresentação de espetáculos, proporcionando uma das mais fortes expressões de cultura da zona Norte.

Teresina é toda arte com programação especial no mês de aniversário

Rômulo Piauilino

Teresina completa 167 anos na próxima sexta-feira (16). Pensando nisso, durante todo o mês de agosto, a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC) realiza uma programação especial em comemoração. Espaços como o Teatro Municipal João Paulo II e o Teatro do Boi desenvolvem atividades que integram os cidadãos no âmbito cultural e social.

Para o presidente da FMC, Luís Carlos, este é um importante momento não só para a cidade, mas também para a instituição. “Nos seus 167 anos, Teresina merece mostrar a sua arte, um pouco da sua cultura. E durante o mês de agosto, vamos apresentar um pouco do que temos, dos projetos que a Prefeitura mantém e, principalmente, o talento dos teresinenses. Vamos mostrar que Teresina é toda arte”, disse.

Nesta tarde (13), em comemoração aos 14 anos do Teatro João Paulo II, a partir das 17h30, será realizada uma ação cultural no calçadão do teatro. Com entrada gratuita, o evento terá as apresentações de “O Jacá do Caburé”, de Caburé e Cia, a Banda Acácias, Balé da Cidade de Teresina, Banda Escola “Maestro Duda”, CEFTI Raldir Cavalcante Bastos. Além disso, serão expostas telas de caricaturas por Ahmed Samir, artesanato, bijouterias, souveniers, bordados e bonecas, alfabetização do corpo e Eryca Teixeira performance “Ninfa”.

Na quarta-feira (14), de 09h às 13h, a Praça Rio Branco será palco do Cinema no Passeio. O projeto, inteiramente gratuito, consiste na exibição de produções audiovisuais durante todas as quartas-feiras do mês. E pela tarde, a partir das 18h, Teresina recebe o Festival Food Truck no estacionamento da Ponte Estaiada. O evento é o maior da América Latina e traz, além dos mais variados sabores gastronômicos, várias atrações musicais. Com entrada livre, o festival vai até 20 de agosto.

Na quinta-feira (15), é a vez do Teatro do Boi celebrar o seu aniversário. E como parte da comemoração dos seus 32° anos, acontece o espetáculo do Grupo Vagão, coletivo que engloba música, mágica e improvisação trazendo toques da cultura piauiense. Além disso, terão também apresentações das bandas Escola Luiz Gonzaga e Os Caiporas, dos grupos de Dança e Baile do Teatro do Boi, compostos por alunos das oficinas oferecidas pela própria casa. A entrada é franca.

Na sexta-feira (16), o Teatro do Boi realiza, também, o IV Festival de Grafite. Com entrada gratuita, a edição visa homenagear a cidade e fortalecer, ainda mais, a cultura da arte urbana e o Hip-Hop no cenário local. O festival pretende trazer uma reflexão da prática das artes do grafite, da tatuagem, da xilogravura, da caricatura e das artes plásticas.

Teatro do Boi recebe aula magna com artista plástica Eulália Pessoa

Tela de Eulália Pessoa. (Foto: Reprodução)

O Teatro do Boi receberá “Aula Magna” com a artista visual Eulália Pessoa, que discorrerá sobre sua trajetória de vida nas artes. O evento, que tem o apoio da Fundação Monsenhor Chaves, será realizado na quinta-feira, 30, às 19h.

Eulália Pessoa, nascida no Ceará, mas radicada em Teresina desde os 3 anos de idade, é formada em Nutrição pela Universidade Federal do Piauí e em Artes Visuais pelo Instituto Camilo Filho. Tem no currículo a exposição de suas obras em Teresina e São Paulo, nacionalmente, e, internacionalmente, na Áustria, Tailândia, China, Itália, República Dominicana.

Ao redor de um artista tudo se transforma, ainda mais quando a artista em questão é a Eulália Pessoa; ela imergiu tanto na arte que se tornou parte da sua própria obra e entre o mosaico de cores, os traços e pinceladas dos seus desenhos, revela-se um estilo cuja história desnuda lembranças fossilizadas, camufladas nas camadas do tempo que somente a arte foi e é capaz de revelar.

“Eu sou uma artista porque minha alma é inquieta ou minha alma é inquieta porque eu sou uma artista” (Eulália Pessoa).

NU´ZS apresenta Chico Buarque com um outro olhar em Teresina

Projeto do Duo NU´ZS faz uma releitura da obra do gênio da Música Popular Brasileira, Chico Buarque, em versões que mesclam a música sintética com a orgânica, a tradição e a contemporaneidade desconstruindo a obra de Buarque sem perder a sofisticação. A apresentação acontece no dia 10 de maio, sexta feira, a partir das 20h30, no Teatro do Boi.

No espetáculo, as poesias e melodias de clássicos como “Geni e o Zepelim”, “João e Maria”, “Cotidiano”, entre outras, se juntam a sintetizadores, batidas eletrônicas e guitarras mostrando o quanto a obra e a genialidade de Chico são atemporais.  Os ingressos antecipados  para o evento podem ser adquiridos pelo site: sympla.com.br com classificação etária de 16 anos.

Formada pelo compositor e instrumentista Max Silva (ex-integrante do grupo “O Terço”) e por Marcê Porena, artistas com uma expressiva presença na cena da MPB com trabalhos com artistas como PAULINHO MOSKA, GUINGA entre outros, NU’ZS  iniciou a turnê do show em abril de 2017. Desde então, já passou por cidades como: Salvador, Belém, Natal, João pessoa, Recife, Porto alegre, Rio de janeiro, São Paulo, Bauru, Belo Horizonte, Juiz de Fora, Curitiba, Florianópolis, Joinvile, Vitoria entre outras. Agora chega a Teresina com a promessa de surpreender os fãs do gênio da MPB.