Gestantes e crianças de até 1 ano terão cartão de estacionamento em vaga especial

As gestantes a partir do 3º mês de gestação e crianças com até um ano de idade terão direito ao uso de vaga especial de estacionamento em estabelecimentos comerciais como shoppings, centros comerciais, hipermercados e supermercados. A medida consta no Decreto nº 18.945 de 20 de agosto deste ano assinado pelo prefeito Firmino Filho.

A Strans informa que o direito ao uso da vaga especial é exercido mediante a utilização de cartão de estacionamento da gestante ou do bebê. O cartão da gestante perde a validade com o nascimento do bebê, mas a criança tem direito a um cartão até completar um ano de idade. Para ter direito ao cartão da criança deve ser apresentada a certidão de nascimento do bebê e qualquer pessoa poderá usá-lo desde que esteja com a criança. A Strans vai expedir gratuitamente os dois tipos de cartões a partir da próxima segunda-feira, dia 09.

Para a obtenção do cartão da gestante é preciso apresentar o laudo médico que indique a idade gestacional a partir do terceiro mês, documentos pessoais e comprovante de residência. No caso do cartão da criança, além dos documentos pessoais do responsável é necessária a apresentação da certidão de nascimento do bebê. No cartão vai constar o prazo de validade e o mesmo deverá ser colocado no painel do carro nas vagas especiais.

STRANS expede todos os dias cartões de estacionamento para idosos e deficientes

Ascom/Strans

Pessoas a partir de 60 anos e portadores de deficiência têm direito a vaga especial de estacionamento com o uso do cartão expedido gratuitamente pela Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS). De janeiro a junho deste ano já foram expedidos 2.782 cartões, sendo 2.267 para idosos e 516 para deficientes. No ano passado foram 8.653 cartões expedidos. O atendimento aos interessados é de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 12h30.

Com pais idosos, a professora Silvani Maria Carvalho vai fazer uso desse serviço quando precisar conduzir os pais para os locais onde tem vaga de estacionamento para idosos. Ela esteve na sede da Strans para aquisição do cartão de vaga especial. “Recebi o documento em menos de cinco minutos, é um atendimento rápido, eficaz e estou satisfeita porque vai facilitar muito o estacionamento nos locais onde preciso levar meus pais”, diz.

José Mendes Vieira, 76 anos, é pai da Silvani, e acompanhou a filha até a Strans. Ele que gosta de passear nos shoppings está contente por ter o cartão que dá direito à vaga especial. “Vai facilitar muito para o estacionamento. Algumas vezes já tivemos que rodar bastante para encontrar vaga, mas agora vou usar a que eu tenho direito porque tenho o cartão de estacionamento”, fala.

Com um filho deficiente, Carlos Almeida da Silva, também solicitou e recebeu no mesmo instante o cartão para vaga especial. Ele levou toda a documentação necessária e está satisfeito por ter esse direito assegurado. “Quem tem na família uma pessoa com deficiência sabe o quanto é difícil fazer qualquer deslocamento. Esse cartão é um direito que a partir de agora vou fazer uso e estou satisfeito com o atendimento e a rapidez para receber o documento”, fala.

Quem necessita do cartão de estacionamento de vaga especial deve se dirigir até a sede da Strans na avenida Pedro Freitas, 1252 , bairro Vermelha, zona Sul. Quando o cartão é para vaga de idoso e o próprio requerente solicita o documento basta apresentar a Carteira de Identidade, CPF e comprovante de residência. Quando a solicitação for por outra pessoa, além de documentos pessoais tem que apresentar a ficha de cadastro disponível no site da Prefeitura de Teresina www.pmt.pi.gov.br. Para o portador de necessidades especiais deve apresentar os documentos pessoais, laudo médico e a ficha de cadastro de pessoa com deficiência emitida pelos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

O gerente de Operação e Fiscalização da Strans, Denis Lima, analisa que o uso das vagas específicas para idosos e deficientes já é verificada uma mudança de comportamento, pois os condutores estão obedecendo mais a legislação e assim respeitando os cidadãos. “As pessoas que utilizam esses cartões  geralmente têm problemas de mobilidade e precisam estacionar seus veículos próximo as entradas de supermercados, shoppings e estabelecimentos comerciais, por isso é muito importante que o direito delas seja respeitado”, orienta.

Ele informa que todas as vezes que o condutor estacionar nas vagas especiais deve colocar o cartão no painel do veículo de forma visível. “É preciso ficar claro que o uso indevido dessas vagas é uma infração gravíssima sujeita à multa de R$ 293,47 e remoção do veículo, conforme o artigo 181, XX, do Código de Trânsito Brasileiro”, informa e orienta que as pessoas que encontrarem essas vagas sendo utilizadas de maneira errada podem entrar em contato com a Central dos Agentes de Trânsito pelo fone 3122 7617 que ao receber a denúncia envia uma viatura imediatamente ao local.