SEMAM abraça projeto voluntário de reflorestamento em Teresina

A ação aconteceu em uma das áreas já mapeadas pela Prefeitura de Teresina, através da SEMAM, como áreas verdes de preservação na cidade Fotos(Ascom/Semam)

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SEMAM) em parceria com o projeto “Árvores do Amanhã” realizaram o plantio de 40 mudas nativas e frutíferas, na manhã dessa sexta-feira (27), em Teresina.

A ação aconteceu em uma das áreas já mapeadas pela Prefeitura de Teresina, através da SEMAM, como áreas verdes de preservação na cidade.

“A ideia é criar novos parques ambientais em toda Teresina. Luiza foi até a Secretaria no começo do ano e já abraçamos o projeto. Ficamos muito felizes em poder ajudar uma jovem tão engajada e preocupada com a preservação do nosso meio ambiente”, destacou a secretária Elisabeth Sá.

O objetivo do projeto, idealizado pela jovem Luiza Gutierres e que teve apoio imediato da SEMAM, através do seu Núcleo de Educação Ambiental (NEA), é conscientizar a população sobre os benefícios do reflorestamento para combater o desmatamento.

“Hoje estamos realizando nossa primeira ação de reflorestamento em Teresina. Fico muito feliz em poder ajudar a cidade onde minha família também mora. Esse é só o começo”, comemorou Luiza.

Teresina Transforma divulga vagas de voluntariado para projetos sociais

Ascom/Semcaspi

O Teresina Transforma está com diversas vagas disponíveis para voluntários em iniciativas sociais cadastradas na plataforma. Com a finalidade de promover o voluntariado e atender às demandas dos projetos sociais, o espaço virtual viabiliza a divulgação de ações e vagas para voluntários em diversas atividades na capital. No momento, a plataforma possui dezesseis projetos cadastrados.

Estão abertas vagas para três projetos, o “Servos da Misericórdia” precisa auxiliar(a) social para atuar na ação “servir ao próximo”, o abrigo de venezuelanos precisa de instrutor(a) de Espanhol para dar suporte linguístico aos acolhidos, já o “Restaurando Sonhos” precisa de voluntário para atuar como social media do projeto.

Os interessados que atendem ao perfil das vagas podem acessar o link teresinatransforma.pmt.pi.gov.br para mais detalhamento ou entrar em contato através do perfil @teresina.transforma, onde é possível ter acesso a mais vagas de outros projetos sociais. A iniciativa é uma extensão da plataforma nacional Transforma Brasil, que tem a finalidade de divulgar ações sociais e vagas de voluntariado.

Restaurando Sonhos

Utilizar o meio virtual para transformar a vida crianças e adolescentes tem sido um novo passo para o projeto social Restaurando Sonhos. Desde 2017, o projeto propõe utilizar o esporte como uma ferramenta de transformação social buscando diminuir a situação de vulnerabilidade. Atualmente, cerca 120 crianças são atendidas na capital pelo projeto que, além do futebol, trabalha a sociabilidade através de uma abordagem sociocultural e socioeducativa.

Nicolas Berge, 15 anos, faz parte do projeto e aguarda o momento para retornar aos treinos e tentar uma vaga em um time nacional. “Estou treinando em casa querendo que volte tudo logo ao normal para quando voltar tudo eu estar bem preparado. O Restaurando Sonhos tem sido muito bom para mim, eu só quero que no futuro dê tudo certo”, disse.

O coordenador do projeto enfatiza ainda o trabalho realizado de forma mais ampla para impactar positivamente a comunidade e o público com quem tem trabalhado. “Participamos recentemente uma capacitação para projetos sociais, viabilizada pela plataforma Teresina Transforma, que me fez entender que temos que trabalhar a família, e não somente as crianças. Desse modo, temos buscado através das mídias sociais falar sobre uma geração sustentável, onde comunicar meios para que as mães das crianças possam buscar sustento, por exemplo, pois o conhecimento e meios de buscar renda é importante para pensar no sustento pós-pandemia”, complementou.

Por meio do Teresina Transforma, é possível apoiar causas humanitárias e promover a ação social. A plataforma de voluntariado Teresina Transforma é uma iniciativa vinculada à Prefeitura de Teresina, através da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi).

Teresina Transforma atinge 500 voluntários e quer atrair mais instituições

Ascom/Semcaspi

O Teresina Transforma, plataforma online de divulgação de vagas de voluntariado, realizou nesta segunda-feira (20) mais um encontro de orientação junto às Organizações Não Governamentais (ONGs) da capital. Com 500 voluntários cadastrados para prestar serviços, o objetivo da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) é atrair mais instituições para o projeto.

“Sabemos do volume de entidades que precisam de ajuda. Queremos que, a partir dos que já estão engajados, consigamos trazer novas ONGs”, afirmou o secretário da Semcaspi, Samuel Silveira, chamando atenção para o fato de que a plataforma tem justamente a missão de unir quem precisa de ajuda a quem pode ajudar.

Durante a reunião, mediada pela Coordenadora de Políticas Integradas da Semcaspi, Débora Ferraz, e pelo secretário Samuel Silveira, foi reforçada a importância de que mais entidades realizem o cadastro, em virtude da grande procura por parte da população teresinense. Débora destacou que, para que o Transforma chegue ao seu potencial extremo, é necessário não apenas o cadastramento por parte das organizações, mas também a movimentação e atualização constante e detalhada de informações para o público. “Deve-se colocar as necessidades, inserir as ações e mobilizar vagas. A população vem entrando em contato pedindo uma maior disponibilidade”, afirmou

O Teresina Transforma faz parte de um movimento nacional chamado Transforma Brasil, que tem uma experiência exitosa na cidade de Recife, onde em cerca de quatro anos a plataforma digital da capital pernambucana cadastrou mais se 180 mil pessoas e acumulou mais de um milhão de horas de trabalho voluntário.

Entre as causas ofertadas pelo Transforma, estão as contempladas por categorias como: “Ações Emergenciais”, “Combate à Pobreza”, “Igualdade de Gênero”, “Proteção Animal”, “Refugiados” e “Saúde”. A plataforma local está no endereço eletrônico teresinatransforma.pmt.pi.gov.br. A população também pode conhecer através do perfil no Instagram: @teresina.transforma.

Voluntários do Projeto Risoterapia levam música e alegria para pacientes internados no HUT

Ascom/HUT

Os pacientes internados no Hospital de Urgência de Teresina (HUT) receberam essa semana a visita dos voluntários do Projeto Risoterapia. O grupo é formado por 80 integrantes e tem como missão levar amor para as pessoas internadas nos hospitais. Durante as visitas, os integrantes do projeto passeiam pelas enfermarias levando música e muita alegria.

De acordo com Augusto Pinheiro, um dos idealizadores do Risoterapia, as visitas são focadas no paciente, a fim de melhorar a qualidade de vida, minimizando, assim, os efeitos da internação.

“O sorriso libera endorfina e dá uma sensação de alívio. Existem estudos científicos que comprovam que a serotonina e a endorfina, hormônios do bem-estar e do prazer, contribuem para acelerar a recuperação dos pacientes. Além disso, durante os momentos de felicidade, as pessoas se confraternizam e reforçam os laços de amor e amizade”, destacou.

O diretor geral do HUT, Rodrigo Martins, explicou que o Hospital sempre apoia ações como essa, pois ajuda a quebrar a rotina e minimizar o estresse da internação. “É um momento de esquecer que está internado e se confraternizar com a família, amigos e profissionais de saúde. Essas ações humanizam nossa assistência e ganhamos mais confiança dos pacientes para dar continuidade ao tratamento”, explicou o diretor.