Semcaspi beneficia 13 instituições com cestas básicas no Teresina Cuida de Você

A Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), promoveu na tarde desta quarta-feira, (10), a distribuição de cestas básicas do programa “Teresina Cuida de Você” para mais 13 instituições.

O programa pretende distribuir um total de 30 mil cestas básicas, para pessoas atingidas pelos efeitos da crise causada pela pandemia do novo coronavírus.

Para Allan Cavalcante, secretário da Semcaspi, essas cestas básicas tem grande importância para aqueles que mais necessitam.

“Nós precisamos distribuir cestas básicas, e se temos que fazer isso, é porque tem gente passando fome, pois infelizmente a realidade que vivemos é diferente da que sonhamos. É dever de todos, e também da Semcaspi, da Prefeitura de Teresina, estar sempre de mãos estendidas para aqueles que precisam”, ressaltou.

Segundo Adalgisa de Sousa, presidente da Associação dos Moradores do Loteamento Parque Manoel Evangelista, o programa “Teresina Cuida de Você” é uma conquista para as famílias que estão em vulnerabilidade alimentar.

“Esse programa é importante, pois beneficia as pessoas que estão passando por necessidade. É uma conquista, pois aqueles que são beneficiados ficam felizes e agradecidos”, destacou.

Os representantes das categorias de trabalho ou entidades realizaram as inscrições por meio do site da Prefeitura de Teresina, por meio do link http://associacao.semcaspi.teresina.pi.gov.br.

Missão Natal

Eduardo Aguiar, secretário executivo de Políticas Integradas da Semcaspi, ressaltou o projeto “Missão Natal” que acontecerá no mês de dezembro em Teresina.

“A Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da ideia do prefeito Dr. Pessoa, está desenvolvendo o projeto “Missão Natal” que deve acontecer nos quatro território de Teresina em dois momentos diferente, urbano e rural, e que também, será um programa de distribuição de cestas básicas”, finalizou.

Dr. Pessoa entrega cestas básicas para a população da zona Sul

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, participou na tarde desta quinta-feira (13) da entrega de cestas básicas para famílias em vulnerabilidade alimentar na Vila São Francisco, na zona Sul da capital. Na localidade, 275 famílias foram beneficiadas. A entrega das cestas é viabilizada pela Prefeitura de Teresina através da secretaria municipal de cidadania e assistência social (Semcaspi) em parceria com o Sistema Federação das Indústrias do Estado do Piauí (FIEPI).

Ao todo, 2 mil cestas serão distribuídas para a população de Teresina até o final de agosto. As famílias e instituições contempladas, foram selecionadas através de cadastro realizado pela Semcaspi. Segundo o prefeito Dr. Pessoa, as pautas sociais serão sempre prioridade durante a sua gestão.

“Quero agradecer a Deus por ter a oportunidade de contribuir com a sociedade sendo prefeito de Teresina. As questões sociais são prioridades na nossa gestão e o nosso olhar para essa causa será sempre forte e a FIEPI foi essencial para esse projeto. Hoje é o meu aniversário, mas o maior presente é poder ver a alegria no rosto dessas pessoas que estão sendo assistidas pela Prefeitura”, disse Dr. Pessoa.

O Diretor de Assuntos Econômicos da FIEPI, Freitas Neto, diz que a instituição busca por um olhar mais amplo para a sociedade e de que estão inteiramente abertos para parcerias que tenham como objetivo beneficiar a quem mais precisa.

“É uma felicidade estar hoje aqui cumprindo uma missão da FIEPI, que é ajudar nesse trabalho que a prefeitura vem fazendo nesse momento tão difícil durante a pandemia. O que queremos sempre é trabalhar junto com as instituições que buscam dar assistência às pessoas que estão em maior vulnerabilidade”, destacou Freitas Neto.

O secretário de cidadania e assistência social, Márcio Allan, destaca que as famílias que precisam continuar recebendo as cestas básicas, devem procurar o Centro de Referência de Assistência Social mais próximo.

“De forma constante estamos elaborando ideias para auxiliarmos e nos aproximando de quem mais precisa. As cestas estão sendo distribuídas de forma emergêncial, mas as famílias que vão continuar precisando dessa assistência, devem procurar o Cras mais próximo e procurar pelos benefícios eventuais para que possam receber as cestas de forma mensal”, pontuou.